Marly de Oliveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Marly de Oliveira
Nascimento 11 de março de 1935
Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo
Morte 1 de junho de 2007 (71 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasileira
Ocupação Poetisa

Marly de Oliveira (Cachoeiro de Itapemirim, Espírito Santo 11 de junho de 1935Rio de Janeiro, 1º de junho de 2007) foi uma poetisa brasileira.

Era a ex-mulher do poeta e membro da Academia Brasileira de Letras, João Cabral de Melo Neto. Foi também professora de língua e literatura italiana, assim como de literatura hispano-americana.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Cerco da Primavera (1957)
  • Explicação de Narciso (1960)
  • A Suave Pantera (1962)
  • A Vida Natural (1967)
  • O Sangue na Veia (1967)
  • Contato (1975)
  • Invocação de Orpheu (1978)
  • Aliança (1979)
  • A Força da Paixão e A Incerteza das Coisas(1982)
  • Retrato / Vertigem / Viagem a Portugal(1986)
  • O Banquete (1988)
  • Obra Poética Reunida (1989)
  • O Deserto Jardim (1990)
  • O Mar de Permeio (1998)
  • Antologia Poética (1998)
  • Uma vez, sempre (2000).

Prêmio[editar | editar código-fonte]

Venceu, em 1998, o Prêmio Jabuti com "O Mar de Permeio".