Iron Fist (1.ª temporada)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Iron Fist (1.ª temporada)
Pôster promocional
Informações
Elenco
País de origem  Estados Unidos
de episódios 13
Exibição
Lançamento 17 de março de 2017 (2017-03-17)
Cronologia das temporadas
Anterior Próxima
2.ª temporada
Lista de episódios de Iron Fist

A primeira temporada da série de web televisão norte-americana Iron Fist, baseada no personagem homônimo da Marvel Comics, segue Danny Rand, um especialista em artes marciais com a habilidade de invocar o poder místico do Punho de Ferro, quando ele retorna a Nova York após ser dado como morto por 15 anos e deve escolher entre o legado de sua família e seus deveres como o Punho de Ferro. É situada no Universo Cinematográfico Marvel, compartilhando continuidade com os filmes e outras séries de televisão da franquia. A temporada foi produzida pela Marvel Television em associação com a ABC Studios e a Devilina Productions, com o criador Scott Buck servindo como showrunner.

Finn Jones estrela como Rand, ao lado de Jessica Henwick, Tom Pelphrey, Jessica Stroup, Sacha Dhawan, Ramón Rodríguez, Rosario Dawson e David Wenham. O desenvolvimento da série começou no final de 2013 na Marvel Television, com Buck contratado como showrunner da série em dezembro de 2015 e Jones escalado como Rand em fevereiro de 2016. As filmagens começaram em Nova York em abril de 2016 e foram concluídas em outubro de 2016. O background de artes marciais do personagem também é explorado, e cada episódio é nomeado conforme técnicas de Shaolin Kung Fu. Como a última temporada da Marvel/Netflix a ser lançada antes da minissérie The Defenders, apresenta pontos de partida para esse evento e referências as temporadas das outras séries.

A temporada estreou em 15 de março de 2017, em Nova York, com a temporada completa de 13 episódios lançados na Netflix em 17 de março. Recebeu críticas negativas dos críticos, particularmente por seu ritmo e narrativa, e a atuação de Jones. As sequências de luta da temporada foram criticadas como um elemento importante que foi mal representado, coreografado e editado. Por outro lado, a perfomance de Henwick e o uso dos personagens estabelecidos Claire Temple e Jeri Hogarth receberam alguns elogios. A série teve uma alta audiência e foi renovada para uma segunda temporada em julho de 2017.[1]

Elenco e personagens[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de personagens de Iron Fist

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2013, a Marvel e a Disney anunciaram que a Marvel Television e a ABC Studios iriam fornecer a Netflix com séries em live-action centradas em Punho de Ferro, Demolidor, Jessica Jones e Luke Cage, levando a uma minissérie baseada nos Defensores.[20] Este formato foi escolhido devido ao sucesso de The Avengers, para o qual os personagens de Homem de Ferro, Hulk, Thor e Capitão América foram todos introduzidos separadamente antes de serem unidos no filme.[21] Em abril de 2015, o título oficial foi revelado como Marvel's Iron Fist, e em dezembro a Marvel anunciou que Scott Buck atuaria como showrunner.[22] John Dahl, Cindy Holland, Allie Goss, Alison Engel, Kris Henigman, Alan Fine, Stan Lee, Joe Quesada, Dan Buckley, Jim Chory, Jeph Loeb e Buck atuam como produtores executivos na série.[23]

Escrita[editar | editar código-fonte]

Cada episódio da temporada é nomeado conforme técnicas de Shaolin Kung Fu.[24][25] Quesada afirmou em julho de 2016 que "há muita coisa acontecendo" na temporada."[26] Buck comparou Iron Fist a um mistério, dizendo: "É muito sobre como você prova quem você é quando não há como fazer isso, e essa não é apenas a história, é também o tema dela".[27] A temporada começa com Danny Rand retornando a Nova York depois de ter desaparecido, supostamente morto, por 15 anos. Buck disse que grande parte da temporada foi "uma jornada para se encontrar ... em termos do que ele quer ser até onde como 'Quem é Danny Rand? O que é o Punho de Ferro?' e então, 'Como essas coisas acontecem?'." Loeb descreveu a estrutura da temporada como construção "através de uma série de lutas metafóricas, que é muito importante em um filme de artes marciais, para mostrar como o personagem precisa crescer de uma pessoa inocente e de olhos arregalados para alguém que tem que lidar com 'esse é o como o mundo exterior funciona—como vou fazer isso funcionar para mim?'".[28]

