Campeonato Catarinense de Futebol de 2010 - Divisão Principal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde maio de 2013). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Campeonato Catarinense de 2010
Divisão Principal – Primeira Divisão
Dados
Participantes 10
Anfitrião Santa Catarina
Período 17 de janeiro2 de maio
Gol(o)s 309
Jogos 98
Média 3,15 gol(o)s por partida
Campeão Avaí
Vice-campeão Joinville
Campeão do interior Informações atualizadas até 25 de novembro
Melhor marcador Willian (13 gols)
Público 343 957
Média 3 509,8 pessoas por partida
Outras divisões
Divisão Especial Marcílio Dias
Divisão de Acesso Caxias-SC
Premiações
Melhor treinador
Péricles Chamusca (Avaí)
Melhor árbitro
Paulo Henrique Bezerra
◄◄ Santa Catarina D. Principal 2009 Soccerball.svg D. Principal 2011 Santa Catarina ►►
Informações atualizadas até 25 de novembro

A Divisão Principal do Campeonato Catarinense de Futebol de 2010 será a 87ª edição da principal divisão do futebol catarinense. A disputa ocorrerá entre 10 clubes e ocorrerá entre os mêses de janeiro e maio. O regulamento terá algumas modificações em relação aos dos anos anteriores.

Regulamento[1] [editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Primeiro Turno[editar | editar código-fonte]

  • Primeira fase: Os dez participantes jogam todos contra todos, em turno único. As 4 equipes que mais somarem pontos nessa etapa classificam-se para a segunda fase.
  • Fase final: A semifinal e a final será disputada em partida única, com vantagem de empate para o clube de melhor campanha.

Segundo Turno[editar | editar código-fonte]

  • Primeira fase: Os dez participantes jogam todos contra todos, em turno único. As 4 equipes que mais somarem pontos nessa etapa classificam-se para a segunda fase. A única diferença em relação ao Primeiro Turno é que o mando de campo será invertido.Apenas o campeão terá o direito de disputar a Copa do Brasil de 2011.
  • Fase final: A semifinal e a final será disputada em partida única, com vantagem de empate para o clube de melhor campanha. Se o campeão do Primeiro Turno conquistar o titulo, a segunda vaga para a grande final ficará com o segundo colocado na classificação geral (soma entre os dois turnos)

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Caso haja empate de pontos entre dois clubes, os critérios de desempates serão aplicados na seguinte ordem:

  1. Número de vitórias
  2. Saldo de gols
  3. Gols marcados
  4. Confronto direto
  5. Número de cartoes vermelhos
  6. Número de cartoes amarelos
  7. Sorteio

Final[editar | editar código-fonte]

A final será disputada em duas partidas envolvendo os campeões do Primeiro Turno e do Segundo Turno (ou segundo colocado da primeira fase). O clube de melhor campanha terá direito a mando de campo no segundo jogo.

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

  1. Saldo de gols
  2. Gols fora de casa (caso duas partidas não forem no mesmo estádio)
  3. Desempenho na primeira fase

Rebaixamento[editar | editar código-fonte]

Os dois últimos clubes na classificação geral serão rebaixados para a Divisão Especial de 2011 (equivalente a segunda divisão de Santa Catarina)

Televisão[editar | editar código-fonte]

