Andreas Köpke

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Andreas Köpke
Andreas Köpke
Köpke em 2006
Informações pessoais
Nome completo Andreas Köpke
Data de nasc. 12 de março de 1962 (55 anos)
Local de nasc. Kiel,  Alemanha Ocidental
Altura 1,82 m
Informações profissionais
Equipa atual Bandeira da Alemanha Alemanha
Posição Treinador de goleiros (Ex-goleiro)
Clubes de juventude
1967–1979 Alemanha Holstein Kiel
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1979–1983
1983–1984
1984–1986
1986–1994
1994–1996
1996–1998
1998–2001
Alemanha Holstein Kiel
Alemanha Charlottenburg
Alemanha Hertha Berlim
Alemanha 1. FC Nürnberg
Alemanha Eintracht Frankfurt
França Olympique de Marseille
Alemanha 1. FC Nürnberg
6 (0)
38 (0)
71 (0)
264 (2)
66 (0)
64 (0)
74 (0)
Seleção nacional
1987–1988
1990–1998
Bandeira da Alemanha Ocidental Alemanha Ocidental Olímpica
Bandeira da Alemanha Alemanha
8 (0)
59 (0)
Times/Equipas que treinou
2004– Bandeira da Alemanha Alemanha (Treinador de goleiros)

Andreas Köpke (Kiel, 12 de março de 1962) é um ex-futebolista alemão que jogava como goleiro.

Disputou as Copas de 1990, 1994 e 1998, sendo titular nesta última, além das Eurocopas de 1992 e 1996, também como titular. Atualmente é treinador de goleiros na Seleção Alemã.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em 22 anos como profissional, Köpke, que iniciou a carreira em 1979 no Holstein Kiel, time de sua cidade natal, jogou também no Charlottenburg e no Hertha Berlim, porém teve destaque pelo 1. FC Nürnberg, onde teve 2 passagens. Na primeira, que durou entre 1986 e 1994, o goleiro atuou em 235 e marcou 2 gols. Em 1993, ganhou o prêmio de Jogador Alemão do Ano.

Seu desempenho chamou a atenção do Eintracht Frankfurt, que o contratou em 1994. Dois anos depois, foi escolhido o melhor goleiro da temporada europeia. Atuou ainda pelo Olympique de Marseille durante 3 temporadas, voltando ao Nürnberg em 1999. Encerrou a carreira aos 39 anos, conquistando a Segunda Divisão em 2000-01.

Seleção Alemã[editar | editar código-fonte]

Tendo jogado pela equipe olímpica da Alemanha Ocidental entre 1987 e 1988, Köpke estreou na seleção principal em 1990, contra a Dinamarca. No entanto, ele amargou o banco de reservas na campanha do título alemão, uma vez que Bodo Illgner foi o titular.

Em 1992, integrou o elenco vice-campeão da Eurocopa de 1992 (também como reserva) e participou também da Copa de 1994, porém o técnico Berti Vogts bancou Illgner novamente como titular do gol germânico. Só herdou a camisa 1 da Seleção após a Copa, depois que Illgner optou em abandonar precocemente a carreira internacional.

Com o status de novo titular da Nationalelf, Köpke conquistou o título da Eurocopa de 1996, o primeiro desde a reunificação alemã. Na Copa de 1998, a Alemanha avançou até as quartas-de-final, porém, com um elenco envelhecido, não foi páreo para a Croácia, que venceu por 3 a 0. Este foi o último jogo do goleiro pela Seleção Alemã, pela qual atuou 59 vezes.

Voltou à Seleção em 2004, agora como treinador de goleiros, função que exerce até hoje.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Seu filho, Pascal, também seguiu a carreira de jogador, porém não como goleiro: joga pelo Erzgebirge Aue como atacante.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Perfil na Soccerway.com». Consultado em 14 de fevereiro de 2016 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Andreas Köpke

Ligações externas[editar | editar código-fonte]