Este é um artigo bom. Clique aqui para mais informações.

Beautiful Eyes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Beautiful Eyes
EP de Taylor Swift
Lançamento 15 de julho de 2008
Gravação 2006-08; Nashville, TN:
Studio Schmudio, The Play Room, The Love Shack Studios, Quad Studios Nashville, Hippo Studio, Eagle Eye Studio, The Castle Studios, Sound Cottage, Sound Emporium, Abtrax Recording, The Tracking Room, Materfonics, The Rec Room, MasterMix
Gênero(s) Pop, country
Duração 18:06 (CD)
60:46 (DVD)
Formato(s) CD + DVD, download digital
Gravadora(s) Big Machine Records
Produção Scott Borchetta (exec.), Nathan Chapman, Robert Ellis Orrall, Angelo Petraglia
Cronologia de Taylor Swift
Último
Último
Sounds of the Season:
The Taylor Swift
Holiday Collection
(2007)
Fearless
(2008)
Próximo
Próximo

Beautiful Eyes é o segundo extended play (EP) da cantora norte-americana de música pop country Taylor Swift. Foi lançado em 15 de julho de 2008 pela gravadora Big Machine Records, sendo vendido exclusivamente pela rede de lojas norte-americana Wal-Mart. O trabalho de edição limitada tem um som principalmente pop country e apresenta versões alternativas de faixas de seu álbum de estreia homônimo (2006) e duas faixas originais: "Beautiful Eyes" e "I Heart Question Mark", que ela havia apenas composto anteriormente; além de um DVD, com vídeos musicais de singles anteriores da cantora, que também foram inclusos na versão física do extended play.

Beautiful Eyes estreou na nona posição da principal parada musical de álbuns dos Estados Unidos e no topo da Top Country Albums, se sucedendo melhor que o seu álbum auto-intitulado e fazendo de Swift a segunda artista feminina a conseguir este feito. "I Heart Question Mark" foi lançado como single promocional em junho de 2012. A faixa-título foi interpretada em algumas apresentações pela cantora.

Antecedentes e lançamento[editar | editar código-fonte]

Swift alcançou muito sucesso com o lançamento do seu álbum auto-intitulado em 2006 e começou a trabalhar em seu segundo álbum de estúdio, Fearless (2008), no ano seguinte. Durante este tempo, ela recebeu uma série de correio eletrônico de fãs pedindo para que um novo material fosse lançado, o que fez Swift divulgar Beautiful Eyes: "Eu pensei que isso poderia segurá-los até o novo álbum sair no outono".[1] Beautiful Eyes é musicalmente orientado pelos gêneros pop country e música contemporânea. Nele estão inclusas novas versões de faixas do disco Taylor Swift: uma versão alternativa de "Should've Said No", uma versão acústica de "Teardrops on My Guitar", a edição de "Picture to Burn" lançada para as estações de rádio, e "I'm Only Me when I'm with You". O EP também apresenta duas canções originais: "Beautiful Eyes" e "I Heart Question Mark", escritas pela artista em 2003.[1] A versão em DVD apresenta vídeos musicais dos singles do seu trabalho de estúdio homônimo, bem como um vídeo acompanhante para "Beautiful Eyes" contendo imagens da festa do seu décimo oitavo aniversário.[2]

Swift não queria de qualquer maneira que Beautiful Eyes parecesse o seu segundo álbum de estúdio e, portanto, fez uma parceria com a empresa norte-americana de varejo Wal-Mart para o seu lançamento exclusivo.[1] Assim como o planejado, o álbum só foi disponibilizado através da loja e do website da mesma.[3] Além disso, esta edição limitada deveu-se ao fato de Swift apenas ter permitido à sua editora a fabricação de uma pequena quantidade de cópias do EP.[1]

Divulgação[editar | editar código-fonte]

A canção "I Heart Question Mark" foi lançada como single promocional em 23 de junho de 2008. Swift promoveu o álbum minimamente, pois não queria que o mesmo roubasse as atenções do seu segundo trabalho de estúdio, embora tenha interpretado a faixa-título em diferentes ocasiões,[1] inclusive em 23 de janeiro de 2005 no NAMM Show, uma feira profissional anual de produtos musicais realizada em Anaheim, Califórnia.[4] Para a apresentação, Swift vestiu uma blusa vermelha e calças de ganga, interpretando "Beautiful Eyes" acusticamente com o apoio de um violão, sentada em um banquinho de bar. O tema foi mais tarde cantado como parte do repertório da artista para um concerto para Stripped, que ocorreu em 5 de agosto de 2008; ela usava um vestido-preto e contou com uma banda de apoio durante a reprodução com uma guitarra acústica feita com diamante artificial.[5]

Alinhamento de faixas[editar | editar código-fonte]

CD[2]
N.º Título Compositor(es) Produtor (es) Duração
1. "Beautiful Eyes"   Taylor Swift Robert Ellis Orrall 2:58
2. "Should've Said No" (Versão alternada) T. Swift Nathan Chapman 3:46
3. "Teardrops on My Guitar" (Versão acústica) T. Swift, Liz Rose Nathan Chapman 2:58
4. "Picture to Burn" (Edição para a rádio) T. Swift, L. Rose Nathan Chapman 2:54
5. "I'm Only Me When I'm with You"   T. Swift, R. E. Orrall, Angelo Petraglia R. E. Orrall, A. Petraglia 3:35
6. "I Heart?"   T. Swift R. E. Orrall 3:15
Duração total:
19:25
DVD[2]
N.º Título Duração
1. "Beautiful Eyes"   2:56
2. "Picture to Burn"   3:30
3. "I'm Only Me When I'm With You" (videoclipe) 3:37
4. "Tim McGraw"   4:00
5. "Teardrops On My Guitar" (Versão Pop) 2:59
6. "Our Song" (videoclipe) 3:30
7. "Making of 'Picture to Burn' Video"   22:02
8. "GAC New Artist Interview"   14:45
9. "Should've Said No"   4:03
Duração total:
59:02

Desempenho nas paradas musicais[editar | editar código-fonte]

Na semana que terminou em 2 de agosto de 2008, Beautiful Eyes estreou no número nove na Billboard 200, registrando 45 mil cópias vendidas.[6] [7] A obra passou um total de 20 semanas nessa parada musical.[8] Na mesma semana, o EP estreou no número um da Top Country Albums, substituindo seu próprio álbum de estreia homônimo como o álbum número um, tornando-se na primeira artista a manter os dois primeiros postos nessa parada desde LeAnn Rimes em 1997 com os álbuns Blue (1996) e Unchained Melody: The Early Years (1997).[9] [10] Na semana seguinte, o extended play caiu para o número dois e, no total, passou 28 semanas no periódico.[11] [8] Em dezembro de 2011, o trabalho já havia vendido 265 mil cópias nos EUA.[12]

Créditos de elaboração[editar | editar código-fonte]

Lista-se abaixo os profissionais envolvidos na elaboração de Beautiful Eyes, de acordo com o encarte do extended play (EP):[14]

Notas de rodapé

  1. a b c d e Wal-Mart "Eyes" New Taylor Swift Project (em inglês) Great American Country Scripps Networks Interactive (15 de julho de 2008). Visitado em 6 de janeiro de 2010.
  2. a b c Charity Stafford. Beautiful Eyes - Review (em inglês) Allmusic. Visitado em 24 de agosto de 2012.
  3. Beautiful Eyes (Wal-Mart Exclusive) (Includes DVD) (em inglês) Walmart.com Wal-Mart. Visitado em 6 de janeiro de 2010. Cópia arquivada em 6 de janeiro de 2010.
  4. NAMM Kicks Off Annual Summer Trade Show in Nashville (em inglês) Namm.org The NAMM Show (24 de julho de 2004). Visitado em 6 de janeiro de 2010.
  5. Taylor Swift - Beautiful Eyes (Exclusive Performance) Stripped Iheartradio.com. Visitado em 6 de janeiro de 2010.
  6. Hasty, Katie (23 de julho de 2008). Nas Dethrones Lil Wayne Atop Billboard 200 (em inglês) Billboard Nielsen Business Media, Inc. Visitado em 8 de janeiro de 2010.
  7. Taylor Swift - Beautiful Eyes (EP) aCharts.us. Visitado em 9 de janeiro de 2010.
  8. a b c Beautiful Eyes - Taylor Swift (em inglês) Billboard Nielsen Business Media, Inc. Visitado em 8 de janeiro de 2010.
  9. Taylor Swift Bumps Herself Out of No. 1 Slot (em inglês) CMT News Viacom (26 de julho de 2008). Visitado em 9 de janeiro de 2010.
  10. Taylor Swift owns top of country chart (em inglês) Great American Country Scripps Networks Interactive (23 de julho de 2008). Visitado em 9 de janeiro de 2010.
  11. Top Country Albums - Week of August 9, 2008 (em inglês) Billboard Nielsen Business Media, Inc (9 de agosto de 2008).
  12. Up for Discussion. Ask Billboard: What Are Your 2011 Favorites? - Chart Beat (em inglês) Billboard.com. Visitado em 15 de agosto de 2010.
  13. Best of 2008 - The Billboard 200 (em inglês) Billboard Nielsen Business Media, Inc. Visitado em 12 de março de 2010.
  14. (2008) Créditos do álbum Beautiful Eyes por Taylor Swift. Big Machine Records.