Aline Barros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Aline Barros
Informação geral
Nome completo Aline Kistenmacker Barros dos Santos
Nascimento 7 de outubro de 1976 (43 anos)
Origem Rio de Janeiro, RJ
País Brasil
Gênero(s)
Cônjuge Gilmar Jorge dos Santos (2000-presente)
Filho(s) 2
Instrumento(s) vocal
piano
Extensão vocal mezzo-soprano
Período em atividade 1992 – atualmente
Outras ocupações cantora
pastora
escritora
compositora
bióloga
empresária
apresentadora
Gravadora(s) Grape Vine (1995)
AB Records (1998 - 2003)
MK Music (2004 - 2017)
Sony Music (2017 - atualmente)

Afiliação(ões) Kleber Lucas, Trazendo a Arca, Fernandinho, Anderson Freire, PG, Fernanda Brum,Jozyanne, Xuxa, Cristina Mel, Pr. Lucas,Whitney Houston,Kemuel, Lito Atalaia.
Página oficial Site Oficial

Aline Barros, MT[1]MmPE[2] (Rio de Janeiro, 7 de outubro de 1976[3]), cujo nome de batismo é Aline Kistenmacker Barros, é uma cantora, compositora, multi-instrumentista, escritora, empresária, bióloga, pastora brasileira e apresentadora. Considerada uma das maiores cantoras de música cristã do Brasil, Aline já vendeu mais de 7 milhões de discos pelo mundo,[4] sendo certificada pela ABPD com vários discos de ouro e platina.

Começou sua carreira em 1992 participando do EP A Turma do Dudão Chegou, Aline conseguiu a sua notoriedade mais tarde ao lançar a música "Consagração" (do álbum Tempo de Adoração, lançado em 1994 pela MK Publicitá) em conjunto a uma igreja evangélica do bairro de Vila da Penha, na qual fazia parte, sendo um sucesso de público e vendagem de discos, ficando em primeiro lugar por nove meses nas rádios evangélicas do Brasil, fazendo com que Aline participasse do extinto Xuxa Park da apresentadora e cantora Xuxa;[5] esse momento ficaria marcado na história da música cristã no Brasil, pois pela primeira vez um ministério de louvor se apresentaria ao vivo na Rede Globo.[6]

Já em 1995, Aline lançaria o álbum Sem Limites com a produção de Ricardo Feghali e Cleberson Horsth, que conquistaria o público cristão e não-cristão, alcançando também boas críticas e fazendo com que Aline fosse novamente ao programa da Xuxa, onde gravaram a música "Crer para Ver" para um especial de Natal com o mesmo nome.[5]

Aline já foi indicada a quatro premiações internacionais: sendo nove indicações de "Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa" e duas de língua espanhola, ganhando em sete delas no Grammy Latino;[7] sendo em 2006 também indicada ao Arpa, premio concedido pela Academia Nacional de Música e Artes Cristãs do México (ANMAC) com a categoria de "Melhor Álbum Infantil" com o Fiesta en el jardín lançado pela Integrity Music Latin,[8] perdendo para o álbum Heroe da dupla Leche y Miel Kids;[9] o Brazilian IP Awards, sendo vencedora na categoria de "Melhor Show Gospel Brasileiro na Categoria Arte, Cultura e Comunidade"[10] e o GMA Dove Awards sendo indicada no ano de 2008 na categoria de "Melhor Álbum em Língua Espanhola" com o disco Refrescante! concorrendo com o álbum Tengo Sed de Ti da cantora de música cristã Soraya Moraes[11] porém perdendo para o álbum Rescátame da banda Seventh Day Slumber.[12]

Já as premiações nacionais são o Troféu FM 105, de 1995, vencedora na categoria de "Melhor Cantora Revelação", o Troféu Imprensa do SBT nos anos 1995, 1998 e 2014, Aline foi indicada na categoria de "Melhor Música Evangélica" com Consagração, "Cantora Evangélica Revelação", "Melhor Música Evangélica" com Corra para os braços do pai e o de "Melhor Cantora";[13] Aline Barros ganhou no extinto Troféu Talento entre os anos de 1996 a 2009, dez de onze categorias; no Troféu Promessas da Rede Globo entre 2011 e 2013, Aline apenas ganhou em uma categoria sendo ela á de "Melhor Cantora" e no Prêmio da Música Digital a cantora foi indicada na "Categoria Venda" com a música "Sonda-me, Usa-me".[14]

