Gordon Cooper

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde abril de 2019)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Gordon Cooper
Nome completo Leroy Gordon Cooper Jr.
Nascimento 6 de março de 1927
Shawnee, Estados Unidos
Morte 4 de outubro de 2004 (77 anos)
Ventura, Estados Unidos
Nacionalidade Estados Unidos norte-americano
Progenitores Mãe: Hattie Lee Herd
Pai: Gordon Cooper Sr.
Cônjuge Trudy Olson (1947–1970)
Suzan Taylor (1972–2004)
Filho(s)
  • Camala
  • Janita
  • Colleen
  • Elizabeth
Alma mater Universidade do Havaí
Universidade de Maryland
Instituto de Tecnologia da Força Aérea
Ocupação
Serviço militar
Serviço Força Aérea dos Estados Unidos
Anos de serviço 1949–1959
Patente Coronel
Condecorações Legião do Mérito
Cruz de Voo Distinto
Carreira espacial
Astronauta da NASA
Tempo no espaço 9 dias, 9 horas, 14 minutos
Seleção Grupo 1 da NASA 1959
Missões
Insígnia da missão Faith 7 insignia.jpg Gemini5insignia.png
Aposentadoria 31 de julho de 1970
Prêmios Medalha de Serviço
Distinto da NASA

Leroy Gordon "Gordo" Cooper Jr. (Shawnee, 6 de março de 1927Ventura, 4 de outubro de 2004), foi um astronauta norte-americano integrante do grupo de sete pilotos selecionados para o Projeto Mercury, o pioneiro programa espacial dos Estados Unidos.

Ele foi pela primeira vez ao espaço em 15 de maio de 1963, a bordo da nave Faith 7, no último voo do Projeto Mercury e em seu voo quebrou todos os recordes de permanência no espaço, passando um total de 34 horas, 19 minutos e 49 segundos num total de 22 órbitas em volta da Terra, mais que todos os voos anteriores da Mercury juntos, sendo o primeiro astronauta a dormir no espaço.

Em agosto de 1965, Cooper comandou a nave Gemini V num voo de oito dias e 120 órbitas em volta da Terra, ao lado do astronauta Pete Conrad – que comandaria a Apollo 12 e seria o terceiro homem a pisar na Lua - demonstrando pela primeira vez que astronautas poderiam suportar um longo período na falta de gravidade, experiência fundamental para testar a capacidade do homem de adaptação ao espaço pelo tempo necessário de uma viagem de ida e volta à Lua.

Cooper e Alan Shepard, os dois únicos remanescentes da equipe original do Projeto Mercury ainda em atividade no fim dos anos 60, disputaram a vaga para comandar uma Missão Apollo e pisar na Lua. Com a escolha de Shepard, que acabou comandando a Apollo 14, Cooper aposentou-se da NASA e da Força Aérea como coronel, em julho de 1970, tendo voado cerca de 222 horas pelo espaço.

No fim da vida ele foi acometido pelo Mal de Parkinson e morreu de ataque cardíaco em 2004, em sua casa em Ventura, na Califórnia, aos 77 anos de idade.

Ver também[editar | editar código-fonte]