Maria Ana de Saboia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Maria Ana
Princesa de Saboia
Maria Ana retratada por Anton Einsle
Imperatriz Consorte da Áustria
Rainha Consorte da Hungria, Croácia, Boêmia e Lombardo-Vêteno
Reinado 2 de março de 1835
a 2 de dezembro de 1848
Coroação 12 de setembro de 1836
Predecessora Carolina Augusta da Baviera
Sucessora Isabel da Baviera
 
Marido Fernando I da Áustria
Casa Saboia (nascimento)
Habsburgo-Lorena (casamento)
Nome completo
Maria Ana Carolina Pia
Nascimento 19 de setembro de 1803
  Palazzo Colonna, Roma, Sardenha
Morte 4 de abril de 1884 (80 anos)
  Praga, Cisleitânia, Áustria-Hungria
Enterro Cripta Imperial, Viena, Áustria
Pai Vítor Emanuel I da Sardenha
Mãe Maria Teresa da Áustria-Este
Religião Catolicismo

Maria Ana Carolina Pia de Saboia (em italiano: Maria Anna Carolina Pia ; Roma, 19 de setembro de 1803Praga, 4 de maio de 1884) foi uma princesa sarda e esposa de Fernando I da Áustria, sendo imperatriz da Áustria e rainha da Hungria, Croácia, Boêmia e Lombardo-Vêteno.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Maria Ana nasceu em Palazzo Colonna em Roma, filha do rei Vítor Emanuel I da Sardenha e de sua esposa, a arquiduquesa Maria Teresa da Áustria-Este. Ela tinha uma irmã gêmea, Maria Teresa. As duas princesas foram batizadas pelo papa Pio VII, tendo como padrinhos os avós maternos, o arquiduque Fernando Carlos de Áustria-Este e Maria Beatriz d'Este. No Palazzo Braschi, em Roma, existe um retrato do batizado.[1]

Em 12 de fevereiro de 1831 Maria Ana casou-se por procuração em Turim com o rei Fernando V da Hungria (mais tarde imperador Fernando I da Áustria). Em 27 de fevereiro casaram-se pessoalmente, em Viena, na capela Hofburg pelo arcebispo cardeal Rodolfo de Habsburgo-Lorena, tio de Fernando. Maria Ana e Fernando foram devotados um ao outro, apesar de não tiveram filhos.

Fernando sucedeu como imperador da Áustria em 02 de março de 1835, tornando Maria Ana imperatriz da Áustria. Em 12 de setembro de 1836 ela foi coroada como rainha da Boêmia em Praga.

Em 02 de dezembro de 1848 Fernando abdicou como Imperador da Áustria, mas manteve sua posição imperial. Maria Ana estava intitulada imperatriz Maria Ana. Eles viviam na aposentadoria juntos, passando os invernos na Castelo de Praga e os verões em Reichstadt (agora Zákupy) ou em Ploschkowitz (agora Ploskovice).

Maria Ana morreu em Praga. Ela está enterrado ao lado de seu marido no túmulo número 63, na Cripta Imperial de Viena.

Títulos e honras[editar | editar código-fonte]

Estilo imperial e real de tratamento de
Maria Ana, imperatriz da Áustria e rainha da Hungria, Croácia, Boêmia e Lombardo-Vêteno
Coat of Arms of Empress Maria Anna of Austria.svg

Brasão de Maria Ana

Estilo imperial Sua Majestade Imperial
Estilo real Sua Majestade
Estilo alternativo Senhora

Títulos e estilos[editar | editar código-fonte]

  • 19 de setembro de 1803 – 12 de fevereiro de 1831: Sua Alteza Real Maria Ana de Saboia
  • 2 de março de 1835 - 2 de dezembro de 1848: Sua Majestade Imperial a imperatriz da Áustria
  • 2 de março de 1835 - 2 de dezembro de 1848: Sua Majestade a rainha da Hungria, Croácia, Boêmia e Lombardo-Vêteno
  • 2 de dezembro de 1848 - 4 de maio de 1884: Sua Majestade Imperial imperatriz Maria Ana

Honras[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Maria Ana de Saboia

Referências