Aline já possui em sua carreira diversas participações com cantores estrangeiros de música cristã, como Paul Wilbur, Don Moen, Ron Kenoly, Michael W. Smith, entre outros.[15] Aline Barros já compôs canções de sucesso com vários nomes da música gospel, como Luiz Arcanjo, Davi Sacer, Anderson Freire, Fernandinho, dentre outros.[16] Em fevereiro de 2013, a cantora foi citada pelo jornal norte-americano The New York Times, que mostrou seu grande reconhecimento pelo mundo e citando que "cantores protestantes também tem milhares de fãs, como Aline Barros, uma cantora ganhadora do Grammy, com quase um milhão de seguidores no Twitter".[17] No mesmo ano a revista Billboard divulgou o ranking dos artistas mais ativos em sites das redes sociais mais importantes do mundo, sendo também citada pela revista Forbes, como um dos 100 brasileiros mais influentes de 2013. No "Top50 Social Billboard", Aline Barros ocupou o trigésimo segundo lugar em popularidade, sendo a única brasileira a aparecer na pesquisa.[18]

Biografia e Carreira[editar | editar código-fonte]

Aline nasceu e cresceu em uma família humilde no bairro da Penha, no subúrbio carioca.[19] Aline é filha de Ronaldo Barros e Sandra Kistenmacker Barros, ambos pastores evangélicos. Aline tem um único irmão mais novo, chamado Rafael Kistenmacker Barros.[20]

Com apenas dois anos de idade, Aline já manifestava interesse pela música. Aos nove anos já acompanhava o pai no ministério de louvor de uma igreja evangélica do bairro da Vila da Penha. Logo a cantora passou a fazer parte da equipe de louvor, participando de algumas gravações, sendo que a primeira foi "Tua Palavra", quando tinha 14 anos, e a música ficou quarenta e cinco dias na parada de sucessos das rádios evangélicas da cidade.[carece de fontes?] Aos 16 anos, "Consagração" ficou nove meses nas paradas de sucesso. Aos 18, gravou seu álbum de estreia.[21]

Em 1995, Aline Barros lançou Sem Limites, seu álbum de estreia pela gravadora Grape Vine, produzido por Ricardo Feghali e Cleberson Horsth em formato LP. O disco trouxe composições de vários cantores conhecidos no segmento, como Marquinhos Gomes e trouxe algumas inovações para obras do segmento da época.[22] e no mesmo ano, fez uma participação no disco de Xuxa na faixa "Crer pra ver". Em janeiro de 1998, grava seu segundo CD, Voz do Coração (álbum de Aline Barros)[23] e, em dezembro de 1998, lança um EP chamado Canções de Natal. Em outubro de 1999, foi distribuído Bom é ser criança, o primeiro álbum dedicado ao público infantil de Aline. Em julho de 2000, chegou às lojas a coletânea Millennium, produzido pela Indie Records e distribuído pela Universal Music com canções da artista. E em dezembro de 2000, lançou a obra O Poder do Teu Amor, que vendeu mais de trezentas mil cópias e considerado pela crítica especializada como o melhor disco já gravado por Aline.[24][25] Em novembro de 2001, lança uma coletânea romântica, com título Eterno Amor. Em dezembro do mesmo ano, lança Mensagem de Paz, com a participação de Cid Moreira. Em maio de 2002 lançou Bom é ser criança vol. 2.

No ano de 2002, Aline Barros gravou seu primeiro álbum de vídeo, no evento Jesus Vida Verão, realizado todos os anos na Praia da Costa, em Vila Velha, no Espírito Santo para um público de cinquenta mil pessoas. Com quatorze faixas, foram selecionadas as melhores canções de todos os seus álbuns anteriores.[16]

Em 2003, logo após o nascimento do seu filho, a cantora teve problemas em suas pregas vocais. Entretanto conseguiu gravar Fruto de Amor, que foi vencedor do Grammy Latino daquele ano na categoria Melhor Álbum de Música Cristã. Além disso, vendeu mais de trezentas mil cópias e foi o último álbum da cantora na AB Records. Nele há uma participação de PG, na época vocalista do Oficina G3 na canção "Cantarei desse Amor".[26]

