Eleições estaduais no Amazonas em 1947

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
1945 Brasil 1950
Eleições estaduais no  Amazonas em 1947
19 de janeiro de 1947
(Turno único)
Replace this image male.png Ruy Araujo.tif
Candidato Leopoldo Neves Rui Araújo
Partido UDN PSD
Natural de Manaus, AM Recife, PE
Vice Não havia Não havia
Votos 14.578 9.025
Porcentagem 61,76% 38,24%


Brasão do Amazonas.svg
Governador do Amazonas

As eleições estaduais no Amazonas em 1947 ocorreram em 19 de janeiro como parte das eleições gerais no Distrito Federal, em 20 estados e nos territórios federais do Acre, Amapá, Rondônia e Roraima. Foram eleitos o governador Leopoldo Neves, o senador Severiano Nunes, dois deputados federais e trinta estaduais.[1][2][nota 1][nota 2]

Nascido em Manaus o governador Leopoldo Neves diplomou-se em Agronomia pela Universidade Federal do Amazonas[nota 3] em 1921 e trabalhou no Departamento de Correios e Telégrafos, Serviço de Demarcação de Terras e Tesouro Nacional. Prefeito de Parintins por duas vezes entre as décadas de 1920 e 1930, foi deputado estadual pelo Amazonas até a extinção de seu mandato no Estado Novo. Nos últimos dias da Era Vargas filiou-se ao PTB e foi eleito deputado federal em 1945.[3]

Para representar o estado no Senado Federal foi eleito Severiano Nunes.[4] Natural de Manaus, ele é advogado pela Universidade Federal do Amazonas e trabalhou como procurador fiscal e inspetor federal do ensino secundário na capital amazonense.[5] Promotor de justiça em Boa Vista e nas cidades amazonenses de Borba, Coari, Lábrea e Tefé, dirigiu a Instrução Pública, foi vice-presidente do Departamento Administrativo do Amazonas, Secretário do Interior e Justiça e Secretário-geral do estado no governo Álvaro Maia. Anteriormente apoiou a Revolução de 1930 e um ano depois assumiu a prefeitura de Itacoatiara. Em 1934 foi eleito deputado estadual até que o Estado Novo cassou-lhe o mandato. Filiado à UDN, obteve um mandato de deputado federal em 1945.[5]

Resultado da eleição para governador[editar | editar código-fonte]

Dados do Tribunal Superior Eleitoral apontam que houve 23.603 votos válidos (96,55%), 493 votos em branco (2,02%) e 350 votos nulos (1,43%) totalizando 24.446 eleitores.[1]

Candidatos a governador do estado
Candidatos a vice-governador Número Coligação Votação Percentual
Leopoldo Neves
UDN
Não havia
-
22
UDN, PTB, PCB
14.578
61,76%
Rui Araújo
PSD
Não havia
-
41
PSD (sem coligação)
9.025
38,24%
  Eleito

Resultado da eleição para senador[editar | editar código-fonte]

Com informações oriundas do Tribunal Superior Eleitoral.[1]

Candidatos a senador da República
Primeiro suplente de senador Número Coligação Votação Percentual
Severiano Nunes
UDN
Raimundo Chaves Ribeiro
UDN
222
UDN, PTB, PCB
12.573
56,71%
Cunha Melo
PTB
João Huascar de Figueiredo
PTB
144
PTB (sem coligação)
9.597
43,29%
  Eleito

Resultado da eleição para suplente de senador[editar | editar código-fonte]

Com informações oriundas do Tribunal Superior Eleitoral.[1]

Primeiro suplente de senador
Candidatos a senador da República Número Coligação Votação Percentual
Raimundo Ribeiro
UDN
Ver acima
-
222
UDN, PTB, PCB
10.053
51,27%
João Huascar de Figueiredo
PTB
Ver acima
-
144
PTB (sem coligação)
9.555
48,73%
  Eleito

Deputados federais eleitos[editar | editar código-fonte]

São relacionados os candidatos eleitos com informações complementares da Câmara dos Deputados.[6][7]

