Waka Waka (This Time for Africa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Waka Waka (This Time for Africa)"
Single de Shakira com a participação de Freshlyground
do álbum Listen Up!
Lançamento 7 de maio de 2010 (2010-05-07)
Formato(s)
Gravação 2010
Gênero(s)
Duração 3:22
Gravadora(s) Epic
Composição
Produção
  • Hill
  • Shakira
Informações sobre o vídeo musical
Lançamento 6 de maio de 2010 (2010-05-06)
Director(es)
Cronologia de singles de Shakira
"Gypsy"
(2010)
"Loca"
(2010)

"Waka Waka (This Time for Africa)" (em espanhol: "Waka Waka (Esto es África)") é uma canção da cantora colombiana Shakira, com a banda sul-africana Freshlyground. Foi lançado em 7 de maio de 2010 pela Epic Records, como a música oficial da Copa do Mundo FIFA de 2010, que foi realizada na África do Sul. Escrito, composto e produzido por Shakira e John Hill, "Waka Waka (This Time for Africa)" é uma música cuja letra encoraja alguém a apontar seus objetivos como um soldado em um campo de batalha. A canção foi adaptada da canção "Zangaléwa" de 1986 da banda camaronense Golden Sounds. A canção inicialmente gerou controvérsia depois que numerosos sul-africanos expressaram desapontamento na decisão da Fifa de escolher Shakira para cantar a música, argumentando que um artista nativo deveria ter sido designado para o papel.

Ele obteve revisões geralmente favoráveis ​​dos críticas, recebendo elogios pela sua produção. "Waka Waka (This Time for Africa)" alcançou o número um em listas singles de vários países, incluindo Áustria, Bélgica, França, Alemanha, Espanha, Itália e Suíça. Nos Estados Unidos, a música alcançou o número 38 no Billboard Hot 100 e foi posteriormente certificado pela Recording Industry Association of America (RIAA), pelas venda de mais de um milhão de unidades no país. As únicas certificações multi-platina similares alcançadas em outros países, incluindo uma certificação de platina de nove vezes na Suécia e seis vezes a certificação de platina na Espanha. "Waka Waka (This Time for Africa)" vendeu 10 milhões de unidades em todo o mundo, tornando-se um dos singles mais vendidos de todos os tempos.

O videoclipe de "Waka Waka (This Time for Africa)" foi dirigido por Marcus Raboy e mostra Shakira e um grupo de dançarinos e crianças que dançam juntos. Possui imagens de vários futebolistas como Cristiano Ronaldo e Lionel Messi. Tornou-se popular no YouTube, recebendo 1,6 bilhões de visualizações até de novembro de 2017 e tornando-se o vídeo mais assistido de todos os tempos no site. Shakira performou a música na cerimônia de abertura da Copa do Mundo de 2010 em 10 de junho, bem como na cerimônia de encerramento em 11 de julho. Também foi incluído na set-list definitiva da The Sun Comes Out World Tour (2010-11).

Antecedentes e lançamento[editar | editar código-fonte]

"Nós nos encontramos com o produtor de Shakira [John Hill] e ele nos mostrou a música "Waka Waka (This Time for Africa) - que nós adoramos - e nos pedimos para trabalharmos com ela e participarmos de algumas partes. Nós escrevemos uma ponte e adicionamos alguns elementos da África do sul à música e, alguns meses depois, ouvi dizer que estávamos no que era a maior música da Copa do Mundo da história! foi bastante incrível."

—Zolani Mahola, vocalista do Freshlyground, falando sobre o processo de desenvolvimento da música.[1]

Em fevereiro de 2010, Shakira escreveu e produziu "Waka Waka (This Time for Africa)" com o produtor musical americano John Hill, que anteriormente colaborou com ela em várias músicas do álbum She Wolf. A inclusão da banda sul-africana Freshlyground, na faixa passou a acontecer depois que Hill se encontrou com seu produtor em Nova York. A banda estava terminando seu álbum de estúdio, Radio Africa, quando Hill se aproximou deles solicitando participação na música. O produtor deixou a banda sozinha para fazer adições à faixa e retornou horas depois para ouvi-la. Dando pouca reações depois de ouvi-la, Hill expressou interesse em gravar "tudo o que eu tinha ouvido até aqui" e disse à banda que eles ouviriam eles mais tarde.[1][2]

Em 26 de abril, a Fédération Internationale de Football Association (FIFA), anunciou que "Waka Waka (This Time for Africa)" seria a canção oficial da Copa do Mundo FIFA de 2010, que aconteceria na África do Sul em junho e também apareceria em Listen Up! The Official 2010 FIFA World Cup Album. O anúncio mencionou que Shakira interpretaria a música na cerimônia de encerramento da copa, que ocorreria antes da partida final, no dia 11 de julho, no FNB Stadium, em Joanesburgo. Ela também encabeçará o Concerto de Comemoração do Kick-Off da Copa do Mundo, em 10 de junho no Orlando Stadium, em Joanesburgo.[3] A música foi estreada em 28 de abril[3] e foi disponibilizada para download digital na iTunes Store em 7 de maio de 2010.[4] Recebeu uma versão física como CD single em 28 de maio.[5] Uma versão em espanhol da música, intitulada "Waka Waka (This is Africa)", também foi gravada por Shakira. Foi lançado como single em mercados específicos.[3] As versões "K-Mix" de "Waka Waka (This Time for Africa)" e "Waka Waka (This is Africa)" também foram incluídas no nono álbum de estúdio da cantora Sale el Sol, que foi lançado em outubro no mesmo ano.[6]

Composição[editar | editar código-fonte]