Em 4 de março de 2004, Aline Barros fechou um contrato com a gravadora MK Music e lançou seu primeiro disco de carreira ao vivo, Som de Adoradores. A obra, produzida por Rogério Vieira e Kleber Lucas trouxe composições de Alda Célia, Emerson Pinheiro, Eyshila, entre outros. Foi o álbum mais bem vendido da cantora, recebendo a certificação de disco de diamante da ABPD em 2007 e uma indicação ao Grammy Latino.[27][28] Em 5 de abril de 2005, Aline realizou a gravação do disco em DVD na Via Show, que também é disco de diamante.[29] Entre 2005 e 2008 lançou vários discos, incluindo Caminho de Milagres, vencedor do Grammy Latino em seu ano.[30]

No dia 7 de junho de 2008, com um público de dez mil pessoas no Maracanãzinho gravou o DVD com as canções de Caminho de Milagres, dirigido por Marina de Oliveira. O disco foi indicado ao Troféu Talento 2009,[31] mas curiosamente perdeu para Ao Vivo no Maracanãzinho do Trazendo a Arca, gravado no mesmo local semanas anteriores no mês de maio.[32] No ano seguinte, Aline Barros lançou o DVD Aline Barros na Estrada, que trouxe os bastidores de sua turnê Caminho de Milagres e um pouco dos seus vinte anos de carreira.[33]

Após um longo tempo gravando seus álbuns de carreira ao vivo, em janeiro de 2011 foi lançado Extraordinário Amor de Deus, gravado em estúdio. A obra vendeu cinquenta mil cópias em um dia.[34] Hoje, esse número é superior à trezentas mil cópias, fazendo que fosse o segundo disco de Aline a ser certificado com um disco de diamante pela ABPD. O álbum trouxe várias composições de Jamba, Davi Fernandes e principalmente de Anderson Freire, incluindo "Ressuscita-me", escolhida como a música de trabalho do disco, indicada a Melhor música no Troféu Promessas em 2011.[34] Ainda, no mesmo ano Aline lançou o disco Aline Barros & Cia vol. 3 e obteve mais uma vitória no Grammy Latino. Apesar do grande favoritismo no Troféu Promessas, Aline perdeu nas categorias Melhor música para "Sou Humano" de Bruna Karla e Melhor CD para Diamante de Damares, vencendo unicamente na categoria Melhor cantora.[35][36]

Em 17 de janeiro de 2012, com a produção da AB Records e a distribuição da Sony Music foi gravado em Paulínia o DVD Aline Barros 20 Anos. Dirigido por Bruno Murtinho, a gravação trouxe participações especiais de Michael W. Smith, Abraham Laboriel e Tom Brooks. Pessoas de toda as regiões do Brasil compareceram ao evento, que reuniu cerca de duas mil pessoas.[37]

Em novembro de 2013, a cantora lançou Graça, com a produção musical de Ruben di Souza e canções escritas por Anderson Freire, Pr. Lucas & Josué Godói, Gislaine & Mylena, do cantor Fernandinho e quatro versões de canções internacionais, além de músicas de Aline em parceria com Fernandinho e Anderson Freire. O álbum recebeu críticas mistas,[16] mas rendeu a Aline seu 6º Grammy Latino. Algumas críticas apontam que a música "O Fogo Não Descansa (Fire Never Sleeps)" é a múnica mais desnecessária do disco, por causa da ousadia na interpretação de Aline, considerando-a então, a pior faixa do CD.

No início de 2014, Aline preparava dois novos CDs, um em espanhol e outro em inglês, sendo gravado nos Estados Unidos, os álbuns contém a produção musical do produtor Tom Brooks.[carece de fontes?]. Mais tarde, a artista lançou o disco infantil Tim-Tim Por Tim-Tim.[38]

Em fevereiro de 2015, a cantora lançou com a AB Records em parceria com a Sony Music Brasil o disco Vivo Estás, quinto trabalho solo totalmente em espanhol. No dia 13 de junho de 2015, gravou o DVD Extraordinária Graça no HSBC Arena para um público estimado em 10 mil pessoas de vários estados brasileiros.[39]

Em 23 de Janeiro de 2017 lança o álbum entitulado Acenda a Sua Luz sendo o último pela gravadora MK Music. Em Julho do mesmo ano a cantora anúnciou sua saída da gravadora, na qual passou 13 anos sendo parte do cast de artistas, assim passando a ser contratada exclusiva pela Sony Music.

