Resultados da fase final da Copa Libertadores da América de 2011

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A fase final da Copa Libertadores da América de 2011 compreendeu as disputas de oitavas-de-final, quartas-de-final, semifinal e final. As equipes se enfrentaram em jogos eliminatórios de ida e volta em cada fase, e a que somasse mais pontos se classificava a fase seguinte.

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Se em um cruzamento as determinadas equipes igualassem em pontos, o primeiro critério de desempate seria o saldo de gols. Caso empatassem no saldo, o gol marcado na casa do adversário entraria em consideração. Persistindo o empate, a vaga seria decidida na disputa por pênaltis.[1]

Classificação geral[editar | editar código-fonte]

Para determinar todos os cruzamentos da fase final, foi levado em conta o desempenho das equipes na segunda fase. As equipes que finalizaram em primeiro lugar nos grupos dividiram-se de 1º a 8º e as equipes que se classificaram em segundo lugar nos grupos, de 9º a 16º.[2] A melhor equipe enfrentou a 16ª, a 2ª contra a 15ª, e assim sucessivamente.

Pos. Primeiros dos grupos Pts SG GP
1 Brasil Cruzeiro 16 +19 20
2 Paraguai Libertad 14 +8 13
3 Brasil Internacional 13 +11 14
4 Colômbia Junior Barranquilla 13 +2 9
5 Paraguai Cerro Porteño 11 +5 13
6 Chile Universidad Católica 11 +2 11
7 Equador LDU Quito 10 +8 12
8 México América 10 +1 8
Pos. Segundos dos grupos Pts GP SG
9 Brasil Santos 11 +3 11
10 Argentina Vélez Sarsfield 10 +5 12
11 Brasil Grêmio 10 +3 9
12 Argentina Estudiantes 10 -2 9
13 México Jaguares 9 -2 6
14 Uruguai Peñarol 9 -5 6
15 Brasil Fluminense 8 0 9
16 Colômbia Once Caldas 7 -1 7

Oitavas-de-final[editar | editar código-fonte]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
A Cruzeiro Brasil 2–3 Colômbia Once Caldas 2–1 0–2
B Libertad Paraguai 4–3 Brasil Fluminense 1–3 3–0
C Internacional Brasil 2–3 Uruguai Peñarol 1–1 1–2
D Junior Barranquilla Colômbia 4–4 (gf) México Jaguares 1–1 3–3
E Cerro Porteño Paraguai 0–0 (5–3 p) Argentina Estudiantes 0–0 0–0
F Universidad Católica Chile 3–1 Brasil Grêmio 2–1 1–0
G LDU Quito Equador 0–5 Argentina Vélez Sarsfield 0–3 0–2
H América México 0–1 Brasil Santos 0–1 0–0

Chave A[editar | editar código-fonte]

27 de abril Once Caldas Colômbia 1 – 2 Brasil Cruzeiro Estádio Palogrande, Manizales
19:50 (UTC-5)
Núñez Gol marcado aos 88 minutos de jogo 88' Relatório Wallyson Gol marcado aos 72 minutos de jogo 72'
Ortigoza Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
Árbitro: PeruPER Víctor Carrillo

4 de maio Cruzeiro Brasil 0 – 2 Colômbia Once Caldas Arena do Jacaré, Sete Lagoas
21:50 (UTC-3)
Relatório Amaya Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66'
Moreno Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71'
Árbitro: ParaguaiPAR Antonio Arias

Chave B[editar | editar código-fonte]

28 de abril Fluminense Brasil 3 – 1 Paraguai Libertad Estádio Engenhão, Rio de Janeiro
22:55 (UTC-3)[3]
Rafael Moura Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3'
Marquinho Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71'
Conca Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74'
Relatório Gamarra Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59' Árbitro: ArgentinaARG Sergio Pezzotta

4 de maio Libertad Paraguai 3 – 0 Brasil Fluminense Estádio Defensores del Chaco, Assunção
20:50 (UTC-4)
Rojas Gol marcado aos 57 minutos de jogo 57'
Samudio Gol marcado aos 85 minutos de jogo 85'
Núñez Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90'
Relatório Árbitro: UruguaiURU Roberto Silvera

Chave C[editar | editar código-fonte]

28 de abril Peñarol Uruguai 1 – 1 Brasil Internacional Estádio Centenario, Montevidéu
19:30 (UTC-3)
Corujo Gol marcado aos 36 minutos de jogo 36' Relatório Leandro Damião Gol marcado aos 64 minutos de jogo 64' Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Torres

4 de maio Internacional Brasil 1 – 2 Uruguai Peñarol Estádio Beira-Rio, Porto Alegre
19:30 (UTC-3)
Oscar Gol marcado aos 1 minutos de jogo 1' Relatório Martinuccio Gol marcado aos 46 minutos de jogo 46'
Olivera Gol marcado aos 50 minutos de jogo 50'
Árbitro: ChileCHI Enrique Osses

Chave D[editar | editar código-fonte]