Uma música pop, com influencias do World "Waka Waka (This Time for Africa)", inspira-se na música tradicional africana e mistura um ritmo colombiano com africano e uma batida influenciada pela soca. Contém instrumentação de uma guitarra do sul da África.[3] O refrão da música e as palavras "waka waka" são emprestados de "Zangaléwa", uma musica de 1986 gravada pela banda camaronense Golden Sounds, que não foi um sucesso apenas na África, mas também no país natal da cantora, a Colômbia.[7] De acordo com Debora Halbert, autora do livro The State of Copyright: The Complex Relationships of Cultural Creation in a Globalized World, Golden Sounds também não são os criadores originais do refrão, uma vez que foi adaptada de "marchas militares de origens desconhecidas que volta até a Segunda Guerra Mundial".[8]

A letra de "Waka Waka (This Time for Africa)" compara jogadores de futebol (futebol) com soldados em um campo de batalha e os encoraja a lutar por seus objetivos.[9] Fraser McAlpine da BBC Music Chart Blog descreveu-os como "sobre um evento não revelado que está prestes a acontecer na África, no qual todos se reúnem e gozam dos frutos de seu trabalho árduo, apesar de ter havido muitas dificuldades ao longo do caminho".[10] A versão em espanhol da música não contém uma metáfora de guerra e, em vez disso, "fala sobre as paredes que se deslocam".[9]

Controvérsia[editar | editar código-fonte]

A decisão da FIFA de escolher "Waka Waka (This Time for Africa)", como a música oficial foi negativamente recebida por algumas pessoas sul-africanas, que sentiram que Shakira não era a "pessoa certa para representar a primeira Copa do Mundo no país".[11] argumentando que uma artista africana deveria ter recebido a função.[12] Os músicos sul-africanos também ficaram desagradados com a falta de artistas nativos programados para se apresentar no Comício de Celebração do Kick-Off da Copa do Mundo da FIFA em 10 de junho de 2010. Eles expressaram sua ira contra a Associação Sul-Africana de Futebol (SAFA), por deixar artistas internacionais como Alicia Keys, the Black Eyed Peas e Shakira para encabeçar o evento. Posteriormente, o sindicato de trabalhadores criativos da África do Sul planejou uma manifestação a ser realizada em 15 de abril, mas convocou depois que a SAFA anunciou que o repertório de artistas de atuação seria finalizado após "consulta com fãs e cidades-sede".[13] Danny Jordaan, chefe do Comitê Organizador da Copa do Mundo da África do Sul e presidente da SAFA, divulgado para uma declaração assegurando que "a incrivelmente talentosa indústria da música sul-africana e africana desempenhará uma parte importante do sucesso e do caráter fora do campo do torneio".[13] Freshlyground's a violinista Kyla-Rose Smith defendeu a decisão da FIFA de selecionar "Waka Waka (This Time for Africa)" como a música oficial, dizendo: "Eu acho que a Copa do Mundo é um evento global, mas também é um negócio, um enorme exercício de marketing. Isso requer um músico de um determinado alcance global para atrair todos os diferentes tipos de pessoas envolvidas e testemunhar e assistir a Copa do Mundo. Então eu entendo a escolha de alguém como Shakira".[12]

O riff da música "waka waka" também gerou controvérsia. Em junho de 2010, foi relatado que o músico dominicano Wilfrido Vargas, decidiu intentar uma ação judicial contra Shakira por plagiar o riff de sua composição "The Negro Can not", por uma soma de US $ 11 milhões,[14] que foi realizada pelo grupo dominicano Girls of the Can.[15] No entanto, Vargas mais tarde abordou diretamente o problema e disse que não tinha intenção de processar Shakira, esclarecendo que ele próprio não usava o riff usado em "Black Can not", e que as declarações anteriores feitas em seu nome foram criadas.[16]

Recepção da critica[editar | editar código-fonte]

Fraser McAlpine da BBC Music Chart Blog, deu à música uma classificação de quatro em cinco e elogiou sua soldagem de "guitarras africanas ondulantes para uma batida de clod-hopping, skippy township". No entanto, sinto que a música não parecia ser sobre a Copa do Mundo e poderia ser facilmente produzida com o objetivo de construir canos de água nas pior áreas de seca da terra continental".[10] Robert Copsey da Digital Spy, avaliou que está fora de cinco estrelas, favorecendo seu coro "ridículamente pegadizo", embora ele tenha comentado: "Um pouco inevitavelmente," Waka Waka (This Time for Africa) "vê Shak [ira] substituir suas letras habituais, Isso não soaria fora de lugar na música de um vencedor do X Factor.".[17] Kyle Anderson da MTV, escolheu "Waka Waka (This Time for Africa)" como a melhor música oficial da Copa do Mundo, chamando-a de "melodia funk e inspiradora".[18] O crítico do Canada.com Stuart Derdeyn, no entanto, criticou muito a música e chamou-o de "vômito sonoro" e "talvez a estúpida música oficial para qualquer evento esportivo importante".[19]

"Waka-Waka (This Time for Africa)" recebeu uma nomeação no Shock Awards de 2010, para "Best Radio Song",[20] mas perdeu para "Do not Tell It Sorry" de Don Tetto.[21] A canção foi nomeada "Top Latin Song" no Billboard Music Awards.[22] No mesmo ano, recebeu uma nomeação para o "Download latino do ano" no Latin Billboard Music Awards.[23] Nos Prêmios Our Earth 2011, "Waka Waka (This Time for Africa)" foi nomeado para "Best Song",[24] mas perdeu para Santiago Cruz e "Cuando Regreses" de Fernando Osorio.[25] No mesmo ano, foi reconhecido no 19º Prêmio Anual ASCAP Latin Music Awards como uma das Canções Pop mais realizadas de 2010.[26] A música foi reconhecida como uma das canções mais interpretadas no 19th BMI Latin Music Awards em 2012.[27]

Performance comercial[editar | editar código-fonte]