No mesmo mês de contrato pela Sony Music a cantora lança o single "Creio em Ti" pela gravadora, a musica é tema do filme "Em defesa de Cristo" em pouco menos de um mês o clipe da musica alcança a marca de 1 milhão de visualizações no canal da cantora no Youtube.

Escritora[editar | editar código-fonte]

Em 2001, Aline publicou seu primeiro livro, intitulado Reflexões de Paz.[40] Em 2004, Aline e seu marido, o ex-jogador de futebol Gilmar Santos lançaram o livro para casais Muito Mais que um Sonho[41] e depois de cinco anos, em 2009, Aline lançou mais outro livro para casais intitulado O Poder da Esposa que Ora (sendo um audiolivro), da autora Stormie Omartian.[42]

No mesmo ano, Aline lançou o disco instrumental para crianças recém-nascidas Aline Barros para Bebês, depois, em 2010 ela lançou o livro Fé e Paixão.

Em 2015, Aline anuncia seu novo livro intitulado de Graça Extraordinária.[carece de fontes?]

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Em 1996, Aline se formou como Bióloga Marinha pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, mas não exerceu a profissão, sempre dando prioridade a careira na música, sua maior paixão. [43]

É casada desde 2000 com o ex-jogador de futebol, e agora pastor, Gilmar dos Santos, com quem tem dois filhos: Nícolas Barros dos Santos, nascido em 4 de janeiro de 2003, e Maria Catherine Barros dos Santos, nascida em 12 de outubro de 2011. Seus dois filhos nasceram de parto cesariana, no Rio de Janeiro. A família congrega na Comunidade Evangélica Internacional Zona Sul, localizada no bairro do Flamengo. Aline e sua família residem em uma mansão na Barra da Tijuca. [44]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Discografia de Aline Barros

Livros[editar | editar código-fonte]

  • 2001 – Reflexões de Paz
  • 2004 – Muito Mais que um Sonho
  • 2009 – O Poder da Esposa que Ora
  • 2009 – Álbum do bebê
  • 2010 – Fé e Paixão
  • 2011 – Bíblia: Minhas História Favoritas
  • 2015 – Graça Extraordinária

Premiações e Indicações[editar | editar código-fonte]

DMX Awards
Ano Categoria Resultado
2015 Top Engajamento Digital Venceu
Dove Awards
Ano Categoria Indicado Resultado[45]
2008 Melhor álbum em Língua Espanhola Refréscate Venceu
2009 Personalidade do Ano Aline Barros Homenageada
Grammy Latino[46]
Ano Categoria Indicado Resultado
2004 Melhor Álbum de Música Cristã de Língua Portuguesa Fruto de Amor Venceu
2005 Som de Adoradores Indicada
Melhor Álbum de Música Cristã de Língua Espanhola Aline Indicada
2006 Melhor Álbum de Música Cristã de Língua Portuguesa Aline Barros & Cia Venceu
2007 Caminho de Milagres Venceu
2008 Aline Barros & Cia 2 Indicada
Melhor Álbum de Música Cristã de Língua Espanhola Refréscate Indicada
2011 Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa Extraordinário Amor de Deus Venceu
2012 Aline Barros & Cia 3 Venceu
2014 Graça Venceu
2017 Acenda a Sua Luz Venceu
Prêmio Arpa
Ano Categoria Indicado Resultado[47][48]
2005 Melhor Álbum Infantil Fiesta en el Jardin Indicada
Troféu FM 105 da Música Evangélica
Ano Categoria Indicado Resultado
1995 Melhor Cantora Revelação Ela mesma Venceu
Troféu Talento
Ano Categoria Indicado Resultado
1996 Revelação Feminina Aline Barros Indicada
1998 Cantora do Ano Venceu
2002 CD Infantil Bom é Ser Criança Vol. 2 Venceu
2004 Melhor CD Pop Fruto de Amor Venceu
2005 Cantora Destaque do Ano de 2004 Aline Barros Venceu
2006 CD Infantil Aline Barros & Cia Venceu
Álbum coletânea 10 anos de Louvor e Adoração Venceu
2007 Cantora Destaque do Ano de 2006 Aline Barros Venceu
2008 Álbum Ao Vivo Caminho de Milagres Venceu
2008 Cantora do Ano Aline Barros Venceu
2009 Intérprete do ano Venceu
Troféu Promessas
Ano Categoria Indicado Resultado[49][50]
2011 Melhor Música Ressucita-me Indicado
Melhor DVD Aline Barros na Estrada Indicado
Melhor Clipe Ressucita-me Indicado
Melhor CD Extraordinário Amor de Deus Indicado
Melhor Cantora Aline Barros Venceu
2012 Melhor DVD/Bluray DVD Aline Barros & Cia 3 Indicado
Melhor Cantora Aline Barros Indicado
Troféu Imprensa
Ano Categoria Indicado Resultado
1995 Melhor Música Evangélica Consagração Venceu
1995 Cantora Evangélica Revelação Aline Barros Indicado
1998 Melhor Música Evangélica Corra para os Braços do Pai Indicado
2014 Melhor Cantora Aline Barros Indicado
Prêmio de Música Digital
Ano Categoria Indicado Resultado
2010 Categoria Venda Sonda-me, Usa-me Indicada

