Gustavo II Adolfo da Suécia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Gustavo Adolfo II da Suécia)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Gustavo II Adolfo
Rei dos Suécos, Godos e Vândalos, o Grande Príncipe da Finlândia, o Duque da Estônia e Carélia e Lorde da Íngria e Rei das Neves
Adolfo II na Batalha de Breitenfeld
Governo
Reinado 1611 a 1632
Consorte Maria Leonor de Brandemburgo
Antecessor Carlos IX da Suécia
Vida
Nascimento 9 de dezembro de 1594
Estocolmo, Suécia
Morte 6 de novembro de 1632 (37 anos)
Lützen, Alemanha
Filhos Cristina da Suécia
Pai Carlos IX da Suécia
Mãe Cristina de Holstein-Gottorp

Gustavo II Adolfo, (9 de Dezembro de 15946 de Novembro de 1632), rei da Suécia, foi um dos grandes campeões da causa protestante. Foi alcunhado de Leão do Norte pelos seus progressos na arte da guerra, nomeadamente pela introdução de peças de artilharia ligeira, que podiam ser mais facilmente deslocadas no campo de batalha. Assim que subiu ao trono, em 1611, com apenas dezesseis anos, viu-se envolvido em guerras: inicialmente com a Polónia, Dinamarca e Rússia. Resolveu rapidamente o assunto com a Dinamarca e Rússia, mas a guerra com a Polónia arrastou-se até 1629, quando a venceu. Nessa altura já Gustavo era considerado um dos melhores guerreiros do seu tempo.

Em 1630 decidiu intervir na Guerra dos Trinta Anos, na qual os Protestantes passavam por dificuldades. Alguns dos seus oponentes troçaram do rei de gibão de cabedal, chamando-o de «Rei das Neves» e afirmando que se derreteria quando chegassem os climas quentes do Sul.

Gustavo Adolfo desenvolveu um novo método de fazer a guerra: criou um manual da arma que reduzia os passos para a recarregar de cento e cinquenta para noventa e introduziu a «Guerra Linear», em que os seus homens alinhados carregavam e disparavam as suas armas alternadamente em linhas distintas, permitindo uma muito maior cadência de tiro, fortalecendo e dando grande vantagem à sua frente de batalha.

Adolfo II vitorioso em Breitenfeld

Gustavo derrotou e matou um dos mais brilhantes generais do lado católico-romano, o conde de Tilly. Em 1632, na Batalha de Lucena (Lutzen), Gustavo defrontou o ainda mais temível Albrecht von Wallenstein, a quem derrotou, mas morreu conduzindo uma carga de cavalaria.

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Gustavo II Adolfo da Suécia
Precedido por
Carlos IX
Rei da Suécia
16111632
Sucedido por
Cristina
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.