Europa[editar | editar código-fonte]

Shakira cantando "Waka Waka (This Time for Africa)" durante a The Sun Comes Out World Tour em Madrid, Espanha. A canção alcançou a posição número um na Espanha por 17 semanas consecutivas.[5]

A canção se tornou um sucesso em toda a Europa. Na Áustria, "Waka Waka (This Time for Africa)" deslocou o cantor somali-canadense K'naan com a canção "Wavin' Flag" (que era outra canção promocional da a Copa do Mundo) do primeiro lugar na parada de Ö3 Austria Top 40, seu fim de quatro semanas de longo prazo no número um.[28] "Waka Waka (This Time for Africa)" ficou seis semanas consecutivas no topo da parada e um total de 63 semanas, tornando-se a mais longa duração na parada de um single de Shakira.[29] Também é mais bem sucedido single de Shakira no país e foi certificado de platina dupla pela International Federation of the Phonographic Industry (IFPI), pelas vendas de 60.000 unidades.[30] Tanto na região de língua holandesa de Flandres e regiões de língua francesa da Bélgica Valónia, a canção alcançou o número um nas paradas da Ultratop, em um total de cinco e oito semanas, respectivamente.[31][32] Foi o single mais vendido de 2010 na Valónia[33] e foi certificado com dupla-platina pela Belgian Entertainment Association (BEA), em 2012 pelas vendas de 60.000 unidades completares.[34] Na Dinamarca, a música no topo da parada Hitlisten e foi certificada dupla-platina pela IFPI Dinamarca.[35]

"Waka Waka (This Time for Africa)" estreou no número um na parada de singles francês e permaneceu na posição por seis semanas consecutivas. O sucesso da música foi no país de tal forma que ele apareceu na parada por três anos consecutivos (2010-13) e por um total de 132 semanas.[36] O Syndicat National de l'Édition Phonographique (SNEP), o certificou com disco de platina pelas vendas de 150.000 unidades individuais.[37] Foi o single mais vendido no país em 2010, com mais de 373.068 cópias vendidas.[38] A canção chegou ao número um na parada de singles alemão por seis semanas e tornou-se o segundo single mais vendido no país em 2010.[39] Foi certificado de ouro quíntuplo pela Bundesverband Musikindustrie (BVMI), denotando vendas de 750.000 unidades, tornando "Waka Waka (This Time for Africa)" o single de Shakira, mais vendido no país.[40] Na Itália, a canção entrou na parada de singles da FIMI, no número dois e chegou ao número um uma semana depois. Ela permaneceu no número um, durante 16 semanas consecutivas.[41] Em 2014, o single foi certificado seis vezes platina pela Federazione Industria Musicale Italiana (FIMI), pelas vendas de 180.000 unidades no país.[42]

A canção ficou no topo da parada de singles espanhol por 17 semanas consecutivas e ficou por 69 semanas no total.[5] "Waka Waka (This Time for Africa)" foi o single mais vendido na Espanha, em 2010.[43] Mais tarde, foi certificado seis vezes platina pela Productores de Música de España (Promusicae), pelas vendas de 240.000 unidades no país.[44] A canção é um dos singles mais vendidos na Espanha. "Waka Waka (This Time for Africa)" se tornou o maior single de Shakira na Suécia, onde ele atingiu o pico no topo da parada Sverigetopplistan e apareceu na parada por 58 semanas.[45] Em 2012, o single vendeu 360.000 downloads no país e foi certificado nove vezes platina pela IFPI.[46] O formato tom de chamada da canção recebeu uma certificação tripla platina.[47] Na Suíça, a canção estreou no número cinco e posteriormente atingiu o pico no topo da tabela por quatro semanas.[48] Passou 86 semanas no gráfico e foi certificada tripla-platina em 2011 pela IFPI.[49] "Waka Waka (This Time for Africa)" alcançou a posição número 21 no Reino Unido[50] e foi certificado ouro pela British Phonographic Industry (BPI), em 2015 por vender mais de 400.000 unidades.[51]

Ásia e Américas[editar | editar código-fonte]

"Waka Waka (This Time for Africa)" foi a canção mais baixado de 2010 no Nokia Music Store, com base no seu desempenho em 38 países, incluindo Índia e China.[52] Na Índia, ele alcançou a posição de número três na parada Angrezi Radio Mirchi Top 20.[53] De acordo com Manoj Gairola da Hindustan Times, a canção foi baixada por mais de 300.000 assinantes de uma empresa de telecomunicações que detinha os direitos exclusivos que por vender "Waka Waka (This Time for Africa)" em telefones móveis.[54]

A canção alcançou a posição número um na Argentina, Chile e no país de origem de Shakira.[55] No México, ele passou cinco semanas sucessivas no número um[55] e foi certificado de dupla-platina pela Asociación Mexicana de Productores de Fonogramas y Videogramas (AMPROFON), em 2012 por vender mais de 120.000 downloads.[56] Nos Estados Unidos, a canção estreou no número 43 na Billboard Hot 100 - segunda maior estréia de Shakira na parada naquela época.[57] É mais tarde atingiu o número 38.[58] A Recording Industry Association of America (RIAA), certificou disco de platina a canção em 2011 depois de ter conseguido vender mais de um milhão de downloads.[59] De acordo com a Nielsen SoundScan, vendeu os 1.763 milhões de downloads nos Estados Unidos, tornando-se a terceira maior venda de Shakira no país.[60]

Precedentes[editar | editar código-fonte]

Após a canção ser escolhida como tema oficial da Copa do Mundo de 2010, Shakira falou que "estava honrada" pela escolha e que a Copa era "um milagre de entusiasmo mundial, conectando cada país, raça, religião e condição ao redor de uma única paixão. Representa um evento que tem o poder de unir e integrar, e essa canção é sobre isso".[61] Zolani Mahola, da banda Freshlyground, disse que estavam "animados por colaborar com Shakira em "Waka Waka (This Time For Africa)", especialmente porque sentimos que a canção captura o espírito e a energia da Copa do Mundo na África".[61]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

Shakira dançando no videoclipe da canção.

