Ghost (banda)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ghost
W0837-Hellfest2013 Ghost PapaEmeritusII 72400.JPG
Ghost se apresentando ao vivo no Hellfest de 2013.
Informação geral
Origem Linköping
País  Suécia
Gênero(s) Heavy metal · hard rock · doom metal · rock psicodélico · shock rock
Período em atividade 2008–atualmente
Gravadora(s) Iron Pegasus
Rise Above Records
Metal Blade Records
Trooper Ent.
Universal Republic Records
Loma Vista
Integrantes Papa Emeritus III
Nameless Ghouls
Página oficial Site Oficial

Ghost é uma banda sueca de heavy metal formada em 2008 na cidade de Linköping.[1] Sua discografia é composta até o momento de 3 álbuns de estúdio, uma Demo, 8 Singles e 2 EPs.

O estilo da banda mistura doom metal, heavy metal tradicional, rock psicodélico típico dos anos 70, somado ao rock alternativo mais moderno. As letras das músicas são, em sua maioria, de cunho satanista, o que contrasta com a sensibilidade pop e os vocais limpos que permeiam as canções. Os teclados vintage e a produção muito limpa, sem exageros de compressão, fazem os álbuns soarem inteiramente analógicos e também remeterem à década de 70. Vários críticos descreveram a música deles como "sedutoramente lisa e memorável".

Os membros da banda são anônimos,[2] apesar de fortes especulações sobre a identidade dos mesmos apontarem para músicos de bandas suecas extintas. As apresentações do sexteto trazem uma atmosfera cênica inspirada em rituais satânicos e filmes de terror clássicos, com todos os membros caracterizados como sacerdotes em uma missa negra. O vocalista adentra o palco vestido como um pontífice e carregando um turíbulo utilizado nas litanias católicas.

Em 15 de Fevereiro de 2016, Ghost recebeu um prêmio no Grammy Award com o single "Cirice", na categoria "Melhor Performance de Metal".

História [editar | editar código-fonte]

A banda foi fundada em 2008 e só foi publicada dois anos depois, graças a uma gravação demo, com três músicas apenas, e mais tarde, lançaram mais outra demo, chamada "Elizabeth", com as músicas "Death Knell", "Elizabeth" e "Prime Mover". A letra de "Elizabeth" se trata da conhecida história da condessa Elizabeth Bathory, que se banhava em sangue de virgens para conservar a juventude.

Mais tarde, a banda assina contrato com a Rise Above Records, e em 2010 lançam o primeiro álbum, Opus Eponymous.[3] Contendo 2 músicas instrumentais, e mais sete canções, incluindo as 4 publicadas nas demos, foi aclamado pela mídia especializada como um dos melhores lançamentos do ano. "Con Clavi Con Dio", "Ritual", "Death Knell", "Elizabeth" e "Prime Mover" são os destaques do álbum. .

Os dois primeiros shows da banda ocorreram em Outubro de 2010, no Festival Hammer Of Doom em Wurtzburgo, e no festival Live Evil, em Londres. No verão de 2011, a banda tocou em vários festivais de música, incluindo o festival Roadburn em Tilburgo.

Ex vocalista Papa Emeritus no Gateway Rock Festival 2012

Em fevereiro de 2012, a banda lançou um single, nomeado "Secular Haze", contendo 2 músicas: a própria Secular Haze, e I'm a Marionette, que é um cover da banda sueca ABBA com participação de Dave Grohl, atualmente do Foo Fighters, na guitarra e vocal.

Em 16 de abril de 2013 a banda lançou seu segundo álbum intitulado Infestissumam. No mesmo ano, em razão de sua primeira série de shows em território americano, e por motivos legais, o grupo foi forçado a mudar o seu nome para Ghost B.C.. Por enquanto, essa alteração vale apenas para o mercado norte-americano como mencionado anteriormente, mas é provável que seja aplicada a todo o mundo. A banda não deu maiores explicações sobre os tais “motivos legais” que levaram a essa mudança. Posteriormente ficou-se sabendo pela Loma Vista[4](empresa que é dona do selo da banda) que o B.C era apenas para não ser processada, já que várias bandas se chamaram GHOST e o B.C significava basicamente "Because Copyright" (por causa dos direitos autorais) ou, obviamente, "Before Christ" (antes de Cristo).

No mês de setembro a banda participou do Rock in Rio no quarto dia do festival, junto com Metallica, Alice in Chains, Sepultura (com o grupo de percussão urbana Les Tambours du Bronx) quando fez a abertura dos shows do Iron Maiden em São Paulo no dia 20 e em Curitiba no dia 24.

Em 2014 a banda retornou ao país juntamente com a turnê South American Tour, no dia 4 e 5 de Setembro, onde tocaram em São Paulo (HSBC Brasil) e Rio De Janeiro(Imperator). Pouco depois do lançamento de Infestissumam, a banda lançou um EP, nomeado "Year Zero", contendo também 2 músicas: Year Zero, e Orez Raey, que seria a Year Zero do final ao começo.

No dia 3 de junho de 2015 a banda fez um show em sua cidade natal Linköping revelando o novo Papa Emeritus III e as novas máscaras dos nameless ghoul, além de três novas músicas do novo álbum de estúdio Meliora. É considerada uma das bandas de Metal mais bem sucedidas na Suécia e no mundo todo.

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de membros de Ghost

Atuais[editar | editar código-fonte]

Antigos[editar | editar código-fonte]

Identidades[editar | editar código-fonte]

Anonimato é a principal característica do Ghost; os integrantes não revelam seus nomes e os cinco instrumentistas são apenas referidos como "Nameless Ghouls". Durante os autógrafos, os Nameless Ghouls assinam os materiais desenhando seus símbolos alquimistas individuais, enquanto o Papa Emeritus assina com seu nome de palco ou as iniciais "P.E.". Um Ghoul disse que a ideia de que os integrantes permanecem anônimos para ganhar atenção é errada, e que o verdadeiro propósito é remover suas personalidades para que o público foque apenas em seu trabalho artístico.[5] Em 2011, um Nameless Ghoul disse, "Nós somos frequentemente confundidos com roadies, o que ajuda muito. Quase somos expulsos dos lugares que vamos tocar. Esquecer nosso passe é um grande problema".[6] No início de 2012, um integrantes disse que aproveita bastante o anonimato e que ele pode "cair fora da bolha" quanto quiser. Em maio de 2013, um Ghoul afirmou que eles começaram a revelar seu trabalho na banda as suas famílias e aos seus amigos mais próximos "para evitar brigas em casa".[7]

Em uma entrevista com Jack Osbourne em agosto de 2013 para o Fuse News, um integrante contou que Dave Grohl já se apresentou com a banda vestido de Nameless Ghoul.[8] Em abril de 2014, um Ghoul revelou que a banda já havia tido muitas trocas de músicos através dos anos.[9]

A Sociedade Sueca de Direitos de Apresentação mostra Tobias Forge, vocalista das bandas Suecas Subvision e Repugnant, ex-guitarrista do Crashdiet (utilizando o pseudônimo Mary Goore) e ex-baixista do Magna Carta Cartel, creditado pelas composições do Ghost como "A Ghoul Writer".[10] Como todas as músicas da banda são creditadas a "A Ghoul Writer", muitas pessoas começaram a suspeitar que Tobias Forge fosse o Papa Emeritus. Entretanto, os três papas negavam que fossem os compositores.

Em março de 2017, o músico Sueco Martin Persner da banda Magna Carta Cartel afirmou em um vídeo que ele foi o guitarrista base, também conhecido como Ômega, de 2009 até julho de 2016.[11] Foi a primeira vez que alguém veio a público afirmando si mesmo como um membro do Ghost. Poucos meses antes da revelação de Persner, a banda contratou uma baixista a qual algumas rumores afirmaram que fosse Megan Thomas, baixista da banda cover Lez Zeppelin. Em abril de 2017, quatro ex-integrantes revelam suas identidades para processarem Tobias Forge por conta de cachês não pagos, mostrando assim que ele é mesmo o Papa Emeritus.[12][13]

Durante um show da banda em 24 de março de 2017 na Universidade de East Anglia UEA, Reino Unido, fãs notaram mudanças drásticas de atitude, trejeitos e inclusive nos instrumentos de todos os Nameless Ghouls. Minutos depois começaram rumores na internet de que todos os integrantes da banda (exceto Papa Emeritus) haviam sido trocados ou realocados. Horas após o show, fontes próximas da banda e fã clubes já davam conta de que todos os músicos teriam sido realmente substituídos. Surgiram também inúmeros boatos sobre os motivos que levaram a banda à tal mudança, desde questões financeiras à questões pessoais e intrigas entre os membros. Nada disso foi confirmado já que a banda não soltou uma nota sequer em nenhuma de suas páginas oficiais sobre a mudança de identidade dos Ghouls. As identidades reais dos novos Nameless Ghouls não são conhecidas até o momento.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Ano Detalhes Posições nas paradas Vendas E Certificações
SUÉ
[14]
BEL FIN
[15]
ALE
[16]
NOR
[17]
RU
[18]
EUA
[19]
Fl
[20]
Wa
[21]
2010 Opus Eponymous
  • Lançamento: 18 de outubro de 2010 (2010-10-18)
  • Gravadora: Rise Above
30
2013 Infestissumam
  • Lançamento: 10 de abril de 2013 (2013-04-10)
  • Gravadora: Loma Vista
1 189 150 5 85 8 58 28
2015 Meliora
  • Lançamento: 21 de agosto de 2015 (2015-08-21)
  • Gravadora: Loma Vista
1 21 23 1 19 2 23 8
"—" denota um álbum que não alcançou as paradas.