A Divisão Principal do Campeonato Catarinense de Futebol de 2010 terá 23 jogos transmitidos ao vivo pela RBS TV.[2] Outros jogos também poderão ser assistidos ao vivo através de televisão por assinatura utilizando o sistema Pay-per-view.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Mapa dos municípios participantes da Primeira Divisão
Equipe Cidade Em 2009 Estádio Capacidade Títulos (mais recente)
Atlético Ibirama Bandeira Ibirama SantaCatarina Brasil2.jpg Ibirama 6º (Principal) Baixada 6.000 0 (não possui)
Avaí Bandeira de Florianópolis.svg Florianópolis 1º (Principal) Ressacada 15.000 14 (2009)
Brusque Bandeira Brusque SantaCatarina Brasil.jpg Brusque 7º (Principal) Augusto Bauer 5.000 1 (1992)
Imbituba Bandeira Imbituba SantaCatarina Brasil.jpg Imbituba 1º (Especial) Emília Mendes Rodrigues 5.000 0 (não possui)
Chapecoense Flag of Chapecó.svg Chapecó 2º (Principal) Arena Condá 15.000 3 (2007)
Criciúma BandeiraCriciuma.svg Criciúma 4º (Principal) Heriberto Hülse 22.000 9 (2005)
Figueirense Bandeira de Florianópolis.svg Florianópolis 5º (Principal) Orlando Scarpelli 19.069 15 (2008)
Joinville Bandeira joinville.png Joinville 3º (Principal) Arena Joinville 22.000 12 (2001)
Juventus Bandeira JaraguadoSul SantaCatarina Brasil.svg Jaraguá do Sul 2º (Especial) João Marcatto 10.000 0 (não possui)
Metropolitano Blumenau bandeira.jpg Blumenau 8º (Principal) Monumental do Sesi 6.000 0 (não possui)

Desempenho por Rodada[editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Primeiro Turno[editar | editar código-fonte]

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG AP%
1 Joinville 19 9 6 1 2 18 12 +6 70,3
2 Avaí 18 9 5 3 1 20 11 +9 66,6
3 Atlético de Ibirama 17 9 5 2 2 15 10 +5 62,9
4 Metropolitano 15 9 5 0 4 10 8 +2 55,5
5 Imbituba 15 9 5 0 4 16 15 -1 55,5
6 Figueirense 14 9 4 2 3 18 14 +4 51,8
7 Criciúma 11 9 3 2 4 13 16 -3 40,7
8 Brusque 9 9 3 0 6 12 17 -5 33,3
9 Chapecoense 8 9 2 2 5 14 16 -2 29,6
10 Juventus 2 9 0 2 7 6 23 -17 7,4
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols;
AP - aproveitamento em porcentagem
Classificação a fase final do Primeiro Turno

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

Jogos da próxima rodada estão em vermelho.

Jogos "clássicos" estão em negrito.

Resultados estão em verde.

  AIB AVA BRU IMB CHA CRI FIG JOI JUV MET
Atlético Ibirama 3-1 * 2-0 2–1 * * 0-1 * *
Avaí * 3–0 4-2 1-0 * * 5-1 * 1-0
Brusque 0-2 * * * * 2–1 2-3 * 0-1
Imbituba * * * * 2-3 * 2-1 3-1 1-0
Chapecoense * * 2-3 1-2 * * 1-1 2-1 2–0
Criciúma 1–3 2-2 2-0 * 2-2 1-2 * * *
Figueirense 1-1 2–2 * 3–1 4-3 * * * *
Joinville * * * * * 3–0 2-1 3-0 3-1
Juventus 1-1 1–1 0-5 * * 1-2 1-4 * *
Metropolitano 4-1 * * * * 1-0 1-0 * 2–0

Fase final[editar | editar código-fonte]

  Semifinais Final
             
 
  Joinville*   
  Metropolitano   
 
 
      Joinville* 
    Avaí 
 
  Avaí 
  Atlético de Ibirama   

* Vencedor do confronto pela melhor campanha no 1º turno.

Segundo Turno[editar | editar código-fonte]

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG AP%
1 Avaí 19 9 6 1 2 19 8 +11 70,4
2 Figueirense 18 9 5 3 1 24 8 +16 66,6
3 Joinville 15 9 4 3 2 16 16 0 55,5
4 Brusque 14 9 4 2 3 17 13 +4 51,8
5 Imbituba 12 9 3 3 3 13 15 -2 44,4
6 Criciúma 12 9 3 3 3 9 14 -5 44,4
7 Metropolitano 10 9 3 1 5 14 18 -4 37
8 Atlético de Ibirama 10 9 2 4 3 9 13 -4 37
9 Chapecoense 7 9 1 4 4 9 15 -6 25,9
10 Juventus 6 9 2 0 7 14 24 -10 22,2
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols;
AP - aproveitamento em porcentagem
Classificação a fase final do Segundo Turno

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Para ler a tabela, a linha horizontal representa os jogos da equipe como mandante. A coluna vertical indica os jogos da equipe como visitante.

