Portal:Conservadorismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo · Temas gerais · Resumo do conhecimento · Portais · Categorias · Anexos por tema · Glossários · Índice A-Z

Cartella blu.jpg
Edmund Burke2.jpg
ver    

O objetivo deste portal é servir de suporte para o conjunto de artigos da Wikipedia que tratem de assuntos ligados a pensamentos conservadores

O conservadorismo ou conservantismo é um termo usado para descrever posições político-filosóficas, alinhadas com o tradicionalismo e a transformação gradual, que em geral se contrapõem a mudanças abruptas (cuja expressão máxima é o conceito de revolução) de determinado marco econômico e político-institucional ou no sistema de crenças, usos e costumes de uma sociedade.Leia mais...→

Os dez princípios[editar | editar código-fonte]

Dez Princípios Conservadores Por Russel Kirk:

  • Primeiro, um conservador crê que existe uma ordem moral duradoura.
  • Segundo, o conservador adere ao costume, à convenção e à continuidade.
  • Terceiro, os conservadores acreditam no que se poderia chamar de princípio do preestabelecimento.
  • Quarto, os conservadores são guiados pelo princípio da prudência.
  • Quinto, os conservadores prestam atenção no princípio da variedade.
  • Sexto, os conservadores são refreados pelo princípio da imperfectibilidade.
  • Sétimo, conservadores estão convencidos que liberdade e propriedade estão intimamente ligadas.
  • Oitavo, os conservadores promovem comunidades voluntárias, assim como se opõem ao coletivismo involuntário.
  • Nono, o conservador percebe a necessidade de uma prudente contenção do poder e das paixões humanas.
  • Décimo, o pensador conservador compreende que a estabilidade e a mudança devem ser reconhecidas e reconciliadas em uma sociedade robusta.
Edmund Burke, pioneiro do pensamento conservador

Cartella blu.jpg
Nuvola filesystems services.png
ver    
12-03-06-cebit-eroeffnung-angela-merkel-20.jpg

Angela Dorothea Merkel GCIH (Hamburgo, 17 de Julho de 1954; pronúncia em alemão AFI[aŋˈɡeːla doʁoˈteːa ˈmɛʁkəl] Ltspkr.png ouça) é uma cientista e política alemã, desde 2005 Chanceler da Alemanha e líder do partido União Democrata-Cristã (CDU) desde 2000. Foi descrita como a líder de facto da União Europeia e atualmente é referida pela revista Forbes como a segunda pessoa mais poderosa do mundo, a mais alta posição já alcançada por uma mulher. Como política mulher pertencente a um partido de centro-direita e que também é uma cientista, Merkel tem sido comparada na imprensa de língua inglesa com a ex-primeira-ministra britânica Margaret Thatcher. Alguns têm se referido a ela como "Dama de Ferro", "Garota de Ferro", e até "A Frau de Ferro" (todos aludindo a Thatcher, cujo apelido era "A Dama de Ferro", além de também ter diploma científico, uma licenciatura em química em Oxford). Comentaristas políticos têm debatido quão semelhantes são suas agendas. Leia mais...→

Cartella blu.jpg
Edmund Burke2.jpg
ver    
Sarah Palin Kuwait Crop2.jpg

Sarah Louise Heath Palin (Sandpoint, 11 de fevereiro de 1964) é uma política, jornalista e ex-modelo dos Estados Unidos da América, governadora do estado do Alasca entre dezembro de 2006 e julho de 2009, célebre por ter sido candidata a vice-presidente dos Estados Unidos da América como running mate de John McCain pelo Partido Republicano, na eleição presidencial de 2008. Sarah foi membro do conselho da cidade de Wasilla, no Alasca, de 1992 a 1996 e prefeita da cidade de 1996 a 2002. Após uma campanha mal-sucedida para governadora do Alasca em 2002, ela presidiu a Alaska Oil and Gas Conservation Commission (Comissão de Conservação de Gás e Petróleo do Alasca) de 2003 a 2004. Sarah foi eleita governadora do Alasca em novembro de 2006, sendo a primeira mulher e a pessoa mais jovem a ocupar o cargo. Leia mais...→