Carcarodontossauro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Carcharodontossauro)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde junho de 2014). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Como ler uma infocaixa de taxonomiaCarcarodontossauro
Ocorrência: Cretáceo InferiorCretáceo Superior
112–93.5 Ma
Ultimate Dinosaurs Carcharodontosaurus.jpg

Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Clado: Dinosauria
Ordem: Saurischia
Subordem: Theropoda
Família: Carcharodontosauridae
Subfamília: Carcharodontosaurinae
Stromer, 1931
Género: Carcharodontosaurus
Stromer, 1931
Espécie-tipo
Carcharodontosaurus saharicus
Depéret & Savornin, 1925
Outras espécies
  • C. saharicus
    (Depéret & Savornin, 1925)
  • C. iguidensis
    Brusatte & Sereno, 2007
Sinónimos
  • Megalosaurus saharicus
    Depéret & Savornin, 1925
  • Megalosaurus africanus
    von Huene, 1956
Representação artística de um carcarodontossauro.

O carcarodontossauro (Carcharodontosaurus saharicus, do latim "lagarto com dente de tubarão") foi uma espécie de dinossauro carnívoro e bípede que viveu durante o período Cretáceo. A espécie C. saharicus possuía um crânio de 1,6 m[1] e media em torno de 14 metros de comprimento, 5 metros de altura e pesava cerca de 7 toneladas,[2] enquanto o C. iguidens media aproximadamente 10 m de comprimento.[3] O seu nome foi inspirado no nome científico de outro grande predador, o tubarão-branco (Carcharodon carcharias).

O carcarodontossauro viveu na África, em locais onde hoje estão a Argélia (local da descoberta dos primeiros fósseis, em 1927), o Egito e a Tunísia, por exemplo. Existem sinais da presença de carcarodontossauros também na América do Sul,[4] corroborando a teoria que os atuais continentes África e América do Sul tenham sido um único espaço em parte da era Mesozóica, o Gondwana, e que começaram sua separação há cerca de 135 milhões de anos. Esse dinossauro é provavelmente um dos maiores terópodes que já existiu.

Como o nome já diz, o carcarodontossauro possuía dentes diferentes dos encontrados em carnívoros de seu tamanho: seus dentes eram serrilhados e não eram curvados para dentro, donde conclui-se que eram feitos para serrar e cortar, não para perfurar. Esse dinossauro conseguia morder com extrema força, superando em três vezes qualquer crocodilo atual.

Era relativamente veloz para seu tamanho: podia superar os 49 km/h e alcançar presas facilmente. Caçava em emboscadas, esperando que a presa aparecesse; tentava abatê-la com uma poderosa mordida. Caso fosse preciso, poderia persegui-la por longas distâncias.

O carcarodontossauro tinha inteligência um tanto limitada: seu cérebro assemelhava-se ao do giganotossauro, outro dinossauro carnívoro muito parecido.

Embora seu comportamento social ainda não tenha sido devidamente estudado, estima-se que esse carnívoro fosse solitário, caçando presas sempre menores do que ele. Contudo, provavelmente casais dessa espécie se juntassem para cuidar das crias.

Popularização na mídia[editar | editar código-fonte]

O dinossauro Carcarodontossauro aparece na obra de ficção-científica brasileira "Realidade Oculta".

A espécie também aparece nos jogos Jurassic Park Operation Genesis e ParaWorld.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Sereno, P. C.; Dutheil, D. B.; Iarochene, M.; Larsson, H. C. E.; Lyon, G. H.; Magwene, P. M.; Sidor, C. A.; Varricchio, D. J.; Wilson, J. A. (1996). "Predatory Dinosaurs from the Sahara and Late Cretaceous Faunal Differentiation". Science272 (5264): 986–991. PMID 8662584. doi:10.1126/science.272.5264.986.
  2. http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u14221.shtml
  3. Paul, G.S., 2010, The Princeton Field Guide to Dinosaurs, Princeton University Press.
  4. http://www.achetudoeregiao.com.br/dinossauros/evolucao_dinos.htm