Jogos da próxima rodada estão em vermelho.

Jogos "clássicos" estão em negrito.

Resultados estão em verde.

  AIB AVA BRU IMB CHA CRI FIG JOI JUV MET
Atlético Ibirama * 0-0 * * 1-1 2–0 * 2-3 3-2
Avaí 5-0 * * * 1–0 1–1 * 3-1 *
Brusque * 0-2 3-0 2–2 2-0 * * 3–1 *
Imbituba 1–0 1–0 * 1-2 * 2-2 * * *
Chapecoense 0-0 1–3 * * 1-1 0-0 * * *
Criciúma * * * 3-2 * * 1–1 2–1 1–0
Figueirense * * 5-3 * * 5–0 3–0 5-0 3-0
Joinville 1–1 3-2 3–2 2-2 2-1 * * * *
Juventus * * * 1-2 3–0 * * 2-3 2-4
Metropolitano * 1-2 0-2 2–2 3-2 * * 2-1 *

Fase final[editar | editar código-fonte]

  Semifinais Final
             
 
  Avaí   
  Brusque   
 
 
      Avaí
    Figueirense 
 
  Figueirense* 
  Joinville   

* Vencedor do confronto pela melhor campanha no 2º turno.

Final[editar | editar código-fonte]

O Avaí teve a segunda partida jogada em casa, por melhor desempenho em todo o campeonato.

Primeiro jogo[editar | editar código-fonte]

25 de abril Joinville 1 – 3 Avaí Estádio da Arena, Joinville
16:00 h
Ricardinho Gol marcado aos 18 minutos de jogo 18' (2º T) Súmula Davi Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23' (1º T)
Rudnei Gol marcado aos 2 minutos de jogo 2' (2º T)
Roberto Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38' (2º T)
Público: 11.392
Árbitro: Paulo Henrique de Godoy Bezerra

Segundo jogo[editar | editar código-fonte]

2 de maio Avaí 2 – 0 Joinville Estádio da Ressacada, Florianópolis
16:00 h
Roberto Gol marcado aos 12 minutos de jogo 12' (1º T)
Davi Gol marcado aos 32 minutos de jogo 32' (1º T)
Súmula Público: 17.012
Árbitro: Célio Amorim
Classificação
Time PG J V E D GP GC SG PRO
Avaí 6 2 2 0 0 5 1 +4 -
Joinville 0 2 0 0 2 1 5 -4 -
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols; PRO - Gols na Prorrogação
Campeão Catarinense de 2010 e Classificado à Copa do Brasil de 2011.
Campeão Vice-Campeão Jogo 1 Jogo 2 Prorrogação
Avaí Joinville 3 - 1 2 - 0 -
Campeão Catarinense 2010
Brasao florianopolis.gif

Avaí
15º Título

Classificação geral[editar | editar código-fonte]

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG AP%
1 Avaí 37 18 11 4 3 39 19 +20 68,5
2 Joinville 34 18 10 4 4 34 28 +6 63
3 Figueirense 32 18 9 5 4 42 22 +20 59,2
4 Imbituba 27 18 8 3 7 29 30 -1 50
5 Atlético de Ibirama 27 18 7 6 5 24 23 +1 50
6 Metropolitano 25 18 8 1 9 24 26 -2 46,3
7 Brusque 23 18 7 2 9 29 30 -1 42,6
8 Criciúma 23 18 6 5 7 22 30 -8 42,6
9 Chapecoense 15 18 3 6 9 23 31 -8 27,7
10 Juventus 8 18 2 2 14 20 47 -27 14,8
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols;
AP - aproveitamento em porcentagem
Melhor campanha no geral do Campeonato.
Classificação a Série D do Campeonato Brasileiro de 2010.
Rebaixamento à Divisão Especial de 2011.