O videoclipe de "Waka Waka (This Time for Africa)" foi dirigido por Marcus Raboy.[62] Foi desenvolvido e conceituado por Shakira junto com Antonio Navas, diretor criativo e executivo da agência de marketing internacional Ogilvy & Mather. Navas explicou que o conceito do clipe era "levar o espectador a uma viagem ao redor do mundo, terminando na África".[63] Os passos de dança foram coreografadas por Hi-Hat, que já havia trabalhado com Shakira no videoclipe de "She Wolf" (2009).[64] O clipe foi filmado em Los Angeles e foi gravado em vários idiomas.[63] Foi estreado em 6 de junho de 2010[62] e tornou-se o primeiro videoclipe da Sony Music a receber uma versão em formato 3D.[65]

A man with brown hair dressed in a grey suit is smiling at the reader.
A man dressed in a bright red costume with golden and white embellishments is smiling at the reader.
Lionel Messi (esquerda) e Idriss Carlos Kameni (à direita), foram dois dos muitos futebolistas que apareceram na versão oficial do videoclipe.

O vídeo foca principalmente em Shakira e uma multidão composta por inúmeros dançarinos e crianças dançando juntos. Freshlyground aparece com sua vocalista Zolani Mahola e o violinista Kyla-Rose Smith no "inicio e meio" do clipe. No final do vídeo, várias bailarinas mirins executam apenas coreografias de dança.[66] O videoclipe intercala imagens arquivadas de antigos torneios de futebol passados, incluindo a infame cena do futebolista italiano Roberto Baggio, perdeu a penalidade decisiva no torneio da final da Copa do Mundo FIFA de 1994, contra o Brasil.[67] Também apresenta a participação dos futebolistas Cristiano Ronaldo, Dani Alves, Gerard Piqué, Idriss Carlos Kameni, Lionel Messi e Rafael Márquez.[66]

Adam Fairholm, do IMVDb, elogiou as coreografias de dança e escreveu que, enquanto Shakira era "ótima", a melhor parte do videoclipe foi a participação do Freshlyground, as crianças e os futebolistas. Ele elogiou Raboy por "fazer todos parecerem uma família grande e feliz" e sentiu que o vídeo era adequadamente representativo da cultura sul-africana.[66] O escritor da MTV, Kyle Anderson, elogiou a energia do vídeo e a habilidade dançante de Shakira.[18] O vídeo foi viral no site de compartilhamento de vídeos do YouTube, alcançando o número um na parada de videoclipes do The Guardian.[68]

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

Shakira interpretando "Waka Waka (This Time for Africa)", durante uma série de shows em Manchester, Inglaterra

Shakira performou "Waka Waka (This Time for Africa)" na cerimônia de abertura da Copa do Mundo de 2010 em 10 de junho no Orlando Stadium em Johannesburg, África do Sul. A música foi precedida por performances de seus singles passados ​​"Hips Don't Lie" e "She Wolf". Freshlyground também apareceu no palco e Mahola cantou seu verso da música.[69] Numerosos dançarinos e músicos africanos acompanharam Shakira durante a apresentação.[70] Para as apresentações, Shakira estava vestida com um macacão preto e branco com estampa de zebra, juntamente com uma saia de seda e pulseiras feitas de couro marrom e pérolas de prata. Sua roupa foi desenhada pelo estilista italiano Roberto Cavalli.[71] Diane Coetzer da Billboard, elogiou o desempenho e chamou-o de "momento de coroamento" do show.[69] Apesar de criticar o traje de Cavalli, a crítica do Los Angeles Times, Ann Powers, elogiou o desempenho de Shakira nas três músicas e recomendou a incorporação de dançarinos e músicos nativos no programa, escrevendo: "Era apenas um gesto simbólico, mas um forte nesta noite - Viva a música da África para todos os cantos da terra".[70] Pitbull, Jennifer Lopez e Claudia Leitte, na cerimônia de abertura da Copa do Mundo de 2014, foram comparadas negativamente com as de Shakira, enquanto os fãs acharam o antigo mostram decepcionantes em comparação com os do último.[72]

A canção foi perforamda pela segunda vez por Shakira e Freshlyground na cerimônia de encerramento da Copa do Mundo de 2010 em 11 de julho de 2010.[73] O traje de Shakira foi desenhado novamente por Cavalli e consistiu em um top de tule, uma saia de seda com motivos florais e um cinto de jeans. O tope e o cinto foram bordados com pérolas de várias cores. Shakira também usava pulseiras de couro enfeitada com decorações de seda floral.[74] O crítico Coetzer da Billboard, escreveu que o desempenho da música "estacionava uma resposta extática" dos espectadores.[73] Siddharth Saxena, da Times of India, descreveu a apresentação como uma "reviravolta de show de cores, luz e laser".[75]

"Waka Waka (This Time for Africa)" foi incluído na set-list definitiva da The Sun Comes Out World Tour (2010-11) e foi interpretado como a última música do segmento bis do show.[76] Durante as apresentações, ela convidou os fãs para o palco para dançar com ela enquanto os confetes "preenchiam toda a arena".[77]

Legado[editar | editar código-fonte]