27 de abril Jaguares México 1 – 1 Colômbia Junior Barranquilla Estádio Víctor Manuel Reyna, Tuxtla Gutiérrez
17:30 (UTC-5)
Martínez Gol marcado aos 57 minutos de jogo 57' Relatório Páez Gol marcado aos 6 minutos de jogo 6' Árbitro: EquadorECU Omar Ponce

5 de maio Junior Barranquilla Colômbia 3 – 3 México Jaguares Estádio Metropolitano, Barranquilla
20:45 (UTC-5)
Valencia Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35'
Páez Gol marcado aos 50 minutos de jogo 50'
Bacca Gol marcado aos 72 minutos de jogo 72'
Relatório Martínez Gol marcado aos 39 minutos de jogo 39', Gol marcado aos 63 minutos de jogo 63'
Andrade Gol marcado aos 86 minutos de jogo 86'
Árbitro: BrasilBRA Héber Lopes

Chave E[editar | editar código-fonte]

27 de abril Estudiantes Argentina 0 – 0 Paraguai Cerro Porteño Estádio Ciudad de La Plata, La Plata
19:30 (UTC-3)
Relatório Árbitro: BrasilBRA Sálvio Fagundes

5 de maio Cerro Porteño Paraguai 0 – 0 Argentina Estudiantes Estádio General Pablo Rojas, Assunção
19:15 (UTC-4)
Relatório Árbitro: ColômbiaCOL Óscar Ruiz
    Penalidades  
dos Santos Convertido
Fabbro Convertido
Nanni Convertido
Cáceres Convertido
Villarreal Convertido
5–3 Convertido Benítez
Convertido López
Convertido Pereyra
Erro (Defesa) Roncaglia
 

Chave F[editar | editar código-fonte]

26 de abril Grêmio Brasil 1 – 2 Chile Universidad Católica Estádio Olímpico, Porto Alegre
19:30 (UTC-3)
Douglas Gol marcado aos 58 minutos de jogo 58' Relatório Pratto Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28', Gol marcado aos 73 minutos de jogo 73' Árbitro: ArgentinaARG Néstor Pittana

4 de maio Universidad Católica Chile 1 – 0 Brasil Grêmio Estádio San Carlos de Apoquindo, Santiago
21:50 (UTC-3)
Mirosevic Gol marcado aos 85 minutos de jogo 85' Relatório Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Amarilla

Chave G[editar | editar código-fonte]

26 de abril Vélez Sarsfield Argentina 3 – 0 Equador LDU Quito Estádio José Amalfitani, Buenos Aires
21:50 (UTC-3)
Fernández Gol marcado aos 7 minutos de jogo 7', Gol marcado aos 10 minutos de jogo 10'
Domínguez Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54'
Relatório Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Amarilla

5 de maio LDU Quito Equador 0 – 2 Argentina Vélez Sarsfield Estádio Casa Blanca, Quito
20:45 (UTC-5)
Relatório Álvarez Gol marcado aos 45+10 minutos de jogo 45+10'
Bella Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80'
Árbitro: ColômbiaCOL Wilmar Roldán

Chave H[editar | editar código-fonte]

27 de abril Santos Brasil 1 – 0 México América Estádio Vila Belmiro, Santos
21:50 (UTC-3)
Ganso Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38' Relatório Árbitro: UruguaiURU Jorge Larrionda

3 de maio América México 0 – 0 Brasil Santos Estádio Corregidora, Querétaro
20:45 (UTC-5)
Relatório Árbitro: EquadorECU Carlos Vera

Quartas-de-final[editar | editar código-fonte]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
S1 Once Caldas Colômbia 1–2 Brasil Santos 0–1 1–1
S2 Libertad Paraguai 2–7 Argentina Vélez Sarsfield 0–3 2–4
S3 Peñarol Uruguai 3–2 Chile Universidad Católica 2–0 1–2
S4 Jaguares México 1–2 Paraguai Cerro Porteño 1–1 0–1

Chave S1[editar | editar código-fonte]

11 de maio Once Caldas Colômbia 0 – 1 Brasil Santos Estádio Palogrande, Manizales
19:50 (UTC-5)
Relatório Alan Patrick Gol marcado aos 42 minutos de jogo 42' Árbitro: VenezuelaVEN Juan Soto

18 de maio Santos Brasil 1 – 1 Colômbia Once Caldas Estádio do Pacaembu, São Paulo
22:00 (UTC-3)
Neymar Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11' Relatório Rentería Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74' Árbitro: ChileCHI Enrique Osses

Chave S2[editar | editar código-fonte]

12 de maio Vélez Sarsfield Argentina 3 – 0 Paraguai Libertad Estádio La Bombonera, Buenos Aires
20:15 (UTC-3)
Moralez Gol marcado aos 20 minutos de jogo 20'
Martínez Gol marcado aos 75 minutos de jogo 75', Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80'
Relatório Árbitro: BrasilBRA Wilson Seneme

18 de maio Libertad Paraguai 2 – 4 Argentina Vélez Sarsfield Estádio Defensores del Chaco, Assunção
18:30 (UTC-4)
Rojas Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44'
Maciel Gol marcado aos 50 minutos de jogo 50'
Relatório Moralez Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45', Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66'
Franco Gol marcado aos 86 minutos de jogo 86'
Fernández Gol marcado aos 87 minutos de jogo 87'
Árbitro: BrasilBRA Sálvio Fagundes