Principais Artilheiros[3] [editar | editar código-fonte]

Atualizado em 12 de abril às 14:01 UTC-3

Gols Jogador Clube
13 Brasil Willian Figueirense
12 Brasil Felipe Oliveira CFZ Imbituba
11 Brasil Cris Joinville
10 Brasil Lima Joinville
8 Brasil Leonardo Avaí
Argentina Mariano Trípodi Metropolitano

Transmissão[editar | editar código-fonte]

A RBS TV (afiliada da Rede Globo) deteve todos os direitos de transmissão para a temporada de 2010 pela TV aberta e em pay-per-view, através do canal Premiere FC. O canal aberto recuperou a transmissão da RIC Record, o qual havia perdido nos anos de 2007, 2008 e 2009.

Na TV aberta, houve a cobertura de praticamente todas as rodadas, com exceção da oitava do turno, a qual a tabela ocupou uma data que já era preenchida pela grade da TV Globo para a transmissão da Libertadores. Os jogos foram transmitidos para todo o estado, menos para a região onde foram realizadas as partidas. As duas exceções se deram com Metropolitano x Chapecoense, devido aos grandes temporais na semana, obtendo autorização da FCF para liberarem a partida para a região de Blumenau e com Avaí x Joinville, pela final, pois era o último jogo do campeonato.

Após a retomada, a RBS TV seguiu o mesmo padrão adotado pela empresa no Rio Grande do Sul, transmitindo praticamente sempre os jogos fora de casa dos dois times da capital, fato que gerou polêmica por parte das torcidas do Joinville e Criciúma, os outros dois grandes do estado, que só tiveram um jogo fora de casa transmitido cada, contra 7 do Avaí e 5 do Figueirense.

No pay per view, a princípio, ficou garantida a transmissão de todos os jogos de Avaí, Figueirense, Criciúma e Joinville, inclusive para as próprias regiões.

Jogos transmitidos pela RBS TV[editar | editar código-fonte]

1º Turno[editar | editar código-fonte]

  • 1ª rodada - Joinville 3x0 Criciúma - 17 de janeiro (Dom) - 17:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)
  • 2ª rodada - Juventus 1x1 Avaí - 20 de janeiro (Qua) - 22:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)
  • 3ª rodada - Joinville 2x1 Figueirense - 24 de janeiro (Dom) - 17:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)
  • 4ª rodada - Criciúma 2x2 Avaí - 27 de janeiro (Qua) - 22:00 (Todo o estado, menos região de Criciúma)
  • 5ª rodada - Metropolitano 1x0 Figueirense - 31 de janeiro (Dom) - 17:00 (Todo o estado, menos região de Blumenau)
  • 6ª rodada - Criciúma 2x2 Chapecoense - 3 de fevereiro (Qua) - 22:00 (Todo o estado, menos região de Criciúma)
  • 7ª rodada - Juventus 1x4 Figueirense - 7 de fevereiro(Dom) - 17:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)
  • 9ª rodada - Avaí 1x0 Metropolitano - 13 de fevereiro(Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Florianópolis)
  • Semifinal - Joinville 2x2 Metropolitano - 17 de fevereiro (Qua) - 22:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)
  • Final - Joinville 1x1 Avaí - 21 de fevereiro (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)

*O Jogo Atlético de Ibirama 3x1 Avaí, válido pela 8ª rodada, teve sua transmissão cancelada pois a data estava reservada para a transmissão da Libertadores pela TV Globo

2º Turno[editar | editar código-fonte]

