Lista de clubes campeões mundiais de futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta lista reúne os clubes campeões mundiais de futebol, ou seja, os clubes vencedores de competições que tenham sido, ao menos uma vez, tratadas em documento oficial da FIFA, aprovado por seu Comitê Executivo/Conselho, como título de campeão mundial de clubes: a Copa Rio de 1951, competição que teve o status de campeão mundial outorgado ao seu vencedor pelo Comitê Executivo da FIFA em 2014;[nota 1][2][3][4][5][6][7] da Copa Intercontinental/Copa Toyota, competição disputada entre 1960 e 2004, e que também teve o status de campeão mundial outorgado aos seus vencedores pelo Conselho da FIFA em outubro de 2017[nota 2][10][11][12][13] e a Copa do Mundo de Clubes da FIFA, competição oficial da FIFA organizada em 2000 e a partir de 2005.[14][15][16] Na versão 2017 do documento oficial da FIFA com as estatísticas dos Mundiais de Clubes FIFA, o Mundial de Clubes da própria FIFA em 2000 e a partir de 2005 é citado, sendo também citada a Copa Intercontinental e a Copa Toyota de 1960 a 2004 como torneios reconhecidos como Mundiais de Clubes, porém diferentes dos organizados pela entidade, e não sendo citados outros torneios como a Copa Rio, porém tendo a edição de 1951 sido citada como tal no instagram oficial da FIFA.[17][18]

Até hoje, 29 clubes de 11 diferentes países foram citados em documentos da FIFA como campeões mundiais.

A lista não inclui outros torneios que tenham sido tratados por imprensa ou clubes como títulos mundiais de clubes, mas que não receberam da FIFA o status de campeonatos de âmbito mundial.

Por clube

País Títulos Vices 3ºlugar 4º lugar
Espanha Real Madrid 6 (1960, 1998, 2002, 2014, 2016 e 2017) 2 (1966 e 2000[nota 3]) 1 (2000[nota 4])
Itália Milan 4 (1969, 1989, 1990 e 2007) 4 (1963, 1993, 1994 e 2003)
Uruguai Peñarol 3 (1961, 1966 e 1982) 2 (1960 e 1987)
Argentina Boca Juniors 3 (1977, 2000[nota 3] e 2003) 2 (2001 e 2007)
Espanha Barcelona 3 (2009, 2011 e 2015) 2 (1992 e 2006)
Itália Internazionale 3 (1964, 1965 e 2010)
Uruguai Nacional 3 (1971, 1980 e 1988)
Alemanha Bayern de Munique 3 (1976, 2001 e 2013)
Brasil São Paulo 3 (1992, 1993 e 2005)
Argentina Independiente 2 (1973 e 1984) 4 (1964, 1965, 1972 e 1974)
Itália Juventus 2 (1985 e 1996) 2 (1951 e 1973)
Brasil Santos 2 (1962 e 1963) 1 (2011)
Inglaterra Manchester United 2 (1999 e 2008) 1 (1968)
Países Baixos Ajax 2 (1972 e 1995)
Portugal Porto 2 (1987 e 2004)
Brasil Corinthians 2 (2000[nota 4] e 2012)
Argentina Estudiantes 1 (1968) 3 (1969, 1970 e 2009)
Paraguai Olimpia 1 (1979) 2 (1990 e 2002)
Brasil Grêmio 1 (1983) 2 (1995 e 2017)
Argentina River Plate 1 (1986) 2 (1996 e 2015)
Brasil Palmeiras 1 (1951) 1 (1999)
Brasil Internacional 1 (2006) 1 (2010)
Argentina Racing 1 (1967)
Países Baixos Feyenoord 1 (1970)
Espanha Atlético de Madrid 1 (1974)
Brasil Flamengo 1 (1981)
Sérvia Estrela Vermelha 1 (1991)
Argentina Vélez Sársfield 1 (1994)
Alemanha Borussia Dortmund 1 (1997)
Inglaterra Liverpool 3 (1981, 1984 e 2005)
Brasil Vasco da Gama 2 (1998 e 2000[nota 4]) 1 (1951)
Portugal Benfica 2 (1961 e 1962)
Brasil Cruzeiro 2 (1976 e 1997)
Colômbia Atlético Nacional 1 (1989) 1 (2016)
Escócia Celtic 1 (1967)
Grécia Panathinaikos 1 (1971)
Alemanha Borussia Mönchengladbach 1 (1977)
Suécia Malmö FF 1 (1979)
Inglaterra Nottingham Forest 1 (1980)
Inglaterra Aston Villa 1 (1982)
Alemanha Hamburgo 1 (1983)
Argentina Argentinos Juniors 1 (1985)
Romênia Steaua București 1 (1986)
Países Baixos PSV 1 (1988)
Chile Colo-Colo 1 (1991)
Colômbia Once Caldas 1 (2004)
Equador LDU Quito 1 (2008)
República Democrática do Congo Mazembe 1 (2010)
Inglaterra Chelsea 1 (2012)
Marrocos Raja Casablanca 1 (2013)
Argentina San Lorenzo 1 (2014)
Japão Kashima Antlers 1 (2016)
Egito Al-Ahly 1 (2006) 1 (2012)
México Pachuca 1 (2017) 1 (2008)
México Necaxa 1 (2000[nota 4])
Costa Rica Deportivo Saprissa 1 (2005)
Japão Urawa Red 1 (2007)
Japão Gamba Osaka 1 (2008)
Coreia do Sul Pohang Steelers 1 (2009)
Catar Al-Sadd 1 (2011)
México Monterrey 1 (2012)
Brasil Atlético Mineiro 1 (2013)
Nova Zelândia Auckland City 1 (2014)
Japão Sanfrecce Hiroshima 1 (2015)
México América 2 (2006 e 2016)
China Guangzhou Evergrande 2 (2013 e 2015)
Áustria Austria Wien 1 (1951)
Arábia Saudita Al-Ittihad 1 (2005)
Tunísia Étoile du Sahel 1 (2007)
México Atlante 1 (2009)
Coreia do Sul Seongnam 1 (2010)
Japão Kashiwa Reysol 1 (2011)
México Cruz Azul 1 (2014)
=Emirados Árabes Unidos Al-Jazira 1 (2017)