Deputados federais eleitos Partido Votação Percentual Cidade onde nasceu Unidade federativa
Vivaldo Lima[nota 4] PTB 6.660 Cachoeira Bahia Bahia
Mourão Vieira UDN 5.792 Manaus  Amazonas

Deputados estaduais eleitos[editar | editar código-fonte]

Foram eleitos 30 deputados estaduais para a Assembleia Legislativa do Amazonas.[1][nota 5]

Deputados estaduais eleitos Partido Votação Percentual Cidade onde nasceu Unidade federativa
José Francisco Monteiro Neto UDN 656
Jaime Araújo[nota 6] UDN 612 Manaus  Amazonas
Alexandre Montoril PSD 603 Assaré  Ceará
Raimundo Nicolau da Silva PSD 569
Almeron Caminha Monteiro UDN 560
Josué de Souza UDN 546 Itajaí  Santa Catarina
Tomás Antônio da Silva Meireles UDN 464
João Fábio de Araújo PSD 463
Homero de Miranda Leão UDN 460
Danilo de Aguiar Correia PSD 375
Aderson Andrade de Menezes PSD 368
Áureo Melo PTB 368 Porto Velho[nota 7]  Rondônia
Plínio Coelho PTB 365 Humaitá  Amazonas
Valdemar Machado da Silva UDN 349
Augusto Pessoa Montenegro PSD 340
Aristófano Anthony PTB 335
Abdul Sayol de Sá Peixoto UDN 325
Artur Virgílio Filho PSD 314 Manaus  Amazonas
João Veiga PSD 312 Recife  Pernambuco
José Negreiros Ferreira UDN 311
José Henriques de Sousa Filho PSD 297
José Francisco da Gama e Silva UDN 294
Ney Rayol UDN 285
Carlos Soares de Melo UDN 271
Vicente de Mendonça Júnior PTN 266
José Carlos Nobre da Silva PTB 263
Júlio Francisco de Carvalho Filho UDN 253
Francisco do Areal Souto UDN 250
Paulo Nery UDN 249 Manaus  Amazonas
Alfredo Eulipes Jackson Cabral PTB 239

Notas

  1. O cargo de vice-governador passou a existir no estado somente a partir de 1966 e antes disso cabia ao presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas a condição de substituto constitucional do governador.
  2. A eleição de dois deputados federais pelo Amazonas em 1947 foi obra do Art. 11 §§ 1º e 2º das Disposições Transitórias a fim de completar a bancada federal do estado segundo desígnios da nova Carta Magna.
  3. Denominada "Escola de Agronomia de Manaus" na época de sua graduação.
  4. Faleceu em 23 de novembro de 1949 e em seu lugar assumiu Paulo Bentes, visto que o primeiro suplente, Aristófano Anthony, fora eleito deputado estadual.
  5. As 30 cadeiras foram distribuídas da seguinte forma: UDN quinze, PSD nove, PTB cinco, PTN uma.
  6. Eleito suplente de deputado federal antes de 1947, foi efetivado em lugar de Severiano Nunes que se elegera senador e no que dizia respeito à bancada estadual o primeiro suplente era Isaias Ajuricaba de Lima Verde.
  7. Nasceu na localidade de Santo Antônio do Madeira que chegou a ser município e depois foi incorporado a Porto Velho.

Referências

  1. a b c d e «Banco de dados do Tribunal Superior Eleitoral». Consultado em 24 de maio de 2018 
  2. Foram proclamados os eleitos (online). Jornal do Commercio, Manaus (AM), 27/04/1947. Capa. Página visitada em 24 de maio de 2018.
  3. «Câmara dos Deputados do Brasil: deputado Leopoldo Neves». Consultado em 11 de abril de 2014 
  4. «Senado Federal do Brasil: senador Severiano Nunes». Consultado em 28 de julho de 2017 
  5. a b «Câmara dos Deputados do Brasil: deputado Severiano Nunes». Consultado em 8 de agosto de 2015 
  6. «Página oficial da Câmara dos Deputados». Consultado em 28 de julho de 2017. Arquivado do original em 2 de outubro de 2013 
  7. «BRASIL. Presidência da República: Lei nº 9.504 de 30/09/1997». Consultado em 28 de julho de 2017