Eleição suplementar para governador do Tocantins em 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2014 Brasil 2018
Eleição suplementar para governador do Tocantins em 2018
3 de junho de 2018
(Primeiro turno)
24 de junho de 2018
(Segundo turno)
Mauro Carlesse em Encontro do Interlegis (cortada).jpg Foto oficial de Vicentinho Alves.jpg
Candidato Mauro Carlesse Vicentinho Alves
Partido PHS PR
Natural de Terra Rica, PR Porto Nacional, TO
Vice Wanderlei Barbosa Divino Bethânia
Votos 368.553 121.908
Porcentagem 75,14% 24,86%


Brasão do Tocantins.svg
Governador do Tocantins

A eleição suplementar para governador do Tocantins em 2018 foi convocada pelo Tribunal Superior Eleitoral mediante o veredicto que cassou a chapa vitoriosa ao governo estadual no pleito de 2014 sob a acusação de abuso. Diante de tal sentença, o presidente da Assembleia Legislativa, Mauro Carlesse, comandou interinamente o executivo estadual até que um novo pleito decidisse quem ocuparia o Governo do Estado. Ao todo sete candidaturas foram registradas para esse fim.[1][2] Carlesse disputou a eleição e derrotou o senador Vicentinho Alves no segundo turno com mais de 75% dos votos válidos. O mandato de Carlesse irá até o dia 1º de janeiro de 2019, quando assumirá o candidato eleito na eleição de outubro de 2018.

Primeiro turno[editar | editar código-fonte]

O Partido dos Trabalhadores em convenção aprovou o apoio a candidatura de Carlos Amastha (PSB). Porém, posteriormente, a Direção Nacional do PT interveio na decisão e encaminhou apoio a candidatura de Kátia Abreu (PDT). Kátia optou por não incluir o partido na chapa.[3] O diretório estadual do PT em Tocantins optou por seguir na candidatura junto a Amastha com um candidato a vice-governador.[4]

As seguintes candidaturas foram registradas:[5][6][7]

Candidato a governador Candidato a vice-governador Número
Eleitoral
Coligação
Mauro Carlesse
PHS
Wanderlei Barbosa
PHS
31
Governo de Atitude
PHS, PP, PRB, PPS, PTC e PMN
Foto oficial de Vicentinho Alves.jpg
Vicentinho Alves
PR
Divino Bethânia
PROS
22
A Vez dos Tocantinenses
PR, PROS, SD, PMB, PSDB, DEM, PRP e PPL
Carlos Amastha 2018 (cropped).jpg
Carlos Amastha
PSB
Célio Moura[8]
PT
40
A Verdadeira Mudança
PSB, PT, PTB, PCdoB e PODE
Senadora Kátia Abreu Oficial.jpg
Kátia Abreu
PDT
Marco Antônio Costa
PSD
12
Reconstruindo o Tocantins
PDT, PSD, PSC, AVANTE e PEN
Juiz Marlón Reis (cropped).jpg
Márlon Reis
REDE
Edvan de Jesus Silva
REDE
18
Frente Alternativa
REDE, PSL e DC
Mário Lúcio Avelar - TCMGO.png
Mário Lúcio Avelar
PSOL
Melque Aires
PSOL
50
-
PSOL
Marcos de Souza
PRTB
Sargento Jenilson
PRTB
28
-
PRTB

Debates televisionados[editar | editar código-fonte]

Data Organizador(es) Mediador Carlos Amashta
(PSB)
Kátia Abreu
(PDT)
Mauro Carlesse
(PHS)
Vicentinho Alves
(PR)
Marlon Reis
(REDE)
Mario Lucio Avelar
(PSOL)
Marcos de Souza
(PRTB)
1º turno
22 de maio TV Jovem Record[9][10] Paulo Carneiro Ausente Presente Ausente Ausente Presente Presente Ausente
31 de maio TV Anhanguera Palmas
Rede Globo[11][12][13][14]
Júlio Mosquera Presente Presente Ausente Presente Presente Presente Presente

Resultado[editar | editar código-fonte]

Mapa do resultado do primeiro turno da eleição suplementar para governador de Tocantins em 2018.
cidades vencidas por Abreu;
cidades vencidas por Alves;
cidades vencidas por Amastha;
cidades vencidas por Carlesse;


Eleição suplementar para governador do Tocantins
Primeiro turno
Partido Candidato Votos Votos (%)
  PHS Mauro Carlesse 174 275
 
30,31%
  PR Vicentinho Alves 127 758
 
22,22%
  PSB Carlos Amastha 123 103
 
21,41%
  PDT Kátia Abreu 90 033
 
15,66%
  REDE Márlon Reis 56 952
 
9,91%
  PRTB Marcos de Souza 2 794
 
0,49%
  PSOL Mário Lúcio Avelar 0
 
0%
Totais 574 915  
Fonte: [15]

