Oxalato de sódio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Oxalato dissódico
Alerta sobre risco à saúde
Sodium-oxalate-2D.png
Nome IUPAC Oxalato de sódio
Outros nomes Sal de sódio do ácido oxálico
Etanodioato de sódio
Oxalato dissódico
Identificadores
Número CAS 62-76-0
PubChem 6125
Número RTECS K11750000
Propriedades
Fórmula molecular Na2C2O4
Massa molar 133.99914 g/mol
Aparência cristais incolores ou pó branco[1]
Densidade 2.34 g/cm3 [1]
Solubilidade em água 3.7 g/100 ml (20 °C) [1]
6.25 g/100 mL (100 °C) [carece de fontes?]
Solubilidade insolúvel em etanol
Riscos associados
MSDS Oxford MSDS
Classificação UE Harmful Xn
NFPA 704
NFPA 704.svg
0
3
0
 
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions Carbonato de sódio
Exceto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições normais de temperatura e pressão

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Oxalato de sódio, também chamado oxalato dissódico é o sal de sódio do ácido oxálico. É um composto químico com a fórmula molecular Na2C2O4.

Características[editar | editar código-fonte]

O oxalato de sódio é um pó incolor pouco higroscópico, o que permite sua utilização como padrão primário em trabalhos laboratoriais (química analítica). É um agente redutor cuja principal finalidade é a padronização das soluções de permanganato de potássio (KMnO4).

Oxalato dissódico é frequentemente referido como oxalato de sódio. Desde que o íon poliatômico de oxalato tem duas cargas negativas,[2] não pode ser outro composto consistindo de sódio e oxalato que não o oxalato dissódico. Consequentemente, o prefixo "di" é frequentemente abandonado.[3]

Apresenta solubilidade em água de 3.7 g/100 ml (20°C) e de 63 g/100 ml (100°C).[1]

Apresenta pH 8 a 20°C em solução aquosa de concentração 30 g/litro.[1]

Possui densidade de 2,34 g/cm3 e densidade aparente de aproximadamente 600 kg/m3.[1]

Obtenção[editar | editar código-fonte]

O oxalato de sódio pode ser obtido por reação do ácido oxálico com o hidróxido de sódio:

Industrialmente é produzido por aquecimento a 360 °C do formiato de sódio (metanoato de sódio):

Adicionalmente, cita-se que ele é produzido em grandes quantidade como resíduo do processo Bayer (produção do hidróxido de alumínio, "alumina hidratada").

Aplicações[editar | editar código-fonte]

Além de sua aplicação nos métodos de química analítica, é utilizado em experimentos biológicos. O oxalato de sódio, tal como os citratos, pode também ser usado para remover íons cálcio (Ca2+) do plasma sanguíneo, prevenindo também a coagulação do sangue. Note-se que por remover cálcio do sangue, o oxalato de sódio pode prejudicar funções cerebrais, e favorecer a deposição de oxalato de cálcio nos rins.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um composto inorgânico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.