Eleições gerais no Brasil em 1947

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em 19 de janeiro de 1947 (domingo) foram escolhidos vinte governadores de estado, um terço do Senado Federal e eleições suplementares tanto para senador quanto para a Câmara dos Deputados, além de eleição para deputado estadual e, na capital do país, para vereadores.[nota 1][nota 2]

Governadores eleitos em 1947[editar | editar código-fonte]

A data das eleições foi fixada pela Constituição de 1946 que estabeleceu o primeiro domingo após decorridos cento e vinte dias da promulgação da Carta Magna.[1][nota 3] Foram eleitos vinte governadores de estado já que o Distrito Federal era administrado por um prefeito escolhido pelo presidente da República e os territórios federais do Acre, Amapá, Fernando de Noronha, Rondônia e Roraima tinham seus governadores nomeados pela respectiva autoridade.[nota 4]

Bandeira Estado Sigla Governador eleito Partido Vice-governador
Bandeira de Alagoas.svg Alagoas AL Silvestre Péricles PSD
Bandeira do Amazonas.svg Amazonas AM Leopoldo Neves[2] UDN
Bandeira da Bahia.svg Bahia BA Otávio Mangabeira UDN
Bandeira do Ceará.svg Ceará CE Faustino Albuquerque UDN
Bandeira do Espírito Santo.svg Espírito Santo ES Carlos Lindenberg[3] PSD
Bandeira de Goiás.svg Goiás GO Coimbra Bueno UDN Hosaná Guimarães
Bandeira do Maranhão.svg Maranhão MA Sebastião Archer PSD Saturnino Belo[4]
Bandeira de Mato Grosso.svg Mato Grosso MT Arnaldo Figueiredo[2] PSD
Bandeira de Minas Gerais.svg Minas Gerais MG Milton Campos UDN
Bandeira do Pará.svg Pará PA Moura Carvalho[2] PSD
Bandeira da Paraíba.svg Paraíba PB Osvaldo Trigueiro[5] UDN José Targino Costa
Bandeira do Paraná.svg Paraná PR Moisés Lupion PSD Guataçara Borba Carneiro[6]
Bandeira de Pernambuco.svg Pernambuco PE Barbosa Lima Sobrinho PSD
Bandeira do Piauí.svg Piauí PI José da Rocha Furtado UDN Osvaldo da Costa e Silva[4]
Bandeira do estado do Rio de Janeiro.svg Rio de Janeiro RJ Edmundo Macedo Soares PSD
Bandeira do Rio Grande do Norte.svg Rio Grande do Norte RN José Augusto Varela PSD
Bandeira do Rio Grande do Sul.svg Rio Grande do Sul RS Valter Jobim PSD
Bandeira de Santa Catarina.svg Santa Catarina SC Aderbal Ramos da Silva PSD José Boabaid[6]
Bandeira do estado de São Paulo.svg São Paulo SP Ademar de Barros PSP Novelli Júnior[4]
Bandeira de Sergipe.svg Sergipe SE José Rollemberg PSD

Senadores eleitos em 1947[editar | editar código-fonte]

Os senadores eleitos nesta ocasião teriam quatro anos de mandato, exceto aqueles que foram escolhidos para preencher as vagas em aberto, cujo mandato seria renovado nas eleições de 1954.