  • 1ª rodada - Brusque 0x2 Avaí - 28 de fevereiro (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Blumenau)
  • 2ª rodada - Metropolitano 3x2 Chapecoense - 3 de março (Qua) - 22:00 (Todo o estado)
  • 3ª rodada - Chapecoense 1x3 Avaí - 7 de março (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Chapecó)
  • 4ª rodada - Atlético de Ibirama 2x0 Figueirense - 14 de março (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Blumenau)
  • 5ª rodada - CFZ Imbituba 1x0 Avaí - 21 de março (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Criciúma)
  • 6ª rodada - Metropolitano 2x1 Joinville - 24 de março(Qua) - 22:00 (Todo o estado, menos região de Blumenau)
  • 7ª rodada - Joinville 3x2 Avaí - 28 de março(Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Joinville)
  • 8ª rodada - Chapecoense 0x0 Figueirense - 4 de abril (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Chapecó)
  • 9ª rodada - Metropolitano 1x2 Avaí - 7 de abril (Qua) - 22:00 (Todo o estado, menos região de Blumenau)
  • Semifinal - Figueirense 0x0 Joinville - 11 de abril (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Florianópolis)
  • Final - Avaí 1x1 Figueirense - 18 de abril (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menos região de Florianópolis)

Final[editar | editar código-fonte]

  • Ida - Joinville 1x3 Avaí - 25 de abril (Dom) - 16:00 (Todo o estado, menor região de Joinville)
  • Volta - Avaí 2x0 Joinville - 02 de maio (Dom) - 16:00 (Todo o estado)

Transmissões fora de casa por time[editar | editar código-fonte]

Clube Turno (fase inicial) Returno (fase inicial) Total (fases iniciais) Total (incluindo mata-mata)
Avaí 2 5 7 9
Figueirense 3 2 5 6
Chapecoense 1 1 2 2
Joinville 0 1 1 3
Criciúma 1 0 1 1
Metropolitano 1 0 1 2

Jogos transmitidos pelo Premiere FC[editar | editar código-fonte]

O Premiere FC transmitiu praticamente todas as partidas de Avaí, Criciúma, Figueirense e Joinville.

Trívia[editar | editar código-fonte]

  • Nesta edição do Campeonato Catarinense, foram anunciados vários jogadores conhecidos no cenário nacional. O Avaí anunciou o jogador Sávio,[4] o Brusque contratou Viola,[5] o Metropolitano trouxe o argentino Mariano Trípodi[6] e o Juventus o ex-BBB Giulliano Ciarelli.[7]
  • O Avaí iniciou o campeonato (nas duas primeiras rodadas) atuando com o time B, formado basicamente por atletas das categorias de base do clube. Isso se deu para que o clube pudesse condicionar melhor seu grupo para as inúmeras competições que irá disputar em 2010.[8]
  • Já na primeira rodada do estadual, o treinador Joceli dos Santos do CFZ Imbituba, anunciou que poderia estar deixando o comando do time devido a desentendimentos com a diretoria do clube[9] . Apesar disso, continuou a frente do clube.
  • Na segunda rodada do campeonato o técnico do Criciúma, Itamar Schulle, foi demitido após sofrer derrota em casa para o Atlético de Ibirama por 3 a 1.[10] Foi a primeira baixa de técnico da competição.
  • Na quinta rodada do primeiro turno, aconteceu o gol mais rápido do estadual. Foi no jogo em que o Metropolitano venceu o Figueirense por 1 a 0. O gol anotado pelo atacante argentino Mariano Trípodi aconteceu aos 34 segundos da primeira etapa de jogo[11] . Após essa derrota o Figueirense demitiu seu treinador Renê Weber, sendo assim o segundo técnico demitido no campeonato[12] .
  • A partir da 5ª rodada do returno, o Figueirense promoveu aos seus torcedores uma promoção de ingressos considerável numa atitude a fim de elevar o número do público presente ao estádio. O ingresso custava cinco reais e para estudantes dois e meio[13] .
  • O ingresso dos jogos do Avaí neste campeonato, foram considerados os mais caros do Brasil[14] , superado apenas em alguns jogos pelo da Vila Belmiro nos jogos do Santos.
  • O maior público do campeonato foi na final disputada no Estádio da Ressacada entre Avaí e Joinville. 17.012 pessoas assistiram a vitória do time da casa por 2 a 0 e a conquista do título estadual[15] .

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]