Segundo turno[editar | editar código-fonte]

Como nenhum dos candidatos obteve a maioria dos votos válidos no primeiro turdo ocorrido dia 2 de junho de 2018, a eleição suplementar contou com um segundo turno entre os dois candidatos melhor posicionados, Mauro Carlesse e Vicentino Alves, no dia 24 de junho de 2018.[16][17] No segundo turno, Mauro Carlesse foi eleito para o mandato tampão.[18]

Candidato a governador Candidato a vice-governador Número

Eleitoral

Coligação
Mauro Carlesse

PHS

Wanderlei Barbosa

PHS

31
Governo de Atitude

PHS, PP, PRB, PPS, PTC e PMN

Foto oficial de Vicentinho Alves.jpg
Vicentinho Alves
PR
Divino Bethânia
PROS
22
A Vez dos Tocantinenses
PR, PROS, SD, PMB, PSDB, DEM, PRP e PPL

Debates televisionados[editar | editar código-fonte]

Data Organizador(es) Mediador Mauro Carlesse
(PHS)
Vicentinho Alves
(PR)
2º turno
21 de junho TV Anhanguera Palmas
Rede Globo[19][20]
Fábio Castro Ausente Presente

Resultado[editar | editar código-fonte]

Eleição suplementar para governador do Tocantins
Segundo turno
Partido Candidato Votos Votos (%)
  PHS Mauro Carlesse 368 553
 
75,14%
  PR Vicentinho Alves 121 908
 
24,86%
Totais 490 461  
Fonte: [21][22]

Referências

  1. «Gilmar Mendes determina volta de Marcelo Miranda ao governo do Tocantins». G1 Tocantins. 6 de abril de 2018. Consultado em 6 de abril de 2018 
  2. Redação do G1 Tocantins (19 de abril de 2018). «Carlesse assume governo e afirma que vai recontratar secretários escolhidos em março». G1. Consultado em 19 de abril de 2018 
  3. «Apesar de decisão do diretório nacional, PT fica de fora de eleição no TO». Poder360 
  4. «Pareceres do MPE dão sinal verde para candidatura de Amastha a governador e também à coligação com o PT». Surgiu. 11 de maio de 2018 
  5. «Governo tampão no Tocantins: 7 partidos lançam candidatos para eleição». Poder360 
  6. «Sete partidos lançam candidatos a governador para a eleição suplementar; veja lista». G1 
  7. «Diário da Justiça Eleitoral traz Edital de Registro de Candidatura para Eleições Suplementares». TRE Tocantins 
  8. «PT percorre Tocantins junto com Amastha». O Girassol. 6 de maio de 2018. Consultado em 12 de maio de 2018 
  9. «Primeiro debate com os candidatos ao governo na eleição suplementar acontece nesta terça na TV Jovem Record Tocantins (jmnoticia.com.br)». Consultado em 25 de maio de 2018 
  10. «Katia Abreu domina debate na Record e assume compromisso com os tocantinenses (conexãoto.com)». Consultado em 25 de maio de 2018 
  11. «Veja quais são as regras do debate entre os candidatos ao governo que será realizado pela TV Anhanguera (g1.globo.com)». Consultado em 25 de maio de 2018 
  12. Pinheiro, Georgette (24 de maio de 2018). «TV Anhanguera realiza debate dia 31». Jornal do Tocantins. Consultado em 25 de maio de 2018 
  13. «TV Anhanguera realiza debate entre candidatos ao governo do Tocantins (g1.globo.com)». Consultado em 31 de maio de 2018 
  14. «Confira como foi o debate realizado com os candidatos ao governo do Tocantins (g1.globo.com)». Consultado em 1 de junho de 2018 
  15. [1]
  16. «Acompanhe a eleição suplementar para o governo do Tocantins». G1. Consultado em 3 de junho de 2018 
  17. «Carlesse e Vicentinho vão disputar o governo do Tocantins no segundo turno». G1 
  18. «No segundo turno, Carlesse é eleito para o mandato-tampão do Tocantins com mais 368 mil votos». G1. Consultado em 24 de junho de 2018 
  19. «Debate entre Carlesse e Vicentinho é nesta quinta; G1 transmite ao vivo (g1.globo.com)». 21 de junho de 2018. Consultado em 23 de junho de 2018 
  20. «Carlesse falta ao último debate da eleição suplementar e Vicentinho é entrevistado (g1.globo.com)». 22 de junho de 2018. Consultado em 23 de junho de 2018 
  21. [2]
  22. https://g1.globo.com/to/tocantins/eleicao-suplementar/2018/noticia/votos-brancos-nulos-e-abstencoes-batem-recorde-e-superam-candidatos-no-tocantins.ghtml