José Nilson dos Santos Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nilson
Informações pessoais
Nome completo José Nilson dos Santos Silva
Data de nasc. 6 de abril de 1991 (28 anos)
Local de nasc. São Paulo, (SP), Brasil
Nacionalidade brasileira
Altura 1,86 m
destro
Apelido Nilsão, Nilshow
Informações profissionais
Período em atividade 2010–presente
Clube atual Jorge Wilstermann
Número 17
Posição Atacante
Clubes de juventude
2002–2009
2010–2011
Portuguesa
Vasco da Gama
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2010–2013
2011
2012
2013
2014
2014
2015–2017
2015
2015
2016
2016
2017
2017
2018
2019
2019–
Vasco da Gama
Criciúma (emp.)
Paraná (emp.)
Bragantino (emp.)
Boa Esporte
Icasa
Cianorte
São Bento (emp.)
Santos (emp.)
Ventforet Kofu (emp.)
América Mineiro (emp.)
Novorizontino (emp.)
São Bento (emp.)
Bangu
Portuguesa-RJ
Jorge Wilstermann
00004 0000(0)
00004 0000(0)
00014 0000(3)
00006 0000(1)
00004 0000(1)
00009 0000(4)
00000 0000(0)
00010 0000(2)
00016 0000(1)
00009 0000(1)
00003 0000(0)
00007 0000(1)
00005 0000(0)
00007 0000(1)
00008 0000(2)
00006 0000(1)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 30 de setembro de 2019.

José Nilson dos Santos Silva, mais conhecido apenas como Nilson (São Paulo, 6 de abril de 1991), é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente joga no Jorge Wilstermann.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Categorias de base da Portuguesa[editar | editar código-fonte]

Atuando pela Portuguesa,[1] transferiu-se para as categorias de base do Vasco da Gama.

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

No Vasco teve algumas chances profissionalmente, e depois foi emprestado para muitos clubes como Criciúma, Paraná e Bragantino.

Boa Esporte[editar | editar código-fonte]

Pelo Boa Esporte, disputou o Campeonato Mineiro de 2014,[2] mas foi dispensado em maio no mesmo ano depois de ter recebido poucas oportunidades.[3]

Icasa[editar | editar código-fonte]

No mesmo ano que foi dispensado do Boa Esporte, também defendeu o Icasa.[4]

São Bento e Cianorte[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2015, Nilson acertou com o São Bento, para a disputa do Campeonato Paulista de 2015 - Série A1,[5] e após seu contrato encerrar, acertou sua transferência para o Cianorte.[6]

Santos[editar | editar código-fonte]

Ainda em 2015, após acertar sua ida ao Cianorte, clube de empresários, Nilson foi emprestado ao Santos, até o fim do ano, com opção de renovação de empréstimo ou compra dos direitos em seu contrato.[7]

Estreou com a camisa santista em 2 de julho de 2015, na partida em que a equipe perdeu para o Fluminense por 2 a 1, no Maracanã. Seu primeiro gol marcado com camisa santista foi diante do Avaí, na goleada a favor do Santos pelo placar de 5 a 2. Após receber um cruzamento de Gabigol, a bola desviou no volante Adriano do Avaí e sobrou para Nilson marcar o quarto gol da partida.

Sua passagem foi marcada por sua entrada na final da Copa do Brasil de 2015, contra o Palmeiras. Ele entrou, deu quatro toques na bola, e mesmo com o gol vazio,[8] acabou desperdiçando a oportunidade de ampliar a vantagem do Santos no último lance do jogo de ida da final.[9] Após a derrota nas decisões por pênaltis no jogo da volta, foi considerado por muitos torcedores e jornalistas o principal responsável pelo vice-campeonato.[10][11]

Ventforet Kofu[editar | editar código-fonte]