Turnês[editar | editar código-fonte]

  • 2004 a 2006 – Som de Adoradores Tour
  • 2007 a 2010 – Caminho de Milagres Tour
  • 2009 – Norte / Nordeste
  • 2011 a 2012 – Extraordinário Amor de Deus Tour
  • 2013 - USA Tour
  • 2013 a 2014 - Tour 20 Anos
  • 2014 - Graça Tour
  • 2015 - Tour Aline & Cia (Infantil)

Referências

  1. JOSE NADER (2007). «Projeto de Resolução Nº 475/2007». Alerj.com.br. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  2. «Conferir a Medalha de Mérito Pedro Ernesto a Sra. ALINE BARROS.». Camara Rj. Consultado em 22 de janeiro de 2015 
  3. Instituto Cultural Cravo Albin. «Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira - Aline Barros». Consultado em 4 de outubro de 2014 
  4. Rodrigues, Leonardo. «Na era do gospel, Aline Barros diz: Entenderam que não devem nos ignorar». UOL. Consultado em 5 de julho de 2015 
  5. a b «Xuxa Park completa 20 anos: Relembre os momentos que marcaram o programa». Revista Caras. Abril de 2014. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  6. Diego Rodrigo (12 de setembro de 2013). «O legado musical da Comunidade Evangélica do Rio de Janeiro». Ubeb.com.br. Consultado em 19 de julho de 2016 
  7. «Aline Barros ganha o Grammy Latino 2014». Gospel Prime. Consultado em 20 de novembro de 2014 
  8. «Aline Barros concorre a prêmio da Academia de Música do México». Super Gospel. 9 de agosto de 2006. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  9. «Nominados 2006». Prêmio Arpa. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  10. Levitas (abr 5th, 2009). «Aline Barros ganha prêmio internacional Press Award». Portal Padom. Consultado em 6 de janeiro de 2015. Arquivado do original em 15 de outubro de 2014  Verifique data em: |data= (ajuda)
  11. «Soraya Moraes e Aline Barros são indicadas ao Dove Awards o prêmio máximo da música gospel mundial». Gospel Mais.com. 20 de fevereiro de 2009. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  12. «GMA Dove Awards 2009 – Lista dos Vencedores/Ganhadores». Adoração sem Limites. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  13. «Troféu Imprensa». SBT. Consultado em 6 de janeiro de 2015. Arquivado do original em 30 de dezembro de 2014 
  14. Jenilson Cardozo (25/10, 2010). «Aline Barros concorre ao Prêmio da Música Digital». ICDV.com.br. Consultado em 6 de janeiro de 2014  Verifique data em: |data= (ajuda)
  15. «Reconhecimento no Exterior». Aline Barros. Consultado em 22 de abril de 2012 
  16. a b c «Aline Barros - discografia e obra». O Propagador. Consultado em 2 de julho de 2015. Arquivado do original em 3 de julho de 2015 
  17. Leiliane Roberta Lopes (25 de fevereiro de 2013). «Aline Barros é destaque no The New York Times». Gospel Prime. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  18. Gustavo Morais (25 de outubro de 2013). «Aline Barros desbanca pop stars em ranking da Billboard». Cifra Club News. Consultado em 6 de janeiro de 2015 
  19. «Cantora gospel Aline Barros terá música na trilha de novela "Duas Caras"». Gospel Mais. 2 de outubro de 2007. Consultado em 4 de outubro de 2014 
  20. «Biografia Aline Barros». PurePeople. Consultado em 4 de outubro de 2014 
  21. «Como Tudo começou». AlineBarros.com.br. Consultado em 22 de abril de 2012 
  22. Jhonata Cardoso (1 de fevereiro de 2012). «CD Sem Limites (Aline Barros) - Análise». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  23. Aline Barros - CD Voz do Coração CDs Gospel Prime. Página visitada em 13 de outubro de 2011
