Palácio dos Carrancas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Palácio dos Carrancas, Porto.

O Palácio dos Carrancas localiza-se na freguesia de Miragaia, na cidade e Distrito do Porto, em Portugal. Atualmente alberga o Museu Nacional de Soares dos Reis.

História[editar | editar código-fonte]

O palácio foi construído a partir de 1795, para habitação e fábrica dos Morais e Castro - família de prósperos negóciantes, de alcunha Carrancas. O seu risco é, tradicionalmente, atribuído a Joaquim da Costa Lima Sampaio, que participou em obras como a Feitoria Inglesa e o Hospital de Santo António, da autoria de John Carr.

Em 1861 o palácio foi adquirido por Pedro V de Portugal para servir de alojamento aos soberanos em visita ao norte do país. Embora necessitado de obras de reparação e melhoramentos, o edifício não sofreu alterações significativas, excetuando a extinção das instalações da fábrica.

Excetuando as visitas soberanas, o palácio encontrava-se praticamente vazio, situação que se agravou com a Implantação da República Portuguesa (1910).

Manuel II de Portugal, no seu testamento, datado de 1915, determina a entrega do palácio à Santa Casa da Misericórdia, para que nele se instalasse um hospital. O Estado adquiriu o palácio à Misericórdia para sede do Museu Nacional de Soares dos Reis, que foi inaugurado em 1942.

A partir de 1992 o palácio sofreu uma profunda remodelação e expansão, com projeto de autoria do arquiteto Fernando Távora, concluída em 2001.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Património, integrado no Projecto Grande Porto é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.