Bandeiras Unidades federativas Siglas Senadores eleitos Partido Suplentes Notas/Ref.
Bandeira de Alagoas.svg Alagoas AL Pedro Aurélio
PSD
Reinaldo Gama
Bandeira do Amazonas.svg Amazonas AM Severiano Nunes
PTB
Raimundo Ribeiro
Bandeira da Bahia.svg Bahia BA Pereira Moacir
PSD
João Junqueira
Bandeira do Ceará.svg Ceará CE Fernandes Távora
UDN
João Augusto Bezerra
Bandeira Guanabara.jpg Distrito Federal DF Mário Ramos
PSD
Gilberto Marinho
Bandeira do Espírito Santo.svg Espírito Santo ES Jones dos Santos Neves
PSD
José Rodrigues Sette [nota 5]
Bandeira de Goiás.svg Goiás GO Alfredo Nasser
UDN
José Lourenço Dias
Bandeira do Maranhão.svg Maranhão MA José Neiva de Sousa
Vitorino Freire
PPB
PPB
Evandro Viana
Lima Campos
[nota 6]
[nota 7]
Bandeira de Mato Grosso.svg Mato Grosso MT Filinto Müller
PSD
José Gentil da Silva
Bandeira de Minas Gerais.svg Minas Gerais MG Artur Bernardes Filho
PR
José Esteves Rodrigues
Bandeira do Pará.svg Pará PA Augusto Meira
PSD
Acelino de Leão Rodrigues
Bandeira da Paraíba.svg Paraíba PB José Américo de Almeida
UDN
Carlos Pessoa
Bandeira do Paraná.svg Paraná PR Artur Santos
UDN
Maximino Zanon
Bandeira de Pernambuco.svg Pernambuco PE Apolônio Sales
PSD
Luís Guedes Alcoforado
Bandeira do Piauí.svg Piauí PI Joaquim Pires
Ribeiro Gonçalves
UDN
UDN
Ocílio Lago
Celso Eulálio
[nota 8]
Bandeira do estado do Rio de Janeiro.svg Rio de Janeiro RJ Sá Tinoco
PSD
Mário Sales
Bandeira do Rio Grande do Norte.svg Rio Grande do Norte RN João Câmara
PSD
Kerginaldo Cavalcanti [nota 9]
Bandeira do Rio Grande do Sul.svg Rio Grande do Sul RS Salgado Filho
PTB
Jorge Braga Pinheiro [nota 10]
Bandeira de Santa Catarina.svg Santa Catarina SC Benjamin Gallotti
Lúcio Correia
PSD
PSD
[nota 11]
Bandeira do estado de São Paulo.svg São Paulo SP Euclides Vieira
Roberto Simonsen
PSP
PSD
Caio Simões
Rodolfo Miranda
[nota 12]
[nota 13]
Bandeira de Sergipe.svg Sergipe SE Augusto Maynard
PR
Márcio Ferreira de Jesus

Câmara dos Deputados em 1947[editar | editar código-fonte]

O Tribunal Superior Eleitoral cassou o registro do partido em 7 de maio daquele ano e a mesa diretora do Congresso Nacional declarou extintos os mandatos comunistas em 10 de janeiro de 1948.

Unidades federativas PSD PSP PR PTB UDN Total
Amapá 01 - - - - 01
Amazonas - - - 01 01 02
Bahia 01 - - - - 01
Mato Grosso 02 - - - - 02
Minas Gerais 02 - 01 - - 03
Rondônia 01 - - - - 01
Roraima 01 - - - - 01
Santa Catarina 01 - - - - 01
São Paulo 01 03 - 01 - 05
Sergipe - - 02 - - 02
Soma das bancadas 10 03 03 02 01 19
Percentual 52,63% 15,79% 15,79% 10,53% 5,26% 100%

Notas

  1. O Brasil de então contava com vinte e seis unidades federativas: vinte estados, um Distrito Federal e cinco territórios federais.
  2. Na eleição para senador foi preenchida também uma cadeira em aberto nos estados do Maranhão, Piauí, Santa Catarina e São Paulo seja por morte ou renúncia dos titulares.
  3. A determinação quanto ao dia das eleições consta no Art. 11 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias.
  4. A regra vigente para o Distrito Federal estava no Art. 87 – IV da Constituição, enquanto os territórios eram uma divisão administrativa da União.
  5. A legislação vigente permitiu que José Rodrigues Sette fosse eleito vice-governador do Espírito Santo e suplente de senador na mesma ocasião.
  6. Vitorino Freire foi eleito para a vaga do falecido Antônio José Pereira Júnior.
  7. O partido ao qual os senadores maranhenses pertenciam nasceu de uma dissidência do PTB e daria origem ao PST.
  8. Joaquim Pires foi eleito para a vaga do falecido Esmaragdo de Freitas.
  9. João Câmara faleceu em Natal em 12 de dezembro de 1948.
  10. Faleceu em São Francisco de Assis vítima de um acidente aéreo em 30 de julho de 1950.
  11. Benjamin Gallotti foi eleito para ocupar a vaga aberta após a escolha de Nereu Ramos como vice-presidente da República em 1946.
  12. Euclides Vieira foi eleito para ocupar a vaga aberta com a renúncia de Getúlio Vargas que optou por representar o Rio Grande do Sul.
  13. Roberto Simonsen faleceu no Rio de Janeiro em 25 de maio de 1948.

Referências

  1. «BRASIL. Presidência da República. Constituição de 1946». Consultado em 28 de maio de 2016. 
  2. a b c Renunciou ao cargo em 1950 para disputar uma cadeira no Senado Federal não obtendo êxito.
  3. Renunciou ao cargo e foi eleito senador em 1950.
  4. a b c Eleito pela Assembléia Legislativa em conformidade com as normas constitucionais em vigor.
  5. Eleito deputado federal em 1950.
  6. a b Presidente da Assembléia Legislativa.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]