  24. Jhonata Cardoso. «CD O Poder do Teu Amor (Aline Barros) - Análise». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  25. O Poder do teu Amor - Aline Barros CDS Gospel Prime. Página visitada em 13 de outubro de 2011
  26. Jhonata Cardoso. «CD Fruto de Amor (Aline Barros) - Análise». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  27. Roberto Júnior. «CD Som de Adoradores (Aline Barros) - Análise». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  28. Som de Adoradores- Aline Barros Gospel Prime. Página visitada em 13 de outubro de 2011
  29. Roberto Azevedo. «DVD Som de Adoradores (Aline Barros) - Análise». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  30. «Mais indicações». Aline Barros. Consultado em 22 de abril de 2012 
  31. «Aline Barros lança seu terceiro DVD, agora gravado no Maracanãzinho». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  32. «DVD Trazendo a Arca ao Vivo no Maracanãzinho, reconhecimento do público e da crítica». Guia-me. Consultado em 22 de abril de 2012 
  33. «Aline Barros lança dvd que registra seus 20 anos de carreira». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  34. a b Rafael Ramos. «CD Extraordinário Amor de Deus (Aline Barros) - Análise». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  35. Rafael Ramos. «Confira as categorias e os indicados ao Troféu Promessas». Super Gospel. Consultado em 22 de abril de 2012 
  36. «Troféu Promessas premia destaques da música gospel nacional». G1. Consultado em 22 de abril de 2012 
  37. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome 20anos
  38. «Casa Gospel elege 10 "não felizes" CDs nacionais cristãos de 2014». Casa Gospel. Consultado em 2 de julho de 2015. Arquivado do original em 23 de setembro de 2015 
  39. «Fique Sabendo: PG, Diante do Trono, Aline Barros, Rayssa e Ravel e muito mais». O Propagador. Consultado em 2 de julho de 2015. Arquivado do original em 2 de julho de 2015 
  40. Reflexões de Paz - Aline Barros (Categoria: Livros)[ligação inativa] Submarino.com. Página visitada em 26 de novembro de 2012
  41. Conheça o livro "Muito mais que Um Sonho" do casal Gilmar Santos e Aline Barros Gospel+. Página visitada em 26 de novembro de 2012
  42. «Aline Barros - O Poder da Esposa que Ora». Site Oficial. Consultado em 17 de fevereiro de 2014 
  43. EVIRT https://web.archive.org/web/20141006130427/http://www.evirt.com.br/entrevista/aline.htm. Consultado em 4 de outubro de 2014. Arquivado do original em 6 de outubro de 2014  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  44. «Nasce filha da cantora Aline Barros». Ego. 12 de outubro de 2011. Consultado em 9 de julho de 2015 
  45. Padom. Aline Barros ganha o prêmio internacional "Press Awards" Arquivado em 15 de outubro de 2014, no Wayback Machine. Página visitada em 8 de janeiro de 2013
  46. https://www.latingrammy.com/pt/nominees/search?artist=Aline+Barros&field_nominee_work_value=&year=All&genre=All
  47. Backstage. Matérias Boas Novas[ligação inativa] Página vistada em 15 de dezembro de 2012
  48. Aline Barros. Aline Barros - Mias Indicações Página vistada em 15 de dezembro de 2012
  49. Troféu Promessas divulga lista dos indicados ao prêmio. Confira e Vote[ligação inativa] Diário Gospel. Página visitada em 13 de outubro de 2011
  50. G1. «Troféu Promessas Premia destaques da música gospel nacional». 30 de novembro de 2011. Consultado em 30 de novembro de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Categoria no Commons