Por país

País Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
 Brasil 11 (1951, 1962, 1963, 1981, 1983, 1992, 1993, 2000,[nota 4] 2005, 2006 e 2012) 8 (1976, 1995, 1997, 1998, 1999, 2000[nota 4] 2011 e 2017) 3 (1951, 2010 e 2013)
Flag of Spain.svg Espanha 10 (1960, 1974, 1998, 2002, 2009, 2011, 2014, 2015, 2016 e 2017) 4 (1966, 1992, 2000[nota 3] e 2006) 1 (2000[nota 4])
 Argentina 9 (1967, 1968, 1973, 1977, 1984, 1986, 1994, 2000[nota 3] e 2003) 13 (1964, 1965, 1969, 1970, 1972, 1974, 1985, 1996, 2001, 2007, 2009, 2014 e 2015)
 Itália 9 (1964, 1965, 1969, 1985, 1989, 1990, 1996, 2007 e 2010) 6 (1951, 1963, 1973, 1993, 1994 e 2003)
Uruguai 6 (1961, 1966, 1971, 1980, 1982 e 1988) 2 (1960 e 1987)
 Alemanha 4 (1976, 1997, 2001 e 2013) 2 (1977 e 1983)
 Países Baixos 3 (1970, 1972 e 1995) 1 (1988)
 Inglaterra 2 (1999 e 2008) 7 (1968, 1980, 1981, 1982, 1984, 2005 e 2012)
Portugal Portugal 2 (1987 e 2004) 2 (1961 e 1962)
 Paraguai 1 (1979) 2 (1990 e 2002)
 Sérvia 1 (1991)
 Colômbia 2 (1989 e 2004) 1 (2016)
 Japão 1 (2016) 3 (2007, 2008 e 2015) 1 (2011)
Escócia 1 (1967)
 Grécia 1 (1971)
 Suécia 1 (1979)
Roménia 1 (1986)
 Chile 1 (1991)
Equador 1 (2008)
República Democrática do Congo RD Congo 1 (2010)
 Marrocos 1 (2013)
 México 3 (2000,[nota 4] 2012 e 2017) 5 (2006, 2008, 2009, 2014 e 2016)
 Egito 1 (2006) 1 (2012)
 Coreia do Sul 1 (2009) 1 (2010)
Costa Rica 1 (2005)
 Catar 1 (2011)
 Nova Zelândia 1 (2014)
 China 2 (2013 e 2015)
 Áustria 1 (1951)
Arábia Saudita 1 (2005)
 Tunísia 1 (2007)
 Emirados Árabes Unidos 1 (2017)

