Inhambane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Inhambane (província))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Inhambane
Província de Moçambique Moçambique

Dados gerais
Capital Inhambane
Município(s) Inhambane, Massinga, Maxixe, Quissico e Vilanculos.
Características geográficas
Área 68 615 km²
População 1 496 824 hab. (2017)
Densidade 21,8 hab./km²
Moçambique Inhambane prov.png
Província de Inhambane em Moçambique.
Dados adicionais
Código postal 13xx
Prefixo telefónico +258 293
Sítio Portal do Governo da Província de Inhambane
Projecto África  • Portal de Moçambique

A província de Inhambane, está localizada região sul de Moçambique. A sua capital é a cidade de Inhambane, situada a cerca de 500 km a norte da cidade de Maputo. Com uma área de 68 615  km² e uma população de 1 496 824 habitantes em 2017, esta província está dividida em 14 distritos e possui, desde 2013, 5 municípios: Inhambane, Massinga, Maxixe, Quissico e Vilanculos.

Localização[editar | editar código-fonte]

Situada no topo da região sul de Moçambique, Inhambane está limitada a norte pelas províncias de Sofala e Manica, a leste e sudeste pelo Oceano Índico e a sul e oeste pela a província de Gaza.

Demografia[editar | editar código-fonte]

População[editar | editar código-fonte]

De acordo com os resultados preliminares do Censo de 2017, a província de Inhambane tem 1 496 824 habitantes em uma área de 68 615km², e, portanto, uma densidade populacional de 21,8 habitantes por km². Quando ao género, 54.1% da população era do sexo feminino e 45,9% do sexo masculino.[1]

O valor de 2017 representa um aumento de 192 004 habitantes ou 14,7% em relação aos 1 304 820 residentes registados no censo de 2007.[2]

As etnias dominantes são os Língua xítsuaMátshwa, os Bitonga e os Chopi.[3]

População da província de Inhambane[1][2]
1980 1997 2007 2017
1 023 879 1 123 079 1 304 820 1 496 824

História[editar | editar código-fonte]

A província de Inhambane foi formada a partir do distrito de Inhambane[4] do período colonial.

Governadores[editar | editar código-fonte]

A província é actualmente dirigida por um governador provincial nomeado pelo Presidente da República.

  • (2005-2008) Lázaro Vicente[5][6]
  • (2008-2010) Francisco Itae Meque[6]
  • (2010-2016) Agostinho Abacar Trinta[7]
  • (2016-) Daniel Chapo[8]

Subdivisões da província[editar | editar código-fonte]

Mapa da província de Inhambane

Distritos[editar | editar código-fonte]

A província de Inhambane está dividida em 14 distritos, os 12 que existiam quando foi realizado o censo de 2007,[9] mais os distritos de Inhambane e Maxixe, estabelecidos em 2013 para administrar as competências do governo central, e que coincidem territorialmente com os respectivos municípios: [10]

Municípios[editar | editar código-fonte]

Inhambane possui 5 municípios:[11][12]

De notar que a vila de Massinga se tornou município em 2008 e a vila de Quissico em 2013.

Património[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «DIVULGAÇÃO OS RESULTADOS PRELIMINARES IV RGPH 2017». Instituto Nacional de Estatística. 29 de dezembro de 2017. Consultado em 12 de janeiro de 2018 
  2. a b «Indicadores Sócio Demográficos Província de Inhambane 2007» (PDF). Instituto Nacional de Estatística. 2012. Consultado em 12 de janeiro de 2018 
  3. https://issuu.com/projetomoatizeexpansao/docs/guiaculturalmocambique14_11_pt_lowr
  4. Decreto-lei nº 6/75 de 18 de Janeiro.
  5. "Guebuza concluiu nomeação do seu governo" in Noticias Lusófonas. 11 de Fevereiro de 2005. Acesso 2011 outubro 16
  6. a b "Vamos trabalhar para tirar I'bane da pobreza - afirma novo governador da província" in Notícias. 11 de Agosto de 2008.[ligação inativa]
  7. "Formado novo Governo". TVM Televisão de Moçambique citando Jornal Noticias. 18 de Janeiro de 2010 Acesso 2011 outubro 16
  8. | Daniel Chapo nomeado governador de I’bane Acesso 5 de Março de 016
  9. Instituto Nacional de Estatística Acesso 2011 outubro 5
  10. Lei nº 26/2013, publicada no Boletim da República nº 101, I Série, de 18 de Dezembro de 2013, pág. 1059-1061 (3)
  11. "Resolução n.º 7/87, de 25 de Abril publicado no Boletim da República (BR), I Série, Nº 16 de 1987" in Estudo "Desenvolvimento Municipal em Moçambique: As Lições da Primeira Década". pp. 24 e 25. Banco Mundial. Maio 2009. Acesso 2011 outubro 5
  12. «Parlamento Aprova Criação de 10 Novos Municípios». SapoNotícias. Consultado em 1 de Janeiro de 2015. Arquivado do original em 1 de janeiro de 2015 

Código Postal nos Correios de Moçambique Acesso 2011 outubro 4

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Moçambique, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.