Programa Mercury

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Programa Mercury
Insígnia do Programa Mercury
País  Estados Unidos
Organização responsável NASA
Status Concluído
História
Duração 1958 - 1963
Primeiro voo Big Joe 1
9 de setembro de 1959
Último voo Mercury-Atlas 9
15–16 de maio de 1963
Sucessos 11
Acidentes 3
Mercury-Atlas 1
Mercury-Redstone 1
Mercury-Atlas 3
Local(is) de lançamento Cape Canaveral Air Force Station Launch Complex 5
Cape Canaveral Air Force Station Launch Complex 14

O Projeto Mercury ou Projecto Mercury foi o primeiro projeto tripulado de exploração espacial da Nasa (agência espacial dos Estados Unidos). Ele tinha como um de seus objetivos estabelecer a superioridade dos Estados Unidos no espaço, e suplantar as conquistas espaciais soviéticas. A médio e longo prazo, um dos objetivos era preparar a tecnologia que iria levar homens a Lua. O projeto foi seguido pelo Projeto Gemini e o Projeto Apollo.

Nave espacial e lançador[editar | editar código-fonte]

Nave do Programa Mercury

A nave Mercury tinha capacidade apenas para um astronauta e manobras na órbita terrestre. O projeto usou inicialmente os foguetes Little Joe e Mercury-Redstone, e a seguir o Atlas, o mesmo que seria usado no Projeto Gemini.

Missão e objetivos[editar | editar código-fonte]

Inicialmente a Nasa pretendia mandar, imediatamente após o Projeto Mercury, uma missão tripulada para orbitar a Lua. No entanto, o discurso de Kennedy com o desafio de pousar na Lua antes do fim da década, mudou estes planos, e levou a criação do Projeto Apollo.

O Projeto Mercury foi bem sucedido em testar as condições dos astronautas e do equipamento e preparou a tecnologia que seria usada nas naves Gemini e Apollo.

Astronautas do Projeto[editar | editar código-fonte]

Astronautas do Projeto Mercury - da esquerda para a direita: Walter Schirra, Donald Slayton, John Glenn e Scott Carpenter; em cima: Alan Shepard, , Virgil Grissom e Gordon Cooper

A Nasa anunciou os astronautas escolhidos para o programa espacial em 9 de abril de 1959. Os sete ficaram conhecidos como os "Mercury 7" ou "7 originais". Eles eram: Walter Schirra, Donald Slayton, John Glenn, Scott Carpenter, Alan Shepard, , Virgil Grissom e Gordon Cooper Alguns deles, como Schirra e Alan Shepard, acabaram trabalhando no Projeto Apollo. John Glenn, que foi o primeiro estadunidense a orbitar a terra, já sexagenário e senador dos Estados Unidos, participou de um voo do Ônibus Espacial.

Missões Não Tripuladas[editar | editar código-fonte]

Missões com Primatas[editar | editar código-fonte]

Missões Tripuladas[editar | editar código-fonte]

Alan Shepard após pouso

Os voos do Mercury foram:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Programa Mercury


Precedido por
nenhum
Programa Espacial Americano
1959 – 1963
Sucedido por
Projeto Gemini