Instituto Federal de São Paulo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
IFSP
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo
Logotipo IFET.svg
Fundação 23 de setembro de 1909
29 de dezembro de 2008 (transformação em IFSP)
Tipo de instituição Pública Federal
Reitor(a) Eduardo Modena
Estado São Paulo
Página oficial http://www.ifsp.edu.br/
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia São Paulo (IFSP), antigo Centro Federal de Educação Tecnológica de São Paulo (CEFET/SP) e antiga Escola Técnica Federal de São Paulo, é uma instituição que oferece educação de níveis superior, básico e profissionalizante, de forma pluri curricular. É uma instituição multicampi, especializada na oferta de educação profissional e tecnológica nas diferentes modalidades de ensino, com base na conjugação de conhecimentos técnicos e tecnológicos às suas práticas pedagógicas. Possui excelência em seus cursos de graduação, sendo principalmente a área de física e engenharia as que mais se destacam, por serem reconhecidas internacionalmente pelo alto nível de qualidade. 1

Histórico[editar | editar código-fonte]

O IFSP é uma instituição federal, pública, vinculada diretamente ao Ministério da Educação.

A história do IFSP registra, em suas diversas fases, além da manutenção de educação pública de qualidade a oferta de formação profissional orientada ao desenvolvimento econômico brasileiro, especialmente no Estado de São Paulo.

Como Escola de Aprendizes e Artífices, criada em 1909, teve seu projeto voltado para a formação de operários e contramestres.

Nos anos de 60 a 90, como Escola Técnica Federal de São Paulo, formou técnicos de nível médio, inicialmente para as áreas de Mecânica e Edificações, depois para Eletrotécnica, Eletrônica, Telecomunicações, Processamento de Dados e Informática Industrial.


Em 1987 a Escola inaugura sua segunda unidade, localizada no município de Cubatão, litoral paulista, e, em 1996, a terceira unidade, em Sertãozinho, no interior do Estado.2

Nesse último período, houve o reconhecimento público da Escola Técnica Federal de São Paulo pelo excelente preparo profissional de seus alunos. Registre-se o fato de que, até hoje, ela ainda é conhecida popularmente como Escola Técnica Federal ou Federal de São Paulo.

A partir do ano 2000, já consolidada sua transformação em Centro Federal de Educação Tecnológica, houve a remodelação e a expansão da oferta de ensino da instituição.

Em 2005 houve a implantação da Unidade de Guarulhos, 2006 as Unidades de Caraguatatuba e São João da Boa Vista, 2007 as Unidades de Salto e Bragança Paulista e em 2008 as Unidades de São Carlos e São Roque.

Em 2009 houve a transformação para Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo.

Atualmente, com aproximadamente 8.000 alunos matriculados, o IFSP atua nos seguintes níveis e modalidades:

Ensino Médio Integrado, Cursos de Engenharia, Cursos de Tecnologia, Cursos de Licenciatura, Cursos de Pós-Graduação e Cursos Técnicos.

No ano de 2009 o ensino médio alcançou a 35º posição das melhores escolas do país no ENEM, e ficou como a melhor escola pública do Estado de São Paulo.

Transformação[editar | editar código-fonte]

Em 2007 o Governo Federal lançou a Chamada Pública MEC/SETEC n.º 002/2007, com o objetivo de analisar e selecionar propostas de constituição de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia – IFETs, assim o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo foi criado, de acordo com a Lei 11.892/2008, mediante transformação do Centro Federal de Educação Tecnológica de São Paulo. Sua Reitoria está instalada no município de São Paulo.

Ensino[editar | editar código-fonte]

Formação Profissional Inicial e Continuada[editar | editar código-fonte]

Cursos de Qualificação Profissional nas áreas de
  • Informática Básica
  • Construção Civil
  • Metal-Mecânica
  • Eletrônica
  • Eletrotécnica
  • Também são oferecidos alguns cursos de curta duração, ministrados em parceria com a iniciativa privada.

Nível técnico[editar | editar código-fonte]

São oferecidos Cursos Técnicos nas diversas áreas da
  • Construção Civil
  • Indústria
  • Informática e Telecomunicações
  • Agroindústria e Agronegócio

Nível superior[editar | editar código-fonte]

Superiores de Tecnologia
  1. Tecnologia em Alimentos
  2. Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  3. Tecnologia em Automação Industrial
  4. Tecnologia em Biocombustível
  5. Tecnologia em Eletrônica Industrial
  6. Tecnologia em Fabricação Mecânica
  7. Tecnologia em Gestão Ambiental
  8. Tecnologia em Gestão da Produção Industrial
  9. Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos
  10. Tecnologia em Gestão de Turismo
  11. Tecnologia em Mecatrônica Industrial
  12. Tecnologia em Manutenção de Aeronaves
  13. Tecnologia em Processos Gerenciais
  14. Tecnologia em Sistemas Elétricos
  15. Tecnologia em Sistemas Eletrônicos
  16. Tecnologia em Sistemas para Internet
Bacharelados
  1. Administração
  2. Arquitetura e Urbanismo
  3. Engenharia Civil
  4. Engenharia de Controle e Automação
  5. Engenharia de Produção
  6. Engenharia Mecânica
  7. Engenharia Eletrônica
Licenciaturas
  1. Licenciatura em Ciências Biológicas/Biologia
  2. Licenciatura em Física
  3. Licenciatura em Letras
  4. Licenciatura em Geografia
  5. Licenciatura em Matemática
  6. Licenciatura em Química

Pós Graduação[editar | editar código-fonte]

  • Lato Sensus (Especialização) 3
  • Stricto Sensus (Mestrado) 4

Desenvolvimento de Pesquisa Tecnológica[editar | editar código-fonte]

O IFSP realiza pesquisas aplicadas, estimulando o desenvolvimento de soluções tecnológicas, o empreendedorismo, o desenvolvimento científico e tecnológico e o pensamento reflexivo através de programas de:

Campi[editar | editar código-fonte]

Ingresso[editar | editar código-fonte]

Vestibular[editar | editar código-fonte]

O Vestibular do IFSP é realizado duas vezes ao ano. As inscrições ocorrem, normalmente, nos meses de maio e outubro e a aplicação das provas acontece em junho e dezembro. Dependendo das especificidades do curso, podem ocorrer outros processos de classificação.

SiSU[editar | editar código-fonte]

O IFSP destina todas as suas vagas no ensino superior através do SiSU, possibilitando aos estudantes que realizarem o Enem inscrever-se nestas vagas.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências