Associazione Calcio ChievoVerona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Chievo
AC ChievoVerona.png
Nome Associazione Calcio ChievoVerona
Alcunhas Gialloblu (Amarelo-Azul)
Mussi Volanti ("Burros Voadores" em veneziano)
Ceo ("Chievo" em veneziano)
Fundação 1929
Estádio Stadio Marcantonio Bentegodi
Capacidade 38.402 pessoas[1]
Presidente Itália Luca Campedelli
Treinador Itália Eugenio Corini
Material esportivo Itália Givova
Competição Scudetto.svg Campeonato Italiano
Kit left arm.png Kit body chievo1213h.png Kit right arm.png
Kit shorts yellowbluedown.png
Kit socks.png
Uniforme
titular
Kit left arm.png Kit body chievo1213a.png Kit right arm.png
Kit shorts whiteblackdown.png
Kit socks.png
Uniforme
alternativo
Kit left arm.png Kit body chievo1213t.png Kit right arm.png
Kit shorts blackwhitedown.png
Kit socks chievo1213t.png
Uniforme
alternativo
editar

O Associazione Calcio ChievoVerona, ou simplesmente Chievo é um clube italiano da cidade de Verona, que na atual temporada, 2011/2012, disputa a Serie A italiana. O estádio onde o clube sedia suas partidas é o Marcantonio Bentegodi que possui capacidade para 38.402 pessoas e que é dividido com o clube rival Hellas Verona.

Em vêneto a equipe é chamada de Ceo, mesmo que o apelido mais famoso no resto da Itália seja "I mussi" ou "I mussi che voła", ou em português "Burros voadores", ironicamente atribuído em resposta as provocações dos fãs do Hellas Verona.[2] Durante a sua história o clube trocou de nome seis vezes.[3]

O Chievo está em uma situação única no futebol italiano, sendo o único clube proveniente de uma pequena cidade a ter "escalado a pirâmide do futebol" até chegar ao topo dela na Série A: a associação tem tido, ao longo de sua história, um aumento notável, da série amadora até chegar a cúpula do futebol profissional. Na verdade, ganhou a promoção para a Serie C2 em 1986, o clube em 1989 foi promovido a Serie C1, e, em 1994 para a Serie B. Graças à histórica promoção à Serie A em 2001, ganhou grande atenção da mídia e tornou-se conhecido pelo público em geral. A partir da chegada, da equipe que era apenas distrital, ao topo do futebol italiano, ela começou a ser vista como um grande clube e como um exemplo de uma boa gestão empresarial, e passou a ser vista como um modelo para outras equipes.[4] [5]

Em 2002, estreou também no futebol europeu e competiu na Liga Europa da UEFA, enquanto que em 2006 participou da fase eliminatória da UEFA Champions League, graças às aplicações das penalidades que rebaixaram a Juventus para a Serie B, além de terem removido pontos de Fiorentina, Lazio e Milan. Foi rebaixada a Serie B na temporada 2006-07, no ano seguinte se recuperando ao ganhar tal competição. Em 30 de janeiro de 2011, em uma partida contra o Brescia, a equipe chegou à sua centésima vitória na Serie A.[6]

Cronologia[editar | editar código-fonte]

Cronistoria dell'Associazione Calcio ChievoVerona
  • 1929 - Fundação da 'Opera Nazionale Dopolavoro (O.N.D.) Chievo, que se inscreveu no Campionato dei Liberi Veronesi.
  • 1931-32 - 3º colocado no grupo A na Seconda Categoria Veronese ULIC.
  • 1932-33 - 1º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veronese ULIC. Na final provincial sagrou-se campeão após ganhar do Alba de Borgo Roma. Nas finais regionais superou o Vicenza Allievi (4-3 e 2-1), o Arsiero (3-3 e 4-1) e perdeu para o Fiera di Treviso (1-5 e 4-1).
  • 1933-34 - 3º colocado no grupo A na Seconda Categoria Veronese ULIC.
  • 1934-35 - 1º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veronese. Na final provincial sagrou-se campeão após ganhar do Alba por 3-1. Na final regional derrotou o Malo (2-3 e 3-2, e em Montebello 2-0).
  • 1935-36 - 1º colocado no grupo A da Sezione Propaganda Veronese. Na final é forçado a se retirar devido à falta de jogadores.
  • 1936-37 - Disputa o torneio Fasci Giovanili e bate na final o Avesa por 2-1 ganhando o título de provincial de Verona.
  • 1937-38 - O O.N.D. Chievo não se inscreve. No campeonato da Sezione Propaganda participa uma outra equipe de Chievo: a Fabio Filzi. A Fabio Filzi não consegue terminar o campeonato.
  • 1938-39 - Chievo jogou no campo do San Massimo.
  • 1939/48 - Nenhuma outra equipe de Chievo participou nos campeonatos oficiais, tanto provincial quanto regional. Em 1948 muda o nome para Associazione Calcio Chievo e se filia a Liga Regional Veneta.
  • 1948-49 - 3º colocado no grupo B da Seconda Divisione Veneta
  • 1949-50 - 5º colocado no grupo I da Seconda Divisione Veneta.
  • 1950-51 - 1º colocado no grupo A da Seconda Divisione Veneta e é promovido a Primeira Divisão Veneta.
  • 1951-52 - 15º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1952-53 - 12º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1953-54 - 6º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1954-55 - 7º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1955-56 - 4º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1956-57 - 4º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1957-58 - 7º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1958-59 - 3º colocado no grupo A da Prima Divisione Veneta.
  • 1959 - Com a criação da Lega Nazionale Dilettanti a FIGC mudação a denominação dos campeonatos: a Prima Divisione torna-se a Seconda Categoria.
  • 1959-60 - 1º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veneta após bater o time da comuna de S.Martino. Promovido à Prima Categoria Veneta e assume a denominação de Associazione Calcio Cardi Chievo.
  • 1960-61 - 8º colocado no grupo A da Prima Categoria Veneta.
  • 1961-62 - 8º colocado no grupo A da Prima Categoria Veneta.
  • 1962-63 - 15º colocado no grupo B da Prima Categoria Veneta. Rebaixado à Seconda Categoria Veneta.
  • 1963-64 - 4º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veneta.
  • 1964-65 - 1º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veneta. Promovido à Prima Categoria Veneta.
  • 1965-66 - 11º colocado no grupo A da Prima Categoria Veneta.
  • 1966-67 - 15º colocado no grupo A da Prima Categoria Veneta. Rebaixado à Seconda Categoria Veneta.
  • 1967-68 - 1º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veneta depois de bater o time da comuna de Ambrosiana nos play-offs. Renúncia a promoção por causa de problemas de orçamento.
  • 1968-69 - 1º colocado no grupo A da Seconda Categoria Veneta. Promovido à Prima Categoria Veneta.
  • 1969-70 - 8º colocado no grupo A da Prima Categoria Veneta. Se inscreveu no novo campeonato, o Promozione Veneta.
  • 1970-71 - 9º colocado no grupo A do Promozione Veneta.
  • 1971-72 - 5º colocado no grupo A do Promozione Veneta.
  • 1972-73 - 11º colocado no grupo A do Promozione Veneta.
  • 1973-74 - 11º colocado no grupo A do Promozione Veneta.
  • 1974-75 - 1º colocado no grupo A do Promozione Veneta. Promoção à Serie D. Volta a antiga denominação Associazione Calcio Chievo.
  • 1975-76 - 10º colocado no grupo C da Serie D.
  • 1976-77 - 14º colocado no grupo C da Serie D.
  • 1977-78 - 8º colocado no grupo B da Serie D.
  • 1978-79 - 11º colocado no grupo B da Serie D.
  • 1979-80 - 13º colocado no grupo C da Serie D.
  • 1980-81 - 11º colocado no grupo C da Serie D. Troca de nome para 'Associazione Calcio Paluani Chievo.
  • 1981-82 - 11º colocado no grupo B do Campionato Interregionale.
  • 1982-83 - 12º colocado no grupo D do Campionato Interregionale.
  • 1983-84 - 9º colocado no grupo C do Campionato Interregionale.
  • 1984-85 - 7º colocado no grupo C do Campionato Interregionale.
  • 1985-86 - 1º colocado no grupo C do Campionato Interregionale empatado como o Bassano. Perde a partida desempate, mas também é promovida à Serie C2 após uma condenação por violação esportiva do Bassano. Altera seu nome para Associazione Calcio Chievo S.r.l.
  • 1986-87 - 4º colocado no grupo B da Serie C2.
  • 1987-88 - 4º colocado no grupo B da Serie C2.
  • 1988-89 - 1º colocado no grupo B da Serie C2. Promovido à Serie C1.
  • 1989-90 - 6º colocado no grupo A da Serie C1. Assume a denominação atual de Associazione Calcio ChievoVerona S.r.l..
  • 1990-91 - 14º colocado no grupo A da Serie C1.
  • 1991-92 - 7º colocado no grupo A da Serie C1.
  • 1992-93 - 7º colocado no grupo A da Serie C1.
  • 1993-94 - 1º colocado no grupo A da Serie C1. Promovido à Serie B.
  • 1994-95 - 13º colocado na Serie B.
  • 1995-96 - 14º colocado na Serie B.
  • 1996-97 - 7º colocado na Serie B.
  • 1997-98 - 10º colocado na Serie B.
  • 1998-99 - 11º colocado na Serie B.
  • 1999-00 - 15º colocado na Serie B.
  • 2000-01 - 3º colocado na Serie B. Promovido à Serie A.
  • 2001-02 - 5º colocado na Serie A.
  • 2002-03 - 7º colocado na Serie A. Eliminado no primeiro turno Liga Europa da UEFA.
  • 2003-04 - 9º colocado na Serie A.
  • 2004-05 - 15º colocado na Serie A.
  • 2005-06 - 4º colocado na Serie A após as sentenças da Escândalo da Serie A 2006.
  • 2006-07 - 18º colocado na Serie A. Rebaixada à Serie B. Foi eliminado no terceiro turno da Champions League. Eliminado no primeiro turno da Liga Europa.
  • 2007-08 - 1º colocado na Serie B. Promovido à Serie A. Ganhou a Coppa Ali della Vittoria.
  • 2008-09 - 16º colocado na Serie A.
  • 2009-10 - 14º colocado naSerie A.
  • 2010-11 - 11º colocado na Serie A.
  • 2011-12 - 10º colocado na Serie A.
  • 2012-13 - 12º colocado na Serie A.
  • 2013-14 - Disputando a Serie A.

Jogadores[editar | editar código-fonte]

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 17 de setembro de 2012.[7]

  • Capitão Atual capitão
  • Emprestado. Jogador Emprestado
Goleiros
1 Itália Christian Puggioni
18 Itália Lorenzo Squizzi
23 Itália Sergio Viotti
54 Itália Stefano Sorrentino
Defensores
2 Itália Dario Dainelli
3 Itália Marco Andreolli
12 Eslovénia Boštjan Cesar
20 Itália Gennaro Sardo
21 França Nicolas Frey
26 Eslováquia Pavol Farkaš
33 Roménia Paul Papp
93 Senegal Boukary Dramé
Meio-campistas
5 Itália Roberto Guana
6 Itália Marco Rigoni
8 Peru Rinaldo Cruzado
10 Brasil Luciano
14 Gana Isaac Cofie
16 Itália Luca Rigoni
22 Itália Francesco Dettori
25 República Checa Kamil Vacek
56 Finlândia Përparim Hetemaj
Atacantes
9 Itália Davide Moscardelli
11 Mali Mamadou Samassa
17 Itália David Di Michele
31 Itália Sergio Pellissier Capitão
39 Roménia Adrian Stoian
43 Itália Alberto Paloschi Emprestado
77 França Cyril Théréau
Técnico
Itália Domenico Di Carlo


Capitães[editar | editar código-fonte]

Jogadores notórios[editar | editar código-fonte]

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • 2ª Divisione Veneta: 4
(1951, 1965, 1968, 1969)
  • Promozione Veneta: 1
(1975)
(1985-86)
(1988-89)
(1993-94)
(2007-08)

Referências

  1. Come raggiungere lo stadio. ChievoVerona.tv. Página visitada em 19 de dezembro de 2011.
  2. Chievo in A: i `Mussi` tornano a volare (em italiano). Yahoo! Sport (25 de maio de 2007). Página visitada em 30 de abril de 2012.
  3. Chievo. Loucos pelo Calcio. Página visitada em 16 de outubro de 2011.
  4. Il Chievo paga con una risata (em italiano). La Gazzetta dello Sport (28 de agosto de 2001). Página visitada em 30 de abril de 2012.
  5. Il Chievo modello esportazione al battesimo europeo (em italiano). Corriere della Sera (19 de setembro de 2002). Página visitada em 30 de abril de 2012.
  6. Che Pellissier! Il Chievo fa 100 Brescia a pezzi, torna Iachini (em italiano). La Gazzetta dello Sport (30 de janeiro de 2011). Página visitada em 30 de abril de 2012.
  7. Rosa 2011/12. ChievoCalcio.tv. Página visitada em 12 de julho de 2012.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Associazione Calcio ChievoVerona
Bandeira de ItáliaSoccer icon Este artigo sobre clubes de futebol italianos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.