Bad Blood (canção de Taylor Swift)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Bad Blood"
Canção de Taylor Swift
do álbum 1989
Gênero(s) Pop
Duração 3:31
Gravadora(s) Big Machine
Composição Taylor Swift, Max Martin, Shellback
Produção Max Martin, Shellback
Faixas de 1989
"I Wish You Would"
(7)
"Wildest Dreams"
(9)
Amostra de áudio
informação do ficheiro · ajuda

"Bad Blood" é uma canção da artista musical estadunidense Taylor Swift, gravada para seu quinto álbum de estúdio, 1989. Foi composta pela própria em conjunto com Max Martin e Shellback, sendo produzida pelos dois últimos. Em 17 de maio de 2015, a faixa foi lançada como o quarto single do disco, em uma versão especial que apresenta Kendrick Lamar.

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Em junho de 2013, enquanto estava promovendo Red através da turnê Red Tour (2013-14), Swift disse que estava "ansiosa" para iniciar as sessões de composição de seu novo disco. Em entrevista com Brian Mansfield, do USA Today, a artista comentou que "quando a ansiedade começa, a composição acontece logo em seguida, normalmente", mas que "tudo que é composto no primeiro ano acaba sendo descartado".[1] De acordo com Swift, "as canções que são compostas no segundo ano de criação são as que formam o trabalho final"; ela explicou que é importante que cada álbum soe diferente e que é necessário "mudar suas influências".[1] No mês seguinte, ela já estava na "etapa experimental para conectar-se muito com algo novo que estava gostando".[2]

Em outubro do mesmo ano, Swift disse para a agência Associated Press que as sessões de composição haviam completado seis meses e que o disco estava "certamente se transformando, no que diz respeito a qualquer coisa que já fiz anteriormente". Ela adicionou que o seu objetivo para o próximo trabalho era continuar as mudanças que haviam iniciado com Red e explicou seu ponto de vista com a seguinte pergunta: "Como faço para escrever essas notas figurativas no diário de maneiras que nunca havia escrito antes e com um fundo sonoro que nunca havia explorado antes?". De acordo com a artista, foi preciso que os produtores Max Martin e Shellback a pressionassem para mudar as direções de suas ideias durante o processo de elaboração do material.[3][4]

Com Martin e Shellback, a cantora escreveu a maior parte do produto final, incluindo uma canção composta em tom de vingança, que mais tarde receberia o título de "Bad Blood".[5][6][7]

Recepção[editar | editar código-fonte]

A versão original de "Bad Blood" recebeu críticas geralmente negativas de críticos musicais.[8][9][10][11] A Entertainment Weekly listou-a como uma das melhores músicas do álbum.[12] Regis Tadeu chamou a música de "horrível".[13] Em contraste, a versão remixada da música com vocais convidados de Kendrick Lamar recebeu críticas geralmente positivas, com elogios de críticos de música dirigidos a versos da participação de Lamar e o instrumental retrabalhado.[14][15] George Seabrook do The Edge premiou a canção com quatro estrelas e meia de cinco, e chamou-a "gloriosa" e "intoxicante". Ele elogiou a música por "versos simples e brutalmente eficazes" de Lamar e reconheceu a colaboração como "não apenas mais uma colaboração de dublês sem sentido, mas uma nova dupla poderosa".[16]

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (2014-15) Melhor
posição
 Austrália (ARIA Charts)[17] 76
 Canadá (Canadian Hot 100)[18] 68
 Eslováquia (IFPI Slovenská Republika)[19] 52
 Estados Unidos (Billboard Hot 100)[20] 78
 Estados Unidos (Hot Adult Contemporary Tracks)[21] 9
 França (Syndicat National de l'Édition Phonographique)[22] 14
 Japão (Japan Hot 100)[23] 20
 Nova Zelândia (NZ Top 40 Singles)[24] 40

Certificações[editar | editar código-fonte]

Região (Empresa) Certificação
 Estados Unidos (RIAA) Platina[nota 1][25]

Créditos[editar | editar código-fonte]

Todo o processo de elaboração de "Bad Blood" atribui os seguintes créditos:[26]

