Consoada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde setembro de 2013)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.


Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com ceia de Natal. Pode-se discutir o procedimento aqui.
Editor, considere adicionar mês e ano na marcação. Isso pode ser feito automaticamente, com {{Fusão|1=Consoada|2=ceia de Natal|{{subst:DATA}}}}.

A Consoada é celebrada em Portugal, na noite do dia 24 de Dezembro, a véspera de Natal. Esta tradição leva as famílias a reunirem-se à volta da mesa de jantar, comendo uma refeição reforçada. Por ser uma festa de família, muitas pessoas percorrem longas distâncias para se juntarem aos seus familiares.

A origem do nome “Consoada” vem do Latim "consolata", de "consolare", "consolar".

Na tradição católica os fiéis participavam, ao final da noite, na Missa do Galo.

Segundo a tradição portuguesa, a Consoada consiste principalmente em bacalhau cozido, seguido dos doces, como aletria, rabanadas, filhoses e outros doces. Em algumas regiões do país (principalmente no Norte), o polvo guizado com couves e batatas também consta da mesa de Natal. Em Trás-os-Montes, peru no forno, canja de galinha e assados de borrego, porco ou leitão também marcam o Natal, enquanto na Beira Alta, o cabrito é uma tradição. No Alentejo e no Algarve, o peru recheado assado são pratos que podem constar das mesas[1] .

A Consoada e os Presentes de Natal[editar | editar código-fonte]

Em Portugal, depois da Consoada, é tradição fazer a distribuição dos presentes de Natal.

No início do século XII d.C., os presentes eram distribuídos em nome de S. Nicolau, a 6 de Dezembro. Contudo, a contra–reforma católica do concílio de Trento (1545 – 1563) passou essa função ao Menino Jesus, sendo a distribuição feita no dia 25 de Dezembro, assinalando a data do nascimento de Jesus.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Ribeiro, Susana (23 de Dezembro de 2009). Jornal de Notícias. Controlinveste Media http://www.jn.pt/paginainicial/interior.aspx?content_id=1454027#AreaComentarios. Consult. 28 de Dezembro de 2013.  Texto "Portugal à mesa no Natal" ignorado (Ajuda); Falta o |titulo= (Ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre Festas ou Celebrações é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete consoada.