Sexualidade humana masculina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A página está num processo de expansão ou reestruturação.
Esta página está a atravessar um processo de expansão ou reestruturação. A informação presente poderá mudar rapidamente, podendo conter erros que estão a ser corrigidos. Todos estão convidados a dar o seu contributo e a editar esta página. Caso esta não tenha sido editada durante vários dias, retire esta marcação.

Esta página foi editada pela última vez por 179.192.23.135 (D C) 3 meses atrás. (Recarregar)

A sexualidade humana masculina abrange uma ampla gama de questões, sobre o sexo masculino e os desejos e comportamentos sexuais, bem como os aspectos fisiológicos, psicológicos, sociais, culturais, espirituais, políticos e aspectos religiosos da sexualidade masculina. Vários aspectos da sexualidade masculina, como parte da sexualidade humana, também foram abordadas pelos princípios da ética, da moralidade e da teologia. Tendo em vista que a sexualidade é a predisposição ao sexo (ou co-relações) podemos notar que a sexualidade masculina é definida pelo meio social, a exemplo da poligamia em países orientais ser tida como natural, enquanto na maioria dos países ocidentais é tida como crime. Logo, a sexualidade de um jovem oriental tende a ser poligamista.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre sexo ou sexualidade é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.