Itacuruba Sport Club

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Itacuruba
Itacuruba Sport Club
Nome Itacuruba Sport Club
Alcunhas Papão
Bicho-Papão
Alvenegro
Torcedor/Adepto itacurubense
Mascote tilapia ou
tilápia
Fundação 2 de agosto de 1987 (32 anos)
Estádio Galdenção
Capacidade 5.000 lugares[1]
Localização Itacuruba, Brasil
Presidente Júnior Cantarelli
Competição Licenciado
Ranking nacional sem ranqueamento[2]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

O Itacuruba Sport Club (conhecido apenas por Itacuruba e cujo acrônimo é ISC) é uma associação esportiva brasileira fundada em 1987 no município de Itacuruba, no interior de Pernambuco. No futebol é um dos clubes mais bem sucedidos do interior do estado, pelo fato de conseguir uma marca histórica. Em menos de três anos, o clube conseguiu dois acessos (campeão da série A3 e da série A2 no ano seguinte) no campeonato estadual e poder disputar campeonato um nacional, terminando a competição ente os 23 melhores colocados na classificação geral.

Desde sua profissionalização, o clube alcançou bons números em suas três décadas, como uma quarta colocação na elite do futebol pernambucano. Desde 2005, ano que disputou pela última vez a primeira divisão pernambucana, o clube se encontra licenciado das competições oficiais promovidas pela Federação Pernambucana de Futebol.

História[editar | editar código-fonte]

O Itacuruba Sport Clube,[3] foi fundado no dia 2 de agosto de 1987 numa pequena cidade do interior de Pernambuco, no município de Itacuruba. Com 14 anos de atividade, o clube disputou a terceira divisão estadual em 2001. Neste ano, veio o primeiro treinador profissional, Valdomiro Bezerra. O clube entrou na competição desconhecido e acabou se sagrando campeão. No ano seguinte, o clube se afiliou-se na federação pernambucana para disputar a segunda divisão pernambucana. Com uma campanha de 9 vitórias 4 empates e 5 derrotas, o clube sagrava-se campeão um anos após ter sido campeão da série A3, conseguindo seu segundo acesso consecutivo. No ano seguinte em 2003, o clube fez uma campanha regular e terminou o campeonato com 6 vitórias, 4 empates e 10 derrotas, terminando na sexta colocação geral e terceiro colocado no campeonato do interior.

No Campeonato Pernambucano de Futebol de 2004, o Itacuruba foi quarto colocado, e teve como protagonistas o artilheiro da competição, Kelson, com 14 gols marcados, e o lateral direito Daniel, que conseguiu entrar na seleção de 2004, lhe rendendo a oportunidade de disputar o Campeonato Brasileiro da 3ª Divisão do mesmo ano. O clube terminou na segunda colocação do seu grupo passando junto com o Porto de Caruaru, mais caiu diante do Treze da Paraíba na fase eliminatória e terminando a competição entre os 23 melhores clubes do país.[4] No ano seguinte em 2005,[5] foi o quinto colocado e apesar do clube ter tido uma boa campanha, esse foi o último campeonato oficial que o clube disputou após se profissionalizar, desde então o clube se licenciou da federação voltando ao amadorismo e jogando apenas campeonatos locais em Itacuruba.

Símbolos[editar | editar código-fonte]

Mascote[editar | editar código-fonte]

Tilápia em aquário.
As tilápias são uma ótima iguaria.

O mascote oficial adotado pelo Itacuruba, é o peixe de água doce Tilapia. A tilapia ou Tilápia[6] é um peixe muito abundante nos rios, riachos e lagos do estado de Pernambuco. A tilapia é um gênero de peixe da família Cichlidae.

Tilápias são fáceis de manter em aquário, já que lhes é suficiente o espaço neles. Elas se reproduzem facilmente e crescem rapidamente, mas são perigosos para qualquer outro peixe pequeno. A maioria das espécies são reprodutores de superfície mas alguns protegem a cria na boca. As tilápias são peixes criados para alimentação humana, sendo a sua carne bastante apreciada, pois é leve e saborosa. Em algumas regiões o peixe é colocado nos arrozais, depois de plantado o arroz, onde cresce até ao tamanho pronto para consumo(12–15 cm), na mesma época em que o arroz está pronto para a colheita. A tilápia é um excelente controle biológico para alguns problemas de infestações de plantas aquáticas. Eles preferem plantas aquáticas que flutuam, mas também consomem algumas algas fibrosas. É um peixe adaptável à água salgada.[7]

