Rutger Hauer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rutger Hauer
Rutger Hauer
no Odessa International Film Festival em Julho de 2010.
Nome completo Rutger Oelsen Hauer
Nascimento 23 de janeiro de 1944 (70 anos)
Flag of the Netherlands.svg Breukelen, Países Baixos
Ocupação Ator
Cônjuge Ineke ten Kate (desde 1985)
Página oficial


Rutger Oelsen Hauer (Breukelen, 23 de janeiro de 1944) é um ator dos Países Baixos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Hauer entrou para uma trupe experimental de atores em sua adolescência, permanecendo com eles por cinco anos até entrar em 1969 para a série de TV Floris. Sua carreira mudou de rumo quando o diretor Paul Verhoeven deu-lhe o papel principal no filme neerlandês Turkish Delight (1973), um grande sucesso de público. Dois anos depois, Hauer foi convidado a estrear nas telas norte-americanas com The Wilby Conspiracy em um papel que, apesar de secundário, tornou-o conhecido em Hollywood. Mas retornaria à Europa, trabalhando ali por anos seguidos até voltar ao cinema americano com Nighthawks, em 1981.

Rutger tornou-se um astro de filmes de aventura e ação de Hollywood nos anos 80 após a sua atuação no papel "Roy Batty", o violento líder dos replicantes do filme clássico de ficção científica Blade Runner. A este filme seguiriam-se Ladyhawke, The Hitcher, Flesh & Blood e Wanted: Dead or Alive. Mas começou a perder rapidamente o aspecto vigoroso e saudável, o que mais chamava a atenção em seus papéis de sucesso, e isto levou a que sua carreira estagnasse nos anos 90, fazendo-o voltar aos papéis secundários.

Nos últimos anos ele parece ter melhorado seu aspecto e retornou à velha trilha de êxitos com participações em longa-metragens de sucesso como Confessions of a Dangerous Mind (2003), Sin City e Batman Begins (2005).

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Casou-se pela segunda vez em 1985 com Ineke ten Kate e tem dois filhos, a atriz Ayesha Hauer (n. 1986) e o modelo Leandro Maeder (n. 1987). Rutger Hauer é ligado a grupos de ativismo como o Sea Shepherd Conservation Society.[1]

Em 2008, publicou em parceria com Patrick Quinlan, sua autobiografia All Those Moments: Stories of Heroes, Villains, Replicants, and Blade Runners [2]

Imagens[editar | editar código-fonte]

Autógrafo de Rutger Hauer.
Na série Floris.
No Odessa International Film Festival (16 de Julho de 2010).

Filmografia selecionada[editar | editar código-fonte]

Filmes de maior destaque:[3]

Referências

  1. Activistfacts (em inglês) Activistfacts.com. Visitado em 29 de agosto de 2014.
  2. ISBN 9780061133909 - Acessado em 19 de maio de 2011
  3. Rutger Hauer (em inglês) no Internet Movie Database

Ligações externas[editar | editar código-fonte]