Caritas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Cáritas Internacional
Vanadium crystal bar and 1cm3 cube.jpg
História
Fundação
Quadro profissional
Tipo
Sede social
País
Organização
Fundador
Distinções
Badge "Merit for the Protection of Human Rights
Prêmio Creu de Sant Jordi ()Visualizar e editar dados no Wikidata
Website

A Caritas Internacional (Caritas Internationalis) é uma confederação de 165[1] organizações humanitárias da Igreja Católica que atua em mais de duzentos países.

Coletiva e individualmente a sua missão é trabalhar para construir um mundo melhor, especialmente para os pobres e oprimidos. [2]

História[editar | editar código-fonte]

Fundador da Caritas Alemanha

A primeira organização da Caritas foi estabelecida em Friburgo, Alemanha, em 1897.[3] Outras organizações nacionais da Caritas foram formadas ao fim de pouco tempo na Suíça (1901) e nos Estados Unidos (Catholic Charities, 1910). Em julho de 1924, durante o Congresso Eucarístico Mundial em Amsterdão, 60 delegados de 22 países formaram uma conferência, com sede na Caritas Suíça em Lucerna. Em 1928, a conferência passou a ser conhecida como a Caritas Catholica. Os delegados encontravam-se de dois em dois anos até ao início da Segunda Guerra Mundial, altura em que todas as actividades foram suspensas.

O trabalho foi retomado em 1947, com a aprovação do Secretariado de Estado, e reuniram-se duas conferências em Lucerna para coordenar a ajuda e a colaboração. Foi dado um apoio suplementar à Caritas quando o Secretariado de Estado lhe confiou a representação oficial de todas as organizações de apoio social a nível internacional, especialmente junto das Nações Unidas.

O ano santo de 1950 viu o início de uma União de organizações da Caritas. Seguindo uma sugestão do Monsenhor Montini, então Secretário de Estado substituto, e posteriormente, do Papa Paulo VI, realizou-se em Roma uma semana de estudo, com participantes de 22 países, para examinar os problemas do trabalho cristão da Caritas. Tomou-se nessa altura a decisão de criar uma conferência internacional de organizações católicas de caridade.

Em dezembro de 1951, após a aprovação dos estatutos pela Santa Sé, teve lugar a primeira Assembleia Geral constitutiva da Caritas Internacional. Os membros fundadores vieram de organizações da Caritas de 13 países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Canadá, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Itália, Luxemburgo, Portugal e Suíça. A Igreja descreve a Caritas como sua voz oficial "com relação a seus ensinamentos na área de ação social".[4][5]

Em 1954 a Confederação mudou o nome para Caritas Internationalis para refletir a presença internacional crescente dos membros da Caritas em todos os continentes.[4] Hoje, a confederação é uma das maiores organizações humanitárias do mundo.

Em 2015, a Confederação tinha 164 membros, trabalhando em mais de 200 países e territórios. Seu Secretariado Geral está localizado no Palazzo San Callisto, na Cidade do Vaticano. Seu atual presidente é Luis Antonio Cardeal Tagle, Arcebispo de Manila, e o Secretário Geral é Michel Roy.[6]

Em conjunto, regem-se pela doutrina social da Igreja e orientam a sua acção de acordo com os imperativos da solidariedade, dando resposta às situações mais graves de pobreza, exclusão social e situações de emergência em resultado de catástrofes naturais ou calamidade pública.

Agências da Caritas[editar | editar código-fonte]

A lista completa das organizações da Caritas inclui:

África subsaariana[editar | editar código-fonte]

45 agências nacionais.

Ásia[editar | editar código-fonte]

23 agências nacionais, incluindo:

Europa[editar | editar código-fonte]

48 agências nacionais, incluindo:

América Latina e Caribe[editar | editar código-fonte]

Na América Latina e no Caribe, está estabelecida a Cáritas Latinoamérica y Caribe. Nessa região há 32 agências nacionais, dentre as quais se incluem:

Médio Oriente e Norte de África[editar | editar código-fonte]

17 agências nacionais

América do Norte[editar | editar código-fonte]

4 agências nacionais, incluindo:

Oceania[editar | editar código-fonte]

6 agências nacionais, incluindo:

Referências

  1. "Caritas means charity – In Samoan it means Alofa" Arquivado em 2015-09-24 no Wayback Machine., Samoa Observer, 13 de julho de 2013.
  2. Caritas Internationalis Arquivado em 9 de maio de 2007 no Wayback Machine.
  3. «The History of Caritas in Germany». Caritas Deutschland. Cópia arquivada em 20 de outubro de 2012 
  4. a b «History - Caritas Internationalis». Caritas Internationalis 
  5. A Cáritas é "uma instância oficial da Igreja para a promoção da sua acção social" (Conferência Episcopal Portuguesa, 1997 - Instrução Pastoral).
  6. «Caritas Internationalis elects Michel Roy as new Secretary General». Catholic World Report. 26 de maio de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.