Los miserables (2014)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Los miserables
Os Miseráveis (PT/BR)
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Telenovela
Duração 42-55 minutos
Criador(es) Victor Hugo
País de origem  Estados Unidos
Idioma original Espanhol
Produção
Produtor(es) executivo(s) Martha Godoy
Elenco Aracely Arámbula
Erik Hayser
Aylín Mujica
Gabriel Porras
Aarón Díaz
Tema de abertura Los Miserables por Aracely Arámbula
Tema de encerramento Los Miserables por Aracely Arámbula
Exibição
Emissora de televisão original Estados Unidos Telemundo
Formato de exibição 480i SDTV
1080i HDTV
Transmissão original 30 de setembro de 2014 - 24 de março de 2015 [1]
N.º de episódios 119

Los miserables, é uma telenovela americana produzida pela Telemundo Studios.

É uma livre adaptação do clássico Os Miseráveis de Victor Hugo.

A trama é protagonizada por Aracely Arámbula e Erik Hayser e tendo como antagonistas Aylín Mujica e Gabriel Porras e a participação especial de Aarón Díaz.[2][3][4][5]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um carro coupé desloca-se a toda velocidade. Duas patrulhas de polícia e um carro da DEA os perseguem e lhes dão ordens para pararem. A bordo do carro, a angustiada Lucia Durán suplica a Pedro Morales que renda-se.

"Lucha" intui o pior, para ela, para o homem que sentado ao seu lado e para o filho que leva no seu ventre. Mais Pedro não está disposto a render-se: antes morto que preso numa cadeia.

O narcotraficante cai abatido diante dos olhos de Lucha. E então, uma bala atinge-a na barriga e uma mancha de sangue que lhe confirmam que seu pior temor se fez realidade.

De um momento para outro Lucha perdeu tudo: o homem que amava, o filho que não chegou a nascer, sua liberdade, e fica incapaz para ser mãe pelo resto da vida.

Agora enfrenta o castigo de uma prisão nos Estados Unidos, onde passará os próximos onze anos de sua vida. Nesse lugar aprenderá a sobreviver, a defender-se e a ganhar o respeito das outras pessoas, inclusive das presas mais violentas.

Também na prisão conhece a solidariedade e o melhor que aflora no ser humano. Em seu leito de morte, sua amiga Rosalía Pèrez, uma mulher de enorme coração, que sofre de um câncer terminal, que pede a Lucha que busque a sua filha Roxanita, que lhe cuide e a ame como se fosse sua.

"Te presenteio a minha filhinha pelo filho que mataram", lhe diz, entre lágrimas, antes de fechar seus olhos para sempre.

Lucha jura: quando saia em liberdade buscará a menina e a levará a viver com ela.

Elenco[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. Flor Rubio (9 de setembro de 2014). «Estrena "Los Miserables" 30 de septiembre por Telemundo. Con Flor Rubio». GrupoFórmula. Consultado em 20 de setembro de 2014 .
  2. David Dorantes (25 de junho de 2014). «Aracely Arámbula comienza la grabación de 'Los Miserables' con Telemundo». La Voz de Houtson. Consultado em 20 de setembro de 2014 
  3. «Aracely Arámbula protagonizará telenovela basada en Los miserables». Peopleenespañol. 8 de outubro de 2013. Consultado em 20 de setembro de 2014 .
  4. Martha Sarabia (8 de outubro de 2013). «Aracely Arámbula revela secretos de "Los Miserables"». LaOpinión. Consultado em 20 de setembro de 2014 .
  5. «Los Miserables, la nueva novela de Aracely Arámbula en Telemundo». msnlatino.telemundo.com. Consultado em 20 de setembro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.