Uniformes[editar | editar código-fonte]

Uniformes dos jogadores[editar | editar código-fonte]

  • Primeiro uniforme: Camisa vermelha com listras verticais pretas, calção preto e meias pretas.
  • Segundo uniforme: Camisa branca com uma faixa horizontal bipartida em vermelho e preto, calção preto e meias vermelhas.
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro uniforme
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo uniforme

Títulos[editar | editar código-fonte]

ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Bandeira de Pernambuco.svg Campeonato Pernambucano - Série A2 1 2002
Bandeira de Pernambuco.svg Campeonato Pernambucano - Série A3 1 2001

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Itacuruba Sport Clube
Torneio Campeão Vice-campeão Terceiro colocado Quarto colocado
Brasil Campeonato Brasileiro - Série C 0 (não possui) 0 (não possui) 0 (não possui) 0 (não possui)
Pernambuco Campeonato Pernambucano 0 (não possui) 0 (não possui) 0 (não possui) 1 (2004)
Pernambuco Campeonato Pernambucano - Série A2 1 (2002) 0 (não possui) 0 (não possui) 0 (não possui)
Pernambuco Campeonato Pernambucano - Série A3 1 (2001) 0 (não possui) 0 (não possui) 0 (não possui)

Participações[editar | editar código-fonte]

Competição Temporadas Melhor campanha Estreia Última P Aumento R Baixa
Pernambuco Campeonato Pernambucano 3 4° lugar 2003 2005
Campeonato Pernambucano - Série A2 1 Campeão (2002) 2002 2002 1
Campeonato Pernambucano - Série A3 1 Campeão (2001) 2001 2001 1
Brasil Campeonato Brasileiro - Série C 1 2ª Fase 2004 2004

Ídolos[editar | editar código-fonte]

Ao longo de sua história, o Itacuruba sempre contou com jogadores e técnicos de grande expressão nacional, que contribuíram para as inúmeras conquistas da equipe no futebol pernambucano e brasileiro. Dentre eles destacam-se os jogadores Kélson, que foi o artilheiro do Pernambucano de 2004 e o lateral direito Daniel, que conseguiu entrar na seleção do campeonato do mesmo ano.

Jogadores famosos
  • Brasil Rigoberto
  • Brasil Guêba
  • Brasil Sandro Miguel
  • Brasil Alan Rocha
  • Brasil Marcelo Cavalo

Partidas históricas[editar | editar código-fonte]

A seguir algumas das partidas mais importantes da história do futebol do papão.[8]

Terceira divisão Pernambucana - Edição de 2001

O Itacuruba conquistava seu primeiro título oficial na sua história. Com essa conquista, o clube pode se profissionalizar e se afiliar na Federação Pernambucana de Futebol, sendo promovido a segunda divisão.

Itacuruba 2 a 0 Íbis (7 de julho de 2002)

Essa foi a partida final do Quadrangular Final do Campeonato Pernambucano - Série A2 de 2002. O Itacuruba acabou sendo campeão dessa edição.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «CNEF - Cadastro Nacional de Estádios de Futebol» (HTML). agenciach.com.br. 18 de janeiro de 2016. Consultado em 28 de fevereiro de 2017 
  2. CBF (5 de dezembro de 2018). «RNC - Ranking Nacional dos Clubes 2019» (PDF). Cópia arquivada (PDF) em 5 de dezembro de 2018 
  3. «Itacuruba/PE [BRA]». Publicado por Futebol Nacional.com.br. 1 de janeiro de 2007. Consultado em 6 de julho de 2019 
  4. «Campeonato Brasileiro - Série C 2004». Publicado em bolanaarea.com. Consultado em 6 de julho de 2019 
  5. «Campeonato Pernambucano 2005». 30 de maio de 2017. Consultado em 6 de julho de 2019 
  6. Não confundir. "Tilapia" sem acento, se refere ao gênero. Já "Tilápia" com acento no a, é o nome comum dado a várias espécies de peixes ciclídeos de água doce pertencentes à subfamília Pseudocrenilabrinae.
  7. Ostini, S. "Aclimação e desempenho de tilápias (Oreochromis sp.) em sistema de recirculação de água do mar", Jaboticabal, Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2002
  8. «Itacuruba-PE». Por GolAberto. Consultado em 7 de julho de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]