Até maio de 2014, "Waka Waka (This Time for Africa)" vendeu cerca de dez milhões de unidades em todo o mundo, tornando-se uma das músicas mais vendidas de Shakira junto com "Hips Do not Lie".[78] Foi proclamada como uma das melhores músicas da Copa do Mundo da FIFA de todos os tempos por publicações, incluindo Billboard, BuzzFeed, Dallas Observer and The Sydney Morning Herald.[79][80][81][82] Com mais de 1,6 bilhões de visualizações no YouTube até novembro de 2017, o videoclipe de "Waka Waka (This Time for Africa)" é o trigésimo vídeo mais assistidos de todos os tempos no site.[83] Em uma entrevista em 2014, Shakira falou sobre a importância da música em sua vida ao conhecer o futebolista espanhol Gerard Piqué durante a filmagem do clipe, com quem ela tem um relacionamento amoroso e dois filhos, Milão Piqué Mebarak, nascido em janeiro 2013 e Sasha Piqué Mebarak, nascido em janeiro de 2015.[84]

A música voltou em evidencia em 2014, depois que muitos fãs brasileiros criticaram "We Are One (Ole Ola)", a canção oficial da Copa do Mundo FIFA de 2014, por não representar corretamente a cultura do país anfitrião no Brasil. Muitos "expressaram sua frustração" no Twitter usando o hashtag "#VoltaWakaWaka" (português para "ReturnWakaWaka"), exigindo que a FIFA reintegre "Waka Waka (This Time for Africa)" como a música oficial.[85]

A música foi apresentada no jogo de vídeo game Just Dance 2018.

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

CD single promocional[86]
  1. "Waka Waka (This Time for Africa)" - 3:22
CD single na Alemanha e Itália[87]
  1. Waka Waka (This Time for Africa) (English Version) - 3:23
  2. Waka Waka (This Time for Africa) (Club Mix) - 3:13

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Precessão e sucessão[editar | editar código-fonte]

Precedido por
"Me and My Guitar" de Tom Dice
Primeira posição na Belgian Singles Chart (Wallonia)
19 de Junho -
Sucedido por
Indefinido
Precedido por
"Alors on danse" de Stromae
Primeira posição na Belgian Singles Chart (Flanders)
26 de Junho -
Sucedido por
"We No Speak Americano" de Yolanda Be Cool e DCUP
Precedido por
"Quello che dai" de Marco Carta
Primeira posição na Italian Singles Chart
23 de Maio -
Sucedido por
Indefinido
Precedido por
"Satellite" de Lena Meyer-Landrut
Primeira posição na Finnish Singles Chart
16 de Junho de 2010
Sucedido por
"Alejandro" de Lady Gaga
Precedido por
"El Run Run" de Estopa com Rosario Flores
Primeira posição na Spanish Singles Chart
6 de Junho -
Sucedido por
Indefinido
Precedido por
"Gypsy" de Shakira
Primeira posição na Spain Airplay Charts
25 de Junho -
Sucedido por
Indefinido
Precedido por
"Désolé" de Sexion d'Assaut
Primeira posição na French Digital Singles Chart
20 de Junho -
Sucedido por
Indefinido
Precedido por:
"Wavin' Flag" de K'naan
Primeira posição na German Singles Chart
25 de Junho -
Sucedido por:
Indefinido
Primeira posição na Austrian Singles Chart
25 de Junho -


Precedido por
"Wavin' Flag" de K'naan
Primeira posição na Swiss Singles Chart
27 de Junho - 3 de Julho de 2010
Sucedido por
"Helele" de Velile e Safri Duo
Precedido por
"Fight For This Love" de Cheryl Cole
Primeira posição na Hungarian Airplay Chart
28 de Junho - 11 de Julho de 2010
Sucedido por
"Lehet zöld az ég" de Viktor Varga