Em 2016, após passagem apagada no time santista, o Cianorte acertou seu empréstimo para a equipe japonesa.[12] Marcou seu primeiro gol contra o Kashima Antlers, em resultado favorável ao seu time pelo placar de 2 a 1.[13]

América Mineiro[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2016, foi anunciado como novo reforço do América Mineiro.[14]

Grêmio Novorizontino[editar | editar código-fonte]

No dia 16 de janeiro de 2017, a diretoria do Grêmio Novorizontino anunciou sua contratação, vindo empréstimo do Cianorte.[15][16]

No dia 4 de fevereiro de 2017, Nilson fez sua estreia pelo Grêmio Novorizontino, entrando na segunda etapa do jogo e marcando o gol da vitória, pelo placar de 3 a 2 sobre o São Bernardo, válido pelo Paulistão 2017. Os outros gols da partida foram marcados por Roberto e Fernando Gabriel.[17]

Retorno ao São Bento[editar | editar código-fonte]

Em 13 de julho de 2017, Nilson acertou seu retorno ao São Bento para a sequência da Série C do Brasileirão.[18]

Bangu[editar | editar código-fonte]

Em 20 de novembro de 2017, foi anunciado que Nilson acertou com o Bangu, para o Carioca 2018.[19]

Portuguesa-RJ[editar | editar código-fonte]

Já em 2019, assina em definitivo com a Portuguesa-RJ. Marcou o seu primeiro gol contra a equipe do Botafogo, numa derrota por 4 a 1 no Engenhão.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Vasco
Paraná
Icasa

Referências

  1. «Nilson estreia como titular pelo Santos na vaga de ídolo: 'Chance única'». Terra. Consultado em 27 de fevereiro de 2016 
  2. Boa Esporte acerta com o atacante Nilson, ex-Vasco
  3. Jogador do Vasco emprestado ao Boa Esporte é dispensado
  4. Série B: Nilson, ex-Vasco, aparece no BID e Icasa deve ter quatro estreias
  5. São Bento contrata atacante Nilson, ex-Vasco, que estava no Icasa
  6. «Cianorte Futebol Clube - O Leão do Vale do Ivaí». Cianorte. Consultado em 27 de fevereiro de 2016. Arquivado do original em 8 de março de 2016 
  7. Santos acerta com Nilson e troca contratos com o Cianorte-PR
  8. «Acusado de 'vilão', Nilson deixa o Santos em lágrimas e causa comoção». UOL Esporte. Consultado em 26 de dezembro de 2018 
  9. «Dos 47 aos 50: santista Nilson dá quatro toques na bola e perde gol feito». sportv.com. Consultado em 26 de fevereiro de 2016 
  10. «Alvo de 'protesto', gol perdido por Nilson causa divisão em santistas». Terra. Consultado em 26 de março de 2016 
  11. «Com ano 'encerrado', Santos decide não renovar com Nilson e Werley». Terra. Consultado em 26 de março de 2016 
  12. «No Japão, Nilson ganha nova chance no futebol». Diário de S. Paulo. Consultado em 23 de fevereiro de 2016 
  13. «Nilson, vilão do Santos na Copa do Brasil, faz gol no Japão». Futebol Internacional - Blogs A Tribuna. Consultado em 5 de abril de 2016 
  14. América-MG apresenta Nilson, e Enderson lista 20 para jogo com o Flu
  15. «Paulistão: Novorizontino acerta com 'vilão' do Santos na Copa do Brasil 2015». Futebol Interior 
  16. «Ex-Santos, Nilson é o novo atacante Grêmio Novorizontino para o Paulistão». Grêmio Novorizontino 
  17. «Novorizontino erra menos e bate o São Bernardo na estreia no Paulistão». Globoesporte.com 
  18. São Bento confirma o retorno do atacante Nilson
  19. [1]
  20. «10 jogadores já venceram a Copa do Brasil - Confederação Brasileira de Futebol». Confereção Brasileira de Futebol. Consultado em 27 de fevereiro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]