Eleição presidencial no Brasil em 1978

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Eleição presidencial no Brasil em 1978
  1974 ← Flag of Brazil.svg → 1985
15 de outubro de 1978
eleição indireta
Figueiredo.jpg Euler Bentes Monteiro.jpg
Candidato João Figueiredo Euler Bentes Monteiro
Partido ARENA MDB
Natural de Rio de Janeiro Rio de Janeiro
Companheiro de chapa Aureliano Chaves Paulo Brossard
Votos 355 226
Porcentagem 61,1% 39,9%


Coat of arms of Brazil.svg
Presidente do Brasil

A Eleição Presidencial brasileira de 1978 ocorreu forma indireta, através de um Colégio Eleitoral. O MDB oposicionista novamente resolveu lançar um "anticandidato", para ocupar espaços e denunciar a democracia restrita. O MDB escolheu o General Euler Bentes, disputando com o general João Figueiredo, que teve um civil escolhido como candidato a vice, o até então governador mineiro Aureliano Chaves, egresso da UDN.

Disputavam a sucessão do Presidente Ernesto Geisel, as seguintes chapas:

No dia 15 de outubro de 1978, o Colégio Eleitoral reuniu-se e João Figueiredo foi eleito presidente para um mandato de 6 anos com 355 votos (61,1%) contra 226 dados a Monteiro (39,9%).