Gravação e publicação
Equipe

Versão com Kendrick Lamar[editar | editar código-fonte]

"Bad Blood"
Single de Taylor Swift com a participação de Kendrick Lamar
do álbum 1989
Lançamento 18 de maio de 2015 (2015-05-18)
Gênero(s) Pop
Duração 3:19
Gravadora(s) Big Machine
Composição Taylor Swift, Kendrick Lamar, Max Martin, Shellback
Produção Max Martin, Shellback, Ilya Salmanzadeh
Cronologia de singles de Taylor Swift
"Style"
(2015)
"Wildest Dreams"
(2015)
Cronologia de singles de Kendrick Lamar
"King Kunta"
(2015)
Amostra de áudio
informação do ficheiro · ajuda

Uma versão com os vocais de Kendrick Lamar foi gravada e lançada digitalmente em 17 de maio de 2015, sendo enviada para estações de rádio estadunidenses mainstream dois dias depois, servindo como o quarto single de 1989.

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

Download digital[27]
N.º Título Compositor(es) Produtor(es) Duração
1. "Bad Blood"   Taylor Swift, Max Martin, Shellback, Kendrick Lamar Martin, Shellback, Ilya Salmanzadeh 3:19

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (2015) Melhor
posição
África do Sul (Entertainment Monitoring Africa)[28] 2
 Alemanha (Media Control Charts)[29] 29
 Austrália (ARIA Charts)[30] 1
 Áustria (Ö3 Austria Top 40)[31] 22
 Bélgica (Ultratop 50 de Flandres)[32] 26
 Bélgica (Ultratop 40 da Valônia)[33] 26
 Brasil (Brasil Hot 100 Airplay)[34] 81
 Canadá (Canadian Hot 100)[35] 1
Escócia (The Official Charts Company)[36] 1
Flag of Spain.svg Espanha (Productores de Música de España)[37] 13
 Estados Unidos (Billboard Hot 100)[38] 1
 Estados Unidos (Pop Songs)[39] 1
 Estados Unidos (Adult Pop Songs)[40] 1
 Estados Unidos (Hot Dance Club Songs)[41] 37
 Finlândia (IFPI Finlândia)[42] 5
 Grécia (Greece Digital Songs)[43] 4
 Hungria (Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége)[44] 10
 Irlanda (Irish Recorded Music Association)[45] 8
 México (Mexico Airplay)[46] 35
 Nova Zelândia (NZ Top 40 Singles)[47] 1
 Países Baixos (MegaCharts)[48] 33
 República Checa (IFPI Česká Republika)[49] 29
 Reino Unido (UK Singles Chart)[50] 4
 Suécia (Sweden Digital Songs)[51] 2
Suíça (Schweizer Hitparade)[52] 28
União Europeia (Euro Digital Songs)[53] 2

Certificações[editar | editar código-fonte]

País (Empresa) Certificação
 Austrália (ARIA) 3× Platina[54]
 Canadá (Music Canada) 3× Platina[55]
 Estados Unidos (RIAA) 5× Platina[nota 1][25]
 Nova Zelândia (RMNZ) Ouro[56]
 Reino Unido (BPI) Prata[57]

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

País Data Formato Gravadora
 Estados Unidos 17 de maio de 2015 Download digital[27] Big Machine
19 de maio de 2015 Rádios mainstream[58] Big Machine, Republic
 Itália[59] 12 de junho de 2015 Universal

Notas

  1. a b Para "Bad Blood", a Recording Industry of America (RIAA) emitiu duas certificações distintas: uma para a versão original e outra para a versão com Lamar. A primeira foi certificada com uma platina e a segunda com uma platina quádrupla, totalizando uma certificação de platina quíntupla.