Por confederação

Confederação Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
UEFA 31 (1960, 1964, 1965, 1969, 1970, 1972, 1974, 1976, 1985, 1987, 1989, 1990, 1991, 1995, 1996, 1997, 1998, 1999, 2001, 2002, 2004, 2007, 2008, 2009, 2010, 2011, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017) 25 (1961, 1962, 1963, 1966, 1967, 1968, 1971, 1973, 1977, 1979, 1980, 1981, 1982, 1983, 1984, 1986, 1988, 1992, 1993, 1994, 2000,[nota 3] 2003, 2005, 2006 e 2012) 2 (1951 e 2000[nota 4])
CONMEBOL 27 (1951, 1961, 1962, 1963, 1966, 1967, 1968, 1971, 1973, 1977, 1979, 1980, 1981, 1982, 1983, 1984, 1986, 1988, 1992, 1993, 1994, 2000,[nota 4] 2000,[nota 3] 2003, 2005, 2006 e 2012) 29 (1960, 1964, 1965, 1969, 1970, 1972, 1974, 1976, 1985, 1987, 1989, 1990, 1991, 1995, 1996, 1997, 1998, 1999, 2000,[nota 4] 2001, 2002, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011, 2014, 2015 e 2017) 4 (1951, 2010, 2013 e 2016)
CAF 2 (2010 e 2013) 1 (2006) 2 (2007 e 2012)
AFC 1 (2016) 5 (2007, 2008, 2009, 2011 e 2015) 6 (2005, 2010, 2011, 2013, 2015 e 2017)
CONCACAF 4 (2000,[nota 4] 2005, 2012 e 2017) 5 (2006, 2008, 2009, 2014 e 2016)
OFC 1 (2014)

Veja também

Notas

  1. Apesar de ter reconhecido o status de competição mundial, a FIFA não promoveu a unificação da Copa Rio de 1951 com a sua atual competição.[1]
  2. Apesar de ter reconhecido o status de competição mundial, a FIFA não promoveu a unificação da Copa Intercontinental/Copa Toyota com a sua atual competição.[8][9]
  3. a b c d e f Esta colocação refere-se a Copa Europeia/Sul-Americana Toyota que ocorreu em novembro de 2000.
  4. a b c d e f g h i j k l Esta colocação refere-se ao Campeonato Mundial de Clubes da FIFA que ocorreu em janeiro de 2000.

Referências

  1. «Presidente da Fifa reconhece título de 51 como mundial do Palmeiras». globoesporte.globo.com. Consultado em 9 de novembro de 2017. 
  2. «Ministro recebe da Fifa a confirmação: Palmeiras é campeão mundial de 1951». globoesporte.globo.com. Consultado em 9 de novembro de 2017. 
  3. «Exclusivo: Documento da FIFA chamou Palmeiras de primeiro campeão mundial». ESPN Brasil. 30 de março de 2017. Consultado em 9 de novembro de 2017. 
  4. «Ex-presidente da Fifa, Blatter diz que Palmeiras é o 1º campeão mundial». Lance!. 24 de junho de 2018. Consultado em 24 de junho de 2018. 
  5. «Ao Estado, Fifa confirma mundial de 1951 para o Palmeiras». O Estado de S. Paulo. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  6. «Fifa confirma mundial de 1951 para o Palmeiras». Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  7. «Fifa exalta título do Palmeiras em 1951: 'O primeiro campeão global'». ESPN Brasil. Consultado em 10 de outubro de 2016. 
  8. «FIFA Club World Cup». FIFA. Consultado em 9 de novembro de 2017. 
  9. «FIFA Club World Cup archive». FIFA. Consultado em 9 de novembro de 2017. 
  10. «Fifa reconhece títulos mundiais de Flamengo, Grêmio, Santos e São Paulo». Globoesporte 
  11. «Fifa reconhece títulos mundiais de clubes a partir de 1960 - Esportes - Estadão». Estadão 
  12. Paulo, iG São (27 de outubro de 2017). «Fifa reconhece títulos mundiais do Flamengo, Santos, Grêmio e SP - Futebol - iG». Esporte 
  13. «Fifa reconhece mundiais de Santos, Fla, Grêmio e São Paulo». Terra 
  14. «Há 11 anos o São Paulo conquistava seu terceiro título Mundial no Japão - Gazeta Esportiva». www.gazetaesportiva.com. Consultado em 29 de outubro de 2017. 
  15. «Real Madrid chega ao penta mundial e é recordista de títulos no torneio - Gazeta Esportiva». www.gazetaesportiva.com. Consultado em 29 de outubro de 2017. 
  16. «Real Madrid penta mundial: as 5 conquistas». O Globo. 18 de dezembro de 2016 
  17. «Statskit_fcwc2017» (PDF). fifa.com. 4 de dezembro de 2017 
  18. «Green is the colour of envy». instagram.com/fifaworldcup. 22 de julho de 2016