Extended plays[editar | editar código-fonte]

EP Ano Posições nas paradas
US
[24]
UK Rock & Metal
If You Have Ghost
  • Lançamento: 20 de novembro de 2013
2013 87 11
Popestar

Lançamento: 16 de setembro de 2016

2016 16 6

Singles[editar | editar código-fonte]

Single Ano Posições nas paradas Álbum
FIN
[25]
US Mainstream Rock
"Elizabeth"
  • Lançamento: 20 de junho de 2010
2010  –  – Opus Eponymous
"Secular Haze"
  • Lançamento: 15 de dezembro de 2012
2012 22  – Infestissumam
"Year Zero"
  • Lançamento: 19 de abril de 2013
2013  –  –
"If You Have Ghosts"
  • Lançamento: 9 de outubro de 2013
2013  –  – If You Have Ghosts
"Cirice"
  • Lançamento: 30 de maio de 2015
2015  – 4 Meliora
"From the Pinnacle to the Pit"
  • Lançamento: 17 de julho de 2015
2015  – 5
"Majesty"
  • Lançamento: 7 de agosto de 2015
2015  –  –
"Square Hammer"
  • Lançamento: 12 de setembro de 2016
2016  – 1

Videoclipes[editar | editar código-fonte]

  • Secular Haze
  • Year Zero
  • Monstrance Clock
  • Cirice
  • From The Pinnacle To The Pit
  • " Square Hammer "

Referências

  1. «GHOST - Infestissumam Album Details Revealed». bravewords.com. 20 de dezembro de 2012. Consultado em 10 de janeiro de 2013 
  2. «Swedish Metal Sensation Ghost on Anonymity, the Coming Apocalypse, and Sounding Like a Million Bucks in 1978». SF Weekly. Consultado em 21 de fevereiro de 2012 
  3. Adrien Begrand (2010). «Ghost: Opus Eponymous». PopMatters.com. Consultado em 7 de Abril de 2013 
  4. «Ghost: já percebeu que não usam mais o "B.C."? Músico explica». Consultado em 25 de julho de 2015 
  5. http://www.spin.com/2013/04/ghost-bc-reddit-ama-infestissumam-secret-identities/
  6. http://www.blabbermouth.net/news/ghost-we-re-often-mistaken-for-roadies/
  7. «Preview: Ghost B.C. to haunt an old church». Pittsburgh Post-Gazette. 16 de maio de 2013. Consultado em 9 de abril de 2017 
  8. «Dave Grohl Wears Hooded Robe to Play With Swede Metalheads Ghost B.C.». Fuse. 10 de agosto de 2013. Consultado em 9 de abril de 2017 
  9. GHOST B.C. INTERVIEW - NAMELESS GHOUL (web video). Consequence of Sound. 28 de abril de 2014. Em cena em 8:04. Consultado em 9 de abril de 2017. We've changed members through the years actually... 
  10. «Ghost Frontman's Identity Revealed Tobias Forge». metalinsider.net. Consultado em 9 de abril de 2017 
  11. http://whiplash.net/materias/news_781/258670-ghost.html
  12. «The Internet Has Figured Out Who GHOST's Female Bassist Is». metalinjection.net. 26 de setembro de 2016. Consultado em 9 de abril de 2017 
  13. http://whiplash.net/materias/news_780/260590-ghost.html
  14. «Discography Ghost». swedishcharts.com. Hung Medien. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  15. «Discography Ghost». finnishcharts.com. Hung Medien. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  16. «Discography Ghost». norwegiancharts.com. Hung Medien. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  17. «Discografie Ghost». www.ultratop.be. Hung Medien. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  18. «Discographie Ghost». www.ultratop.be. Hung Medien. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  19. «GHOST's 'Infestissumam' Certified Gold In Sweden». Blabbermouth.net. Consultado em 22 de outubro de 2014 
  20. «GHOST's 'Meliora' Certified Platinum In Sweden». blabbermouth.com. 19 de novembro de 2016. Consultado em 27 de dezembro de 2016 
  21. «GHOST's 'If You Have Ghost' EP Cracks U.S. Top 100». Blabbermouth.net. Consultado em 28 de novembro de 2013 
  22. «Ghost Discography». finnishcharts.com. Hung Medien. Consultado em 22 de abril de 2013 

Páginas externas[editar | editar código-fonte]