Continuando com a ideia das séries anteriores da Marvel/Netflix de que a cidade de Nova York é um "quinto Defensor", Loeb disse que a temporada examinaria o mundo financeiro de Nova York, examinando "o 1% do 1% e como isso afeta nosso mundo no dia-a-dia ... corporação de alto nível, Big Pharma, coisas assim."[27] O ator Finn Jones acrescentou que a temporada examinou "corrupção corporativa e responsabilidade corporativa no mundo moderno, e ... quanto as corporações têm impacto na sociedade? E o que realmente vemos no programa é a epidemia de heroína da cidade, e como as corporações podem realmente financiar a epidemia de heroína e o que isso significa para a sociedade."[29] Em termos de Rand vestindo um traje baseado nos quadrinhos na temporada, Buck declarou: "Não havia uma boa razão para imaginar Danny Rand em um uniforme. Porque Danny Rand ainda está descobrindo quem ele é como herói e e onde ele vai estar, então ele ainda não está pronto para colocar uma máscara ou um traje. Ao mesmo tempo, ele é alguém que é bastante conhecido como um bilionário, então ele não pode necessariamente sair em público e fazer o coisas que ele faz sem ser reconhecido. Isso se torna um problema para o personagem."[30]

Escolha do elenco[editar | editar código-fonte]

O elenco principal da temporada inclui Jones como Danny Rand / Punho de Ferro,[2][3] Jessica Henwick como Colleen Wing,[4] Tom Pelphrey como Ward Meachum,[5] Jessica Stroup como Joy Meachum[5] Ramón Rodríguez como Bakuto,[6] Sacha Dhawan como Davos,[7] Rosario Dawson como Claire Temple[8] e David Wenham como Harold Meachum.[9] Dawson reprisa seu papel de séries anteriores da Marvel/Netflix.[8]

Recorrentes ao longo da temporada são David Furr como Wendell Rand, pai de Danny;[10] Barrett Doss como Megan, uma secretária da Rand Enterprises; Alex Wyse] como Kyle, assistente pessoal de Harold Meachum;[10] e Ramon Fernandez como Kevin Singleton, guarda-costas de Harold Meachum.[14] Wai Ching Ho retorna quando Gao, reprisando seu papel de Daredevil,[13] e Marquis Rodriguez aparece como Darryl, reprisando seu papel de Luke Cage.[12] Clifton Davis,[10] John Sanders[15] e Elise Santora[16] interpretam Lawrence Wilkins, Donald Hooper e Maria Rodriguez, respectivamente, membros do conselho da Rand Enterprise. Também retornando de séries anteriores da Marvel/Netflix estão Carrie-Anne Moss como Jeri Hogarth,[17] Tijuana Ricks como Thembi Wallace[18] e Suzanne H. Smart como Shirley Benson.[19]

Figurino[editar | editar código-fonte]

Stephanie Maslansky é a figurinista de Iron Fist, depois de ter desempenhado o mesmo papel para as séries anteriores da Marvel/Netflix. Maslansky notou que uma das diferenças com a temporada em comparação com as outra séries da Marvel/Netflix, foram os bairros onde a história se passou ("os bairros mais ricos; Midtown Manhattan, Upper East Side, esse tipo de coisa") comparado a Hell's Kitchen para Daredevil e Jessica Jones e o Harlem para Luke Cage. Como tal, Rand usa mais ternos que os outros heróis, e dada a quantidade de combates que ele faz na temporada, muito elastano foi adicionado para aumentar a flexibilidade dos ternos.[31] O visual de Rand evolui ao longo da temporada, com Maslansky observando: "Quando nos encontramos pela primeira vez com ele, ele claramente viajou muito. Eu queria que as pessoas olhassem para Danny e não soubessem exatamente o que ele era. Um mochileiro, ou um homem sem lar. Seu visual precisava refletir uma variedade de cultura." Uma vez que Rand entra no mundo corporativo, ele se instala no estilo "Urban Cali", que é "um pouco mais solto, um pouco mais descontraído. Mas ainda é um terno. Sua gravata nunca é bem amarrada e ele sempre usa tênis." Este estilo descontraído para Rand também forneceu "um forte contraste" para Ward Meachum, que é uma "pessoa muito mais corporativa."[32] Os trajes de monge e o traje de guerreiro de Rand foram baseados em "verdadeiros trajes de monge guerreiro Shaolin ... aquela silhueta distinta da roupa do monge guerreiro Shaolin, e nós a combinamos com as cores tradicionais do Punho de Ferro, verde e dourado."[33] Em relação a Gao, Maslansky declarou "Sua aparência particular é influenciada pela China antiga", particularmente ao Exército de terracota e progride ainda mais o visual de "vilania" das séries da Marvel/Netflix de "se cercar de [dinheiro], com coisas bonitas."[32]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

A Marvel anunciou em fevereiro de 2014 que a série seria filmada em Nova York.[34] As filmagens começaram em abril de 2016, com o título de produção Kick.[35][36] Manuel Billeter atuou como diretor de fotografia depois de fazer o mesmo nas primeiras temporadas de Jessica Jones e Luke Cage.[37]

Os locais de filmagem incluíram o Mariners Harbor e o Sailors' Snug Harbor no Staten Island,[38][39] que serviu como complexo de Bakuto; 28 Liberty Street para o exterior da Rand Enterprises, enquanto alguns interiores foram filmados no MetLife Building; 19 Gramercy Park South para a casa de Joy Meachum; City Hall Park; Chinatown, incluindo a Mott Street; o vestíbulo do General Electric Building para a cobertura de Harold Meachum; a Ponte de Manhattan; Green-Wood Cemetery; Bank of America Tower; Bryant Park; a Suíte Presidencial no InterContinental New York Barclay Hotel, servindo como apartamento temporário de Rand; o restaurante STK Midtown; Brooklyn Navy Yard; Pelham Bay Park; a Ponte Bayonne, que foi usada para representar Anzhou, China; e Sutton Place Park. As filmagens foram encerradas em 8 de outubro de 2016.[8]

Iron Fist foi filmada em alta faixa dinâmica (HDR), que Billeter afirmou ter adicionado "uma curva de aprendizagem" ao seu trabalho, forçando-o a repensar como ele iria filmar certas cenas, como luzes de carros ou luzes de rua, que se tornam muito mais brilhantes em HDR do que antes. Para compensar, as luzes seriam pintadas no set para ajudar a "reduzir os realces". A fornecedora de pós-produção Deluxe trabalhou na temporada para ajustar as cores que a equipe de filmagem não teve a chance de ajustar no set.[40]

Treinamento de luta e coreografia[editar | editar código-fonte]

Brett Chan foi o coordenador de dublês, coreógrafo de lutas e diretor de segunda unidade da temporada, tendo "total envolvimento em todos os episódios". Buck queria que os combates na série fossem principalmente Wing Chun, mas com os estilos de animais de kung fu também, e Chan trabalhou ao lado de Buck e outros executivos da Marvel durante o desenvolvimento das lutas. Como diretor de segunda unidade, a quantidade de informações criativas que Chan tinha dependia do diretor episódico com quem ele estava trabalhando. Chan foi influenciado pelas obras de Shaw Brothers, Jackie Chan, Stephen Chow, Bruce Lee e Yuen Woo Ping, mas evitou ser "flutuante ou parecido com um fio" por um pedido da Marvel; o trabalho com fios e CGI foram usados minimamente nas lutas.[41]

Chan trabalhou de perto com Jones durante a preparação inicial da temporada, mas durante as filmagens passou a maior parte do tempo coreografando sequências ou trabalhando no set.[41] Chan notou que Jones tinha uma agenda muito ocupada, e foi difícil encontrar tempo para treiná-lo em artes marciais, o que Chan sente que é "um estilo de vida" e "não é algo que você pode simplesmente pegar, ou treinar de vez em quando. É algo em que você precisa estar realmente envolvido." Ele observou que Henwick treinou por seis horas todos os dias, independentemente de ela estar programada para treinar naquele dia ou se ela estivesse filmando.[42] Jones explicou que ele tinha três semanas antes das filmagens começarem para treinar para a temporada,[43] durante as quais ele passaria duas horas e meia por dia treinando em artes marciais antes de fazer musculação à tarde.[44] Uma vez que as filmagens começaram, Jones teve um dia e meio durante os fins de semana em que ele poderia continuar seu treinamento, e de outra forma ele teria que aprender coreografia de luta 15 minutos antes de filmar uma sequência de ação. Ele descreveu esse processo como "um batismo de fogo e eu acabei de aprender no trabalho."[43]

Música[editar | editar código-fonte]

Os produtores executivos queriam que a trilha sonora se sentisse moderna, e o compositor Trevor Morris concordou em não usar uma orquestra. Ele tentou alguns instrumentos para representar a influência asiática na série, mas estes foram considerados "muito tradicionais" pelos produtores. Apenas algumas flautas japonesas "fortemente afetadas" foram usadas em última instância.[45] Morris também procurou evitar o uso de temas para diferentes personagens de uma maneira tradicional. Ele escreveu um tema para Rand, que é ouvido na sequência do título da série, assim como um tema para o Tentáculo, mas em geral se focou na música ambiente.[46] As músicas adicionais ouvida na temporada inclui "So Fresh, So Clean" de Outkast, "Krystal Karrington" de Camp Lo, "Heat of the Moment" de Killah Priest, "Black Mags" de The Cool Kids, "Hang N 'Bang" de Vince Staples, "Blockbuster Night, Pt. 1" de Run the Jewels,[47] e música de A Tribe Called Quest.[48]

Um álbum da trilha sonora com a partitura de Morris foi lançado pela Marvel Music digitalmente em 17 de março de 2017, coincidindo com o lançamento da temporada. Também está incluído o single do álbum "Come Down", de Anderson .Paak.[49] Todas as músicas de Trevor Morris, exceto onde indicado:[49]

Conexões com o Universo Cinematográfico Marvel[editar | editar código-fonte]

Sobre trabalhar em torno de outra série da Marvel/Netflix, Buck descreveu "uma boa quantidade de liberdade", mas "por estarmos caminhando para The Defenders, temos que deixar nossa série em um lugar muito específico com nosso personagem, porque nós plantamos sementes e histórias que irão se concretizar em The Defenders. Tem que haver muita cooperação entre todos os diferentes showrunners das "séries" para esse aspecto. "Mas além disso," continuou ele, "trabalhamos distintamente por conta própria."[50]

A temporada faz referências ao Hulk, Stark Industries, Jessica Jones, Demolidor, Luke Cage e Prisão Seagate,[51] e menciona a gangue de motoqueiros Dogs of Hell, o editor-chefe Mitchell Ellison e a repórter Karen Page do New York Bulletin,[52] Roxxon Corporation e Midland Circle.[53][54] A temporada também faz referências aos eventos de The Avengers.[51] Os eventos da segunda temporada de Daredevil, como o ataque do Tentáculo ao Metro General Hospital, são notados durante toda a temporada,[51] e a instalação de drenagem de sangue do Tentáculo daquela temporada também é vista.[54]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

A primeira temporada de Iron Fist foi lançada em 17 de março de 2017, no serviço de streaming Netflix em todo o mundo,[55] em Ultra HD 4K e HDR.[56][40]

Marketing[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2016, Buck e o elenco principal da temporada promoveram a temporada na New York Comic-Con, lançando cenas exclusivas da temporada e o primeira exibição do primeiro trailer.[8] No início de fevereiro de 2017, o trailer oficial da temporada foi lançado.[13] David Betancourt, reagindo ao trailer para o The Washington Post, comparou a história que se apresenta à de Batman Begins (2005) e questionou o fato de que o traje dos quadrinhos do Punho de Ferro não foi mostrado.[57] Em 15 de março de 2017, a temporada estreou no Tribeca Performing Arts Center, em Nova York.[58][59]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Audiência[editar | editar código-fonte]

A Netflix não revela números de audiência de assinantes, mas a Parrot Analytics determinou que a temporada gerou mais de 63 milhões de "expressões de demanda" em seu pico, atrás apenas dos 69 milhões de Luke Cage em termos de todas as séries da Marvel/Netflix, com Parrot calculando expressões "avaliando streaming de vídeo, compartilhamento P2P, bate-papo social e muito mais."[60] 7Park Data, que mede o número de transmissões em serviços de vídeo por assinatura, determinou que Iron Fist seria a estréia mais assistida pela Netflix em 2017 com 54,7 % dos fluxos de Iron Fist em 17 de março de 2017 sendo de três episódios ou mais. A pontuação média foi de 46,9%. 7Park Data também determinou que Iron Fist foi responsável por 14,6% de todos os fluxos da Netflix em sua data de estreia, o maior percentual de qualquer estreia da série medido pela empresa, incluindo estreias da anteriores da Marvel/Netflix.[61]

Parrot revelou mais tarde que a demanda para Iron Fist, uma semana depois do lançamento, caiu pela metade. Esta foi a maior queda na retenção de uma série da Marvel/Netflix, indicando "que as pessoas começaram a assistir a série nos primeiros dias e depois não voltaram para terminar a temporada no próximo fim de semana."[62] A empresa de análise de marketing Jumpshot determinou que a temporada foi a terceira temporada mais assistida da Netflix nos primeiros 30 dias após sua estreia, conquistando 28% dos telespectadores que a segunda temporada de Daredevil recebeu, que foi considerada pela empresa a mais assistida. O Jumpshot, que "analisa dados de fluxo de cliques de um painel on-line de mais de 100 milhões de consumidores", analisou o comportamento de exibição e a atividade dos membros da empresa nos EUA, fatorando no número relativo de espectadores norte-americanos que assistiram a pelo menos um episódio da temporada.[63][64]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

O protagonista da série, Finn Jones (esquerda), foi criticado por sua atuação, mas Jessica Henwick (direita) foi amplamente elogiada pela dela.

O site agregador de críticas Rotten Tomatoes relatou um índice de aprovação de 19% com uma nota média de 4.2/10 com base em 72 análises. O consenso crítico do site diz: "Apesar de alguns momentos promissores, Iron Fist é sobrecarregada por uma ausência de momentum e originalidade."[65] Metacritic, que usa um média ponderada, atribuiu uma pontuação de 37 em 100 com base em comentários de 21 críticos, indicando "geralmente avaliações desfavoráveis".[66]

Revisando os seis primeiros episódios da temporada, Daniel Fienberg do The Hollywood Reporter considerou Iron Fist o "primeiro grande passo em falso" para a Marvel e a Netflix, sem a "autenticidade no nível da rua" que as séries anteriores tiveram. Fienberg achou que Jones não foi capaz de elevar o material, passando a ser "um menino de fraternidade mimado". Ele disse que a temporada carecia de arquétipos de personagem básicos, como "um adversário digno do nosso herói", alívio cômico ou uma "voz de autoridade sábia."[67] Maureen Ryan da Variety fez uma crítica negativa para os dois primeiros episódios, chamando os episódios de "ferozmente entediantes" e "inessenciais". Depois de criticar o ritmo, a ação, a caracterização geral, o design de produção, a cinematografia e os diálogos, Ryan sugeriu que Henwick deveria ter sido a estrela da temporada em vez de Jones.[23]

Rob Sheffield da Rolling Stone criticou a atuação de Jones, chamando-a de "totalmente desprovida de carisma, mais filhote do que lobo solitário". Ele também sentiu que o personagem estava faltando humor e turbulência interna."[68] Allison Keene do Collider premiou a temporada com 3 estrelas vendo os primeiros seis episódios. Ela disse que a temporada teve um bom elenco e uma ótima história de origem, mas teve um