Referências

  1. a b Madeloni, Dave (18 de novembro de 2017). «Freshly Ground rides 'Waka Waka' wave». Brattleboro Reformer. MediaNews Group. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  2. Scharges, John. «Freshlyground talks about Shakira, soccer and success». Cape Town Magazine. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  3. a b c d «IFA and Sony Music Entertainment select "Waka Waka (This Time For Africa)" by Shakira featuring Freshlyground as FIFA World Cup 2010™ Official Song». Sony Music Entertainment. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  4. «Waka Waka (This Time for Africa) [The Official 2010 FIFA World Cup Song] {feat. Freshlyground} - Single». iTunes Store. Apple Inc. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  5. a b c «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)». Spanish Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  6. O'Brien, Jon. «Sale el Sol - Shakira». AllMusic. Rovi Corporation. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  7. Mackey, Robert (18 de novembro de 2017). «Shakira Remixes African Hit for World Cup». The New York Times. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  8. Halbert, Debora (5 de fevereiro de 2014). The State of Copyright: The Complex Relationships of Cultural Creation in a Globalized World. [S.l.]: Routledge. p. 118. ISBN 978-1-3178-1743-7. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  9. a b Parales, Jon (18 de novembro de 2017). «Shakira Conquers New Arenas». The New York Times. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  10. a b McAlpine, Fraser (18 de novembro de 2017). «Shakira - 'Waka Waka (This Time For Africa)'». BBC Music Chart Blog. BBC. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  11. «World Cup 2010: Shakira's official song 'Waka Waka' fails to impress South Africans». The Daily Telegraph. Telegraph Media Group. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  12. a b Breslow, Jason M. (18 de novembro de 2017). «World Cup Song by Shakira Stirs Controversy». PBS NewsHour. PBS. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  13. a b «World Cup concert to include more South African stars». BBC News. BBC. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  14. «El "Waka Waka" le trae más problemas a Shakira: Wilfrido Vargas la demandará por US$11 millones». El Comercio (em Spanish). Peru: Empresa Editora El Comercio S.A. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  15. «Demandarán a Shakira por su Waka Waka». El Informador (em Spanish). Unión Editorialista. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  16. «Wilfrido Vargas aclara que no tiene motivos para demandar a Shakira» (em Spanish). MSN/Prodigy. Microsoft. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  17. Copsey, Robert (18 de novembro de 2017). «Shakira: 'Waka Waka (This Time For Africa)'». Digital Spy. Hearst Magazines UK. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  18. a b Anderson, Kylie (18 de novembro de 2017). «Shakira's 'Waka Waka (This Time For Africa)' Video: The Key Scene». MTV. Viacom Media Networks. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  19. Derdeyn, Stuart (18 de novembro de 2017). «CD Reviews: Listen Up! The Official 2010 FIFA World Cup Album (Sony)». Canada.com. Postmedia News. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  20. «Premios Shock de la Música 2010: las categorías más votadas» (em Spanish). Shock. 2010. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  21. «Ganadores de los Premios Shock de la Música 2010» (em Spanish). Entretengo. Impressa Network. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  22. «Billboard Music Awards 2011: The winners in full». Digital Spy. Hearst Corporation. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  23. «2011Billboard Latin Music Awards Finalists and Winners» (PDF). Billboard. Prometheus Global Media. 2011. Consultado em 18 de novembro de 2017. Arquivado do original (PDF) em 18 de novembro de 2017 
  24. «Premios Nuestra Tierra 2011» (em Spanish). La Opinión. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  25. «Estos fueron los ganadores de Los Premios Nuestra Tierra» (em Spanish). Entretengo. 2011. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  26. «Pop/Ballad». American Society of Composers, Authors and Publishers. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  27. «Top Latin Songwriters Honored at 19th Annual BMI Latin Music Awards». Broadcast Music, Inc. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017. Arquivado do original em 18 de novembro de 2017 
  28. «Austria Top 40 - Singles Top 75» (em German). Austrian Charts. Hung Medien. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  29. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)» (em German). Austrian Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  30. «Gold & Platin» (em German). IFPI Austria. Consultado em 18 de novembro de 2017. Arquivado do original (Type Shakira in Interpret and click on Suchen ) em 18 de novembro de 2017 
  31. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)» (em Dutch). Ultratop (Flanders). Consultado em 18 de novembro de 2017 
  32. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)» (em French). Ultratop (Wallonia). Consultado em 18 de novembro de 2017 
  33. «Rapports Annuel 2010» (em French). Ultratop (Wallonia). Consultado em 18 de novembro de 2017 
  34. «Les Disques D'Or/De Platine - Singles - 2012» (em French). Ultratop (Wallonia). Consultado em 18 de novembro de 2017 
  35. «Track Top-40 (Uge 04 - 2011)» (em Danish). Hitlisten.nu. IFPI Denmark. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  36. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)» (em French). Les Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  37. «Les Certifications» (em French). SNEP. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  38. «Bilan du marché du disque en France : ventes, chiffres et évolution» (em French). Charts in France. PureMédias. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  39. «Single - Shakira feat. Freshlyground Waka Waka (This Time For Africa)» (em German). Charts.de. Media Control. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  40. «Gold-/Platin-Datenbank» (em German). BVMI. Consultado em 18 de novembro de 2017. Arquivado do original (Type Shakira in Interpret and click on Suchen ) em 18 de novembro de 2017 
  41. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)». Italian Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  42. «Archivio» (Select Online in Scegli la sezione, -- in both Seleziona settimana e anno boxes, enter Shakira in Artista and click on Avvia la ricerca ) (em Italian). FIMI. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  43. «Top 50 Canciones Anual 2010» (PDF) (em Spanish). PROMUSICAE. Consultado em 18 de novembro de 2017. Arquivado do original (PDF) em 18 de novembro de 2017 
  44. «Shakira featuring Freshlyground - Waka Waka (This Time for Africa)». El Portal de Música. PROMUSICAE. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  45. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)». Swedish Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  46. «Shakira Feat. Freshlyground - Waka Waka (This Time For Africa)» (Enter Waka Waka in the Sök bar, then click on the Visa button below the download single's icon ) (em Swedish). Sverigetopplistan.se. IFPI Sweden. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  47. «Shakira Feat. Freshlyground - Waka Waka (This Time For Africa)» (em Swedish). Sverigetopplistan.se. IFPI Sweden. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  48. «Shakira – Waka Waka (This Time for Africa) (Song)» (em German). Swiss Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  49. «Awards» (em German). Swiss Charts. Hung Medien. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  50. «2010 Top 40 Official Singles Chart UK Archive». Official Charts. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  51. «Certified Awards» (Enter Waka Waka in Keywords: and click Search ). BPI. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  52. «Shakira scoops most downloaded song of the year on Ovi Music». Music-News.com. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  53. «Radio Mirchi - Angrezi Top 20». The Times of India. The Times Group. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  54. Gairola, Manoj (18 de novembro de 2017). «And the mobiles went Waka Waka». Hindustan Times. HT Media. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  55. a b Coetzer, Diane (18 de novembro de 2017). «Shakira's World Cup Anthem Makes Global Impact». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  56. «Certificaciones 2012» (em Spanish). AMPROFON. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  57. Trust, Gary (18 de novembro de 2017). «Chart Beat Thursday: Justin Bieber, 'Glee,' Shakira». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  58. «Shakira - Chart History (The Hot 100)». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  59. «Searchable Database». RIAA. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  60. Trust, Gary (18 de novembro de 2017). «Ask Billboard: Shakira's Biggest Hot 100 Hits». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  61. a b «Shakira's Records Official Fifa World Cup 2010 Song» (em inglês). Shakira.com. 26 de abril de 2010. Consultado em 18 de maio de 2010 
  62. a b «Waka Waka (This Time for Africa) (2010)». IMVDb. FilmedInsert, LLC. Consultado em 22 de novembro de 2017 
  63. a b Lee, Toni (22 de novembro de 2017). «O&M's Antonio Navas & Shakira's World Cup Video "Waka Waka" is Biggest YouTube Hit Ever». Ogilvy & Mather. Consultado em 22 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 22 de novembro de 2017 
  64. «Hi Hat - Videography». IMVDb. FilmedInstert, LLC. Consultado em 22 de novembro de 2017 
  65. Paine, Andre (22 de novembro de 2017). «Shakira Kicks Off 3-D For Sony Music». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 22 de novembro de 2017 
  66. a b c Fairholm, Adam (22 de novembro de 2017). «Music Video Relapse: "Waka Waka (This Time For Africa)" (2010) by Shakira». IMVDb. FilmedInsert, LLC. Consultado em 22 de novembro de 2017 
  67. «Shakira lança clipe de 'Waka Waka', música oficial da Copa». Terra Networks Brasil. Telefónica. 22 de novembro de 2017. Consultado em 22 de novembro de 2017. Arquivado do original em 22 de novembro de 2017 
  68. Kiss, Jemima (22 de novembro de 2017). «Guardian Viral Video Chart: World Cup 2010 kicks off». The Guardian. Guardian Media Group. Consultado em 22 de novembro de 2017 
  69. a b Coetzer, Diane (18 de novembro de 2017). «Kickoff Concert Opens 2010 FIFA World Cup». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  70. a b Powers, Ann (18 de novembro de 2017). «Concert review: World Cup kick-off concert in Johannesburg, South Africa». Los Angeles Times. Tribune Company. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  71. Bumpus, Jessica (18 de novembro de 2017). «Cavalli's World Cup». Vogue. Condé Nast. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  72. Chen, Daniella (18 de novembro de 2017). «Twitter Fans React to Disappointing World Cup 2014 Opening Ft. Jennifer Lopez, Pitbull; 'Bring Back Shakira' [VIDEO]». CrossMap. The Christian Post. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  73. a b Coetzer, Diane (18 de novembro de 2017). «Shakira, Spain Triumph At World Cup». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  74. Bumpus, Jessica (18 de novembro de 2017). «Cavalli's World Cup Close». Vogue. Conde Nast. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  75. Saxena, Siddharth (18 de novembro de 2017). «Shakira shakes, Madiba steals show». Times of India. The Times Group. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  76. Stingley, Mick (18 de novembro de 2017). «Shakira -- Concert Review». The Hollywood Reporter. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017. Arquivado do original em 18 de novembro de 2017 
  77. Mathews, Terry (18 de novembro de 2017). «Shakira lights up American Airlines Center with Sale El Sol tour». The Sulphur Springs News-Telegram. Echo Publishing Company. Consultado em 18 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2017 
  78. Cantor-Navas, Judy (18 de novembro de 2017). «Pitbull Vs. Shakira: Whose World Cup Song Is Better? (Poll)». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  79. Vincent, Peter (18 de novembro de 2017). «World Cup songs: the good, the mad and the forgettable». The Sydney Morning Herald. Fairfax Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  80. Cantor-Navas, Judy (18 de novembro de 2017). «Top Ten World Cup Songs». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  81. Lima, Jessica (18 de novembro de 2017). «The Top 10 World Cup Songs Of All Time». BuzzFeed. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  82. Tiscareno, Carmina (18 de novembro de 2017). «The 10 Best World Cup Songs of All-Time». Dallas Observer. Voice Media Group. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  83. «Most Viewed Videos of All Time (Over 340 million views)». YouTube. Google. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  84. Varela, Arturo (18 de novembro de 2017). «World Cup-worthy music matchup: Shakira vs. Pitbull». Philly.com. Philadelphia Media Network. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  85. «Pitbull, Lopez World Cup Song a Flop?». Billboard. Prometheus Global Media. 18 de novembro de 2017. Consultado em 18 de novembro de 2017 
  86. «Shakira - Waka Waka». Top 40. Consultado em 4 de Junho de 2010 
  87. «Waka Waka - CD di Shakira». IBS. Consultado em 22 de Junho de 2010 
  88. «Die ganze Musik im Internet: Charts, News, Neuerscheinungen, Tickets, Genres, Genresuche, Genrelexikon, Künstler-Suche, Musik-Suche, Track-Suche, Ticket-Suche – musicline.de» (em alemão). Media Control Charts. PhonoNet GmbH. Consultado em 16 June 2014.