Referências

  1. a b Brian Mansfield (6 de junho de 2013). «Taylor Swift's ready to write again». USA Today (em inglês). Gannett Company. Consultado em 15 de fevereiro de 2015 
  2. Patrick Doyle (15 de julho de 2013). «Taylor Swift: 'Floodgates Open' for Next Album». Rolling Stone (em inglês). Jann Wenner. Consultado em 15 de fevereiro de 2015 
  3. Chris Talbott (12 de outubro de 2013). «Taylor Swift talks next album, CMAs and Ed Sheeran». The Big Story (em inglês). Associated Press. Consultado em 15 de fevereiro de 2015 
  4. Kory Grow (15 de outubro de 2013). «Taylor Swift Promises "Change" on Her Next Record». Rolling Stone (em inglês). Jann Wenner. Consultado em 15 de fevereiro de 2015 
  5. Thais Valverde (9 de setembro de 2014). «Música sobre Katy Perry? Taylor Swift diz que "Bad Blood" é sobre uma popstar inimiga!». Mix TV. Consultado em 29 de março de 2015 
  6. Daniel D'Addario (27 de outubro de 2014). «Is Taylor Swift's 'Bad Blood' About Katy Perry? A Textual Analysis». Time (em inglês). Consultado em 29 de março de 2015 
  7. Erin Strecker (9 de setembro de 2014). «Did Katy Perry Confirm Taylor Swift's 'Bad Blood' Song Is About Her?». Billboard (em inglês). Consultado em 29 de março de 2015 
  8. «Taylor Swift 1989 Track by Track Album Review». Hit Fix (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  9. McIndoe, Joe (29 de outubro de 2014). «Track-by-Track Album Review: Taylor Swift - 1989». Cult Noise (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  10. «Taylor Swift - 1989». Clash Music (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  11. Diver, Mike (11 de abril de 2014). «Taylor Swift's '1989': Album Review». NY Daily News (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  12. Markovitz, Adam (11 de novembro de 2014). «1989». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  13. Regis Tadeu (27 de novembro de 2014). «Taylor Swift tenta enganar com novo álbum "eletrônico", mas falha miseravelmente...». (Na Mira do Regis) Yahoo!. Consultado em 3 de abril de 2017 
  14. Young, Alex (17 de maio de 2015). «Kendrick Lamar shines in Taylor Swift's "Bad Blood" remix». Consequence of Sound (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  15. «Taylor Swift's 'Bad Blood' video has sound, fury and Kendrick Lamar». LA Times (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  16. Seabrook, George (20 de maio de 2015). «Review: Taylor Swift ft. Kendrick Lamar – Bad Blood». The Edge (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2017 
  17. Gavin Ryan (1º de novembro de 2014). «Ed Sheeran Tops ARIA Singles For Third Week» (em inglês). Noise11. Consultado em 13 de maio de 2015 
  18. «Taylor Swift – Bad Blood (Canadian Hot 100)» (em inglês). Canadian Hot 100. Consultado em 13 de maio de 2015 
  19. «Taylor Swift – Bad Blood (IFPI Slovenská Republika)» (em inglês). IFPI Slovenská Republika. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  20. «Taylor Swift – Bad Blood (Billboard Hot 100)» (em inglês). Billboard Hot 100. Consultado em 13 de maio de 2015. Cópia arquivada em 27 de maio de 2015 
  21. «Taylor Swift – Bad Blood (Hot Adult Contemporary Tracks)» (em inglês). Hot Adult Contemporary Tracks. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  22. «Taylor Swift – Bad Blood (Syndicat National de l'Édition Phonographique)» (em inglês). Syndicat National de l'Édition Phonographique. Consultado em 31 de maio de 2015 
  23. «Taylor Swift – Bad Blood (Japan Hot 100)» (em inglês). Japan Hot 100. Consultado em 12 de junho de 2015 
  24. «Taylor Swift – Bad Blood (NZ Top 40 Singles)» (em inglês). NZ Top 40 Singles. Consultado em 13 de maio de 2015 
  25. a b «RIAA – Gold & Platinum – Bad Blood» (em inglês). Recording Industry Association of America. Consultado em 19 de setembro de 2015 
  26. (2014) Créditos do álbum 1989 por Taylor Swift, pg. 5 [CD]. Big Machine Records (BMRBD0500A).
  27. a b «Bad Blood (feat. Kendrick Lamar) - Single by Taylor Swift» (em inglês). iTunes. Consultado em 18 de maio de 2015 
  28. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Entertainment Monitoring Africa)» (em inglês). Entertainment Monitoring Africa. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  29. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Media Control Charts)» (em inglês). Media Control Charts. Consultado em 6 de julho de 2015 
  30. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (ARIA Charts)» (em inglês). ARIA Charts. Consultado em 30 de maio de 2015 
  31. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blod (Ö3 Austria Top 40)» (em inglês). Ö3 Austria Top 40. Consultado em 12 de junho de 2015 
  32. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Ultratop 50)» (em inglês). Ultratop 50. Consultado em 30 de maio de 2015 
  33. «Taylor Swit e Kendrick Lamar – Bad Blood (Ultratop 40)» (em inglês). Ultratop 40. Consultado em 30 de maio de 2015 
  34. «Tyalor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Brasil Hot 100 Airplay)» (em inglês). Brasil Hot 100 Airplay. Consultado em 14 de julho de 2015 
  35. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Canadian Hot 100)» (em inglês). Canadian Hot 100. Consultado em 22 de maio de 2015 
  36. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (The Official Charts Company)» (em inglês). The Official Charts Company. Consultado em 25 de maio de 2015 
  37. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Productores de Música de España)» (em inglês). Productores de Música de España. Consultado em 31 de maio de 2015 
  38. Gary Trust (27 de maio de 2015). «Taylor Swift's 'Bad Blood' Blasts to No. 1 on Hot 100». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 27 de maio de 2015 
  39. Gary Trust (22 de junho de 2015). «Taylor Swift's 'Bad Blood' Tops Pop Songs Chart». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 22 de junho de 2015 
  40. Gary Trust (13 de julho de 2015). «Taylor Swift's 'Bad Blood' Tops Another Tally & Breaks Weekly Plays Record». Billboard (em inglês). Prometheus Global Media. Consultado em 13 de julho de 2015 
  41. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Hot Dance Club Songs)» (em inglês). Hot Dance Club Songs. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  42. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (IFPI Finlândia)» (em inglês). IFPI Finlândia. Consultado em 7 de junho de 2015 
  43. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Greece Digital Songs)» (em inglês). Greece Digital Songs. Consultado em 30 de maio de 2015 
  44. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége)» (em inglês). Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em 30 de maio de 2015 
  45. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Irish Recorded Music Association)» (em inglês). Irish Recorded Music Association. Consultado em 30 de maio de 2015 
  46. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Mexico Airplay)» (em inglês). Mexico Airplay. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  47. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (NZ Top 40 Singles)» (em inglês). NZ Top 40 Singles. Consultado em 22 de maio de 2015 
  48. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (MegaCharts)» (em inglês). MegaCharts. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  49. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (IFPI Česká Republika)» (em inglês). IFPI Česká Republika. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  50. Rob Copsey (24 de maio de 2015). «OMI's Cheerleader celebrates fourth week at Number 1» (em inglês). UK Singles Chart. The Official Charts Company. Consultado em 25 de maio de 2015 
  51. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Sweden Digital Songs)» (em inglês). Sweden Digital Songs. Consultado em 30 de maio de 2015 
  52. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Schweizer Hitparade)» (em inglês). Schweizer Hitparade. Consultado em 31 de maio de 2015 
  53. «Taylor Swift e Kendrick Lamar – Bad Blood (Euro Digital Songs)» (em inglês). Euro Digital Songs. Consultado em 30 de maio de 2015 
  54. Gavin Ryan (5 de dezembro de 2015). «ARIA Singles: Adele's 'Hello' Spends At No. 1» (em inglês). Noise11. Consultado em 7 de dezembro de 2015 
  55. «Gold/Platinum - Bad Blood - Taylor Swift» (em inglês). Music Canada. Consultado em 7 de dezembro de 2015 
  56. «NZ Top 40 Singles Chart» (em inglês). Recorded Music NZ. Consultado em 12 de junho de 2015 
  57. «Certified Awards» (em inglês). British Phonographic Industry. Consultado em 14 de setembro de 2015 
  58. «Top 40/M Future Releases» (em inglês). All Access. Consultado em 22 de maio de 2015 
  59. «Taylor Swift "Bad Blood (feat. Kendrick Lamar)"» (em italiano). Radio Airplay s.r.l. Consultado em 17 de julho de 2016