J. J. Abrams

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
J. J. Abrams
J. J. Abrams
Nome completo Jeffrey Jacob Abrams
Nascimento 27 de junho de 1966 (48 anos)
Nova Iorque, Nova Iorque,
 Estados Unidos
Ocupação Produtor de cinema
Produtor de televisão
Diretor
Roteirista
Compositor
Cônjuge Katie McGrath
Emmy Awards
Melhor Série Dramática
2005 - Lost
Melhor Direção em Série Dramática
2005 - Lost
Prêmios Globo de Ouro
Melhor Série de Televisão - Drama
2006 - Lost
IMDb: (inglês)

Jeffrey Jacob Abrams (Nova Iorque, 27 de junho de 1966) é um escritor, diretor e produtor de cinema e televisão dos Estados Unidos. Ele escreveu e produziu vários filmes antes de co-criar a série de televisão Felicity. Ele também criou as série Alias, Lost, Fringe, Undercovers e Alcatraz e dirigiu os filmes Mission: Impossible III, Star Trek, Super 8 e Star Trek Into Darkness.

Carreira[editar | editar código-fonte]

O primeiro trabalho de Abrams na indústria do cinema foi aos seus 16 anos, quando ele escreveu músicas para o filme Nightbeast. Durante seu último ano ele se juntou a Jill Mazursky para escrever um tratamento. Comprado pela Touchstone Pictures, o tratamento se tornou a abse do filme Taking Care of Business, estrelado por James Belushi. Em seguida ele veio com os filmes Regarding Henry, com Harrison Ford, e Forever Young, com Mel Gibson.

Abrams colaborou com o produtor Jerry Bruckheimer e o diretor Michael Bay em 1998 no filme Armageddon. No mesmo ano ele se aventurou na telelvisão e criou a série Felicity, servindo como co-cirador (junto com Matt Reeves) e produtor executivo. Com sua companhia de produção, a Bad Robot Productions, ele criou e serviu como produtor executivo da série Alias e também é o co-criador (junto com Damon Lindelof) e produtor executivo da série Lost. Abrams escreveu e dirigiu o espisódio piloto de Lost, um trabalho que o fez vencer o Emmy Award de Melhor Direção em Série Dramática. Ele continuou a ser o produtor da série até o final de sua primeira temporada. Ele mais tarde escreveu o primeiro episódio da terceira temporada, "A Tale of Two Cities". Ele também foi o produtor executivo das séries What about Brian e Six Degrees. Em 2006 ele co-criou (junto com Roberto Orci e Alex Kurtzman) a série Fringe.

Abrams com escreveu e produziu o filme Joy Ride em 2001, e também escreveu um roteiro não produzido para um quinto filme de Superman em 2002. Ele fez sua estréia como diretor de cinema em 2006, com o filme Mission: Impossible III. Em 2009 Abrams dirigiu o reinício da franquia Star Trek, com o altamente aclamado filme Star Trek.

Abrams compôs os temas de abertura para as séries Alias, Lost e Fringe, e co-escreveu as duas músicas temas de Felicity. Ele assinou contratos com a Warner Bros. para produzir mais séries de televisão e com a Paramount Pictures para produzir mais filme em valores de por volta US$ 50 milhões.

Em 2010 Abrams criou a série Undercovers, entretanto ela foi cancelada pela NBC antes do final de sua primeira temporada. Abrams escreveu e dirigiu o filme Super 8, co-produzindo-o com Steven Spielberg; lançado em junho de 2011.

Recentemente, Abrams indicado pessoalmente por Steven Spielberg e consequentemente escolhido para dirigir Star Wars - Episodio VII, o primeiro filme da nova fase da franquia recém adquirida pela Disney.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

  • Felicity (1998–2002) (co-criador, roteirista, produtor executivo, diretor)
  • Alias (2001–2006) (criador, roteirista, produtor executivo, diretor)
  • Lost (2004–2010) (co-criador, roteirista, produtor executivo, diretor)
  • The Office (2005–atual) (diretor convidado)
  • What about Brian (2006–2007) (produtor executivo)
  • Six Degrees (2006–2007) (produtor executivo)
  • Fringe (2008–2013) (co-criador, roteirista, produtor executivo)
  • Anatomy of Hope (2009) (diretor, produtor executivo)
  • Undercovers (2010–2011) (co-criador, produtor executivo, roteirista e diretor)
  • Alcatraz (2011–2012) (produtor executivo)
  • Person of Interest (2011–atual) (diretor, produtor executivo)
  • Revolution (2012–2014)[2] (co-criador)
  • Almost Human (2013–2014) (produtor executivo)
  • Believe (2014) (produtor executivo)

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • 2005 Emmy Award - Série de drama (Lost)
  • 2005 Emmy Award - Melhor Diretor de séries de drama (Lost)
  • 2006 Golden Globe Award - Melhor série de televisão - Drama (Lost)
  • 2007 Golden Globe Award Nominação, Melhor série de televisão — Drama (Lost)

Referências

  1. Confirmado: J.J. Abrams vai dirigir 'Star Wars VII' (em português) O Globo (26 de janeiro de 2013). Visitado em 26 de janeiro de 2013.
  2. Nova série de J. J. Abrams pode ser o novo Lost? Assista ao primeiro trailer (em português) Revista Época (14 de maio de 2012). Visitado em 26 de janeiro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre J. J. Abrams