Chave S3[editar | editar código-fonte]

11 de maio Peñarol Uruguai 2 – 0 Chile Universidad Católica Estádio Centenario, Montevidéu
19:30 (UTC-3)
Olivera Gol marcado aos 36 minutos de jogo 36'
Martinuccio Gol marcado aos 90+3 minutos de jogo 90+3'
Relatório Árbitro: ArgentinaARG Héctor Baldassi

19 de maio Universidad Católica Chile 2 – 1 Uruguai Peñarol Estádio San Carlos de Apoquindo, Santiago
19:00 (UTC-4)
Meneses Gol marcado aos 17 minutos de jogo 17'
R. Gutiérrez Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68'
Relatório Estoyanoff Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84' Árbitro: BrasilBRA Héber Lopes

Chave S4[editar | editar código-fonte]

12 de maio Jaguares México 1 – 1 Paraguai Cerro Porteño Estádio Víctor Manuel Reyna, Tuxtla Gutiérrez
20:45 (UTC-5)
Pedroza Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90' Relatório Fabbro Gol marcado aos 72 minutos de jogo 72' Árbitro: ArgentinaARG Sergio Pezzotta

19 de maio Cerro Porteño Paraguai 1 – 0 México Jaguares Estádio General Pablo Rojas, Assunção
21:30 (UTC-4)
Benítez Gol marcado aos 72 minutos de jogo 72' Relatório Árbitro: UruguaiURU Darío Ubriaco

Semifinais[editar | editar código-fonte]

Se dois times do mesmo país alcançarem às semifinais, os confrontos serão alterados de forma a esses dois times se enfrentarem nessa fase, modificando os cruzamentos pré-determinados.[1]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
F1 Santos Brasil 4–3 Paraguai Cerro Porteño 1–0 3–3
F2 Vélez Sarsfield Argentina 2–2 (gf) Uruguai Peñarol 0–1 2–1

Chave F1[editar | editar código-fonte]

25 de maio Santos Brasil 1 – 0 Paraguai Cerro Porteño Estádio do Pacaembu, São Paulo
21:50 (UTC−3)
Edu Dracena Gol marcado aos 43 minutos de jogo 43' Relatório Árbitro: UruguaiURU Jorge Larrionda

1 de junho Cerro Porteño Paraguai 3 – 3 Brasil Santos Estádio General Pablo Rojas, Assunção
20:50 (UTC-4)
C. Benítez Gol marcado aos 31 minutos de jogo 31'
Lucero Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60'
Fabbro Gol marcado aos 81 minutos de jogo 81'
Relatório Zé Eduardo Gol marcado aos 2 minutos de jogo 2'
Barreto Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28' (g.c.)
Neymar Gol marcado aos 45+1 minutos de jogo 45+1'
Árbitro: ColômbiaCOL Wilmar Roldán

Chave F2[editar | editar código-fonte]

26 de maio Peñarol Uruguai 1 – 0 Argentina Vélez Sarsfield Estádio Centenario, Montevidéu
21:50 (UTC−3)
D. Rodríguez Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44' Relatório Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Amarilla

2 de junho Vélez Sarsfield Argentina 2 – 1 Uruguai Peñarol Estádio José Amalfitani, Buenos Aires
21:50 (UTC−3)
Tobio Gol marcado aos 45+1 minutos de jogo 45+1'
Silva Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66'
Relatório Mier Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33' Árbitro: ChileCHI Enrique Osses

Final[editar | editar código-fonte]

O campeão da Copa Libertadores 2011 garantiu o direito de participar da Copa do Mundo de Clubes da FIFA de 2011 no Japão, a exceção para os clubes mexicanos que se classificam através da Liga dos Campeões da CONCACAF.

Além do Mundial de Clubes, o campeão adquiriu o direito de participar da Recopa Sul-Americana de 2012, contra o campeão da Copa Sul-Americana de 2011.

Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
Santos Brasil 2–1 Uruguai Peñarol 0–0 2–1
15 de junho Peñarol Uruguai 0 – 0 Brasil Santos Estádio Centenario, Montevidéu
21:50 (UTC−3)
Relatório Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Amarilla

22 de junho Santos Brasil 2 – 1 Uruguai Peñarol Estádio do Pacaembu, São Paulo
21:50 (UTC-3)
Neymar Gol marcado aos 46 minutos de jogo 46'
Danilo Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68'
Relatório Durval Gol marcado aos 79 minutos de jogo 79' (g.c.) Público: 37 894
Árbitro: ArgentinaARG Sergio Pezzotta

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Regulamento da Copa Santander Libertadores 2011» (PDF) (em espanhol). CONMEBOL.com. Consultado em 22 de abril de 2011 
  2. «Así continúa la Copa Santander Libertadores» (em espanhol). CONMEBOL.com. 21 de abril de 2011. Consultado em 22 de abril de 2011 
  3. «Fluminense pisa fuerte en casa (3-1)». CONMEBOL.com. 28 de abril de 2011. Consultado em 29 de abril de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]