Krasnoyarsk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Localização da cidade na Federação Russa

Krasnoyarsk ou Krasnojarsk (em russo: Красноя́рск) é a capital e a maior cidade do território russo do mesmo nome, localizado no oeste da Sibéria. Tem cerca de 919 mil habitantes (688.000 em 1972, 412.000 em 1959 e 190.000 em 1939). Foi fundada em 1628.

É atravessada pelo Rio Ienissei.

História[editar | editar código-fonte]

Escudo da cidade
Catedral de Krasnoyarsk
Krasnoyarsk: Prospekt Mira

A cidade foi fundada pelo governador ou voevoda Andrei Dubenski em 1628 na confluência dos rios Kacha e Ienissei como bastião para defesa com o nome de Krasny (Красный em cirílico, que significa vermelho), tomando posteriormente o nome de Krasny Yar (Красный Яр, que significa encosta vermelha). A categoria de cidade foi-lhe dada em 1690. Em 1822 passou a ser a capital da Província do Ienissei.

O crescimento da cidade é devido a estar situada numa das principais rotas postais que ligava as cidades próximas de Achinsk e Kansk com o resto da Rússia, mas foi definitivamente acelerado com a chegada da ferrovia Transiberiana em 1895 e com a descoberta de ouro nas proximidades.

Durante o século XIX, Krasnoyarsk foi o centro do movimento cossaco siberiano. No final do século, tinham-se instalado na cidade indústrias mecânicas e ferroviárias. A cidade também se convertera em lugar de exílio para dissidentes da Rússia imperial.

Após a Revolução russa de 1917, durante os planos quinquenais, foram construidas grandes infraestruturas. Entre elas, o porto fluvial e os molhes, a indústria do papel e a hidroelétrica (a segunda maior da Rússia e a quinta do mundo).

Em 1934 foi constituido o Krai de Krasnoyarsk tendo esta cidade por capital.

Durante a época estalinista, estabeleceram-se vários gulags próximos de Krasnoyarsk. Na própria cidade criou-se o campo de trabalhos forçados de Yeniseylag ou Yeniseiski ITL entre 1940 e 1941.

Durante a Segunda Guerra Mundial, grande número de indústrias foram movidas para Krasnoyarsk a partir da Rússia europeia devido ao avanço dos alemães, o que estimulou o desenvolvimento econômico da cidade. Após a guerra o desenvolvimento continuou com a criação das fábricas metalúrgica e de alumínio.

Com a dissolução da União Soviética, boa parte das infraestruturas foram privatizadas de forma um tanto duvidosa, o que trouxe uma séria crise econômica e social. Depois destes anos de decadência, a cidade voltou paulatinamente a recuperar a sua vitalidade com o restauro de edifícios públicos e a melhoria da infraestrutura urbana da cidade.

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Conta com vários centros universitários com faculdades técnicas, agrárias e de medicina, entre outras, assim como institutos de estudos científicos, económicos e jurídicos.

Em 1996 começaram as obras de construção do metropolitano, ainda por concluir.

Esporte[editar | editar código-fonte]

A cidade de Krasnoyarsk é a sede do Estádio Central e do FC Yenisey Krasnoyarsk, que participa do Campeonato Russo de Futebol. [1] .

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Universidades[editar | editar código-fonte]

Institutos científicos[editar | editar código-fonte]

Sobre a cidade[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Krasnoyarsk

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Rússia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.