  89. «Australian-charts.com – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em inglês). ARIA Top 50 Singles. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  90. «Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa) Austriancharts.at» (em alemão). Ö3 Austria Top 40. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  91. «Ultratop.be – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em neerlandês). Ultratop 50. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 16 June 2014.
  92. «Ultratop.be – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em francês). Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 16 June 2014.
  93. «Shakira Album & Song Chart History» (em inglês). Canadian Hot 100 para Shakira. Consultado em 16 June 2014.
  94. «Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa) Hitlisten.nu» (em dinamarquês). Tracklisten. IFPI Dinamarca & Nielsen Music Control. Consultado em 16 June 2014.
  95. «Archive Chart» (em inglês). Scottish Singles Top 40. Consultado em 16 June 2014.
  96. «SNS IFPI» (em eslovaco). Hitparáda – Radio Top100 Oficiálna. IFPI República Checa. Nota: inserir 201031 na pesquisa. Consultado em 16 June 2014.
  97. «Spanishcharts.com – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em inglês). Canciones Top 50. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  98. «Shakira Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Latin Songs para Shakira. Consultado em 16 June 2014.
  99. «Shakira Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Latin Tropical Airplay para Shakira. Consultado em 16 June 2014.
  100. «Shakira Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot 100 para Shakira. Consultado em 16 June 2014.
  101. «Shakira: Waka Waka (This Time For Africa)» (em finlandês). Musiikkituottajat Consultado em 16 June 2014.
  102. «Lescharts.com – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em francês). Les classement single. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  103. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Rádiós Top 40 játszási lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em 16 June 2014.
  104. «Chart Track» (em inglês). Irish Singles Chart. GfK. Consultado em 16 June 2014.
  105. «Shakira – Waka Waka Media Forest» (em inglês). Israeli Airplay Chart. Media Forest. Consultado em 16 June 2014.
  106. «Italiancharts.com – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em inglês). Top Digital Download. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  107. «Luxembourg Digital Songs: July 3, 2010». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 11 de Fevereiro de 2011. Cópia arquivada em 11 de Fevereiro de 2011 
  108. «Norwegiancharts.com – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em inglês). VG-lista. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  109. «Charts.org.nz – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em inglês). Top 40 Singles. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  110. «Dutchcharts.nl – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em neerlandês). Mega Single Top 100. Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 16 June 2014.
  111. «Top airplay». ZPAV. Consultado em 11 de Fevereiro de 2011. Cópia arquivada em 11 de Fevereiro de 2011 
  112. «Top 40 Official UK Singles Archive» (em inglês). UK Singles Chart. Consultado em 16 June 2014.
  113. «ČNS IFPI» (em tcheco). Hitparáda – Radio Top 100 Oficiální. IFPI República Checa. Nota: inserir 201038 na pesquisa. Consultado em 16 June 2014.
  114. «Swedishcharts.com – Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa)» (em inglês). Singles Top 60. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  115. «Shakira feat. Freshlyground – Waka Waka (This Time For Africa) swisscharts.com» (em inglês). Swiss Singles Chart. Hung Medien. Consultado em 16 June 2014.
  116. «Musik-Jahrescharts: "Sanfter Riese" und der Graf setzen sich durch». Media Control. Consultado em 4 de Janeiro de 2011 
  117. «Airplay-Charts 2010» (PDF). Bundesverband Musikindustrie. Consultado em 30 de Abril de 2011 
  118. «Austrian Single Year End Chart - 2010». Austriancharts. Consultado em 2 de Janeiro de 2011 
  119. «Rapports annuels 2010 - Singles». www.ultratop.be (em French). ULTRATOP & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 26 de Dezembro de 2010 
  120. «Rapports annuels 2010 - Singles». www.ultratop.be (em Dutch). ULTRATOP & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 29 de Dezembro de 2010 
  121. «Best of 2010: Top Canadian Hot 100». Billboard. Billboard. Consultado em 2 de Janeiro de 2011 
  122. «Track 2010 Top-50». Tracklisten (em Danish). Nielsen Music Control. 2010. Cópia arquivada em 2 de Janeiro de 2010 
  123. «Best of 2010: Top Latin songs». Billboard. Billboard. Consultado em 2 de Janeiro de 2011 
  124. «Spanish Year-End Charts 2010» (PDF) 
  125. http://www.billboard.com/charts-year-end/european-hot-100-singles?year=2010#/charts-year-end/european-hot-100-singles?year=2010&begin=1&order=position
  126. «Classement des 100 premiers Singles Fusionnés par GfK Music du 1er Janvier au 31 Décembre 2010» (PDF) (em French). SNEP. Consultado em 24 de Janeiro de 2011 
  127. «MAHASZ Rádiós TOP 100 2010» (em hungarian). Mahasz. Consultado em 10 de Março de 2011 
  128. «Italian Annual Top 100 Download Chart». FIMI. Consultado em 17 de Janeiro de 2011 
  129. «Dutch Single Year End Chart - 2010». DutchCharts. Consultado em 2 de Janeiro de 2011 
  130. «End Of Year Charts: 2010» (PDF). UKChartsPlus. Consultado em 10 de Setembro de 2011 
  131. «Swedish Year-End Charts 2010 - Single». Hitlistan.se. Consultado em 31 de Janeiro de 2011 
  132. «Swiss Year-End Charts 2010». swisscharts.com. Consultado em 2 de Janeiro de 2011 
  133. «ARIA Charts - Accreditations - 2010 Singles». ARIA.com.au. Australian Recording Industry Association. Consultado em 6 de Novembro de 2010 
  134. «IFPI Austria - Verband der Österreichischen Musikwirtschaft: Gold & Platin (To search enter "Waka Waka" in Titel and click Suchen)». IFPI.at (em German). International Federation of the Phonographic Industry. Consultado em 1 de Agosto de 2009 
  135. «Ultratop Singles Charts». www.ultratop.be (em Dutch). ULTRATOP & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em 28 de Dezembro de 2010 
  136. «Denmark Single Chart - Week 05». International Federation of the Phonographic Industry (em Danish). Hitlisterne. Consultado em 11 de Fevereiro de 2011 
  137. «RIAA - Gold & Platinum: Waka Waka». RIAA. Consultado em 5 de Outubro de 2010 
  138. «SEMANA 37: del 14.02.2011 al 20.02.2011» (PDF) (em Spanish). Consultado em 22 de Setembro de 2010 
  139. «Finland Single Chart - Week 06». International Federation of the Phonographic Industry (em Finnish). Suomen virallinen lista. Consultado em 13 de Fevereiro de 2011 
  140. http://www.disqueenfrance.com/fr/pag-259165-CERTIFICATIONS.html?year=2010&type=9
  141. «CERTIFICAZIONI DOWNLOAD FIMI» (PDF) (em Italian and English). 29 de agosto de 2010. Consultado em 11 de Outubro de 2010 
  142. «Sverigetopplistan - Sveriges Officiella Topplista: Veckolista Singlar - Vecka 50, 17 december 2010 (select "VECKANS SINGELLISTA" from menu at left)» (em Swedish). Grammofon Leverantörernas Förening. Källa:GLF/Nielsen SoundScan Int. Consultado em 28 de Dezembro de 2010 
  143. http://hitparade.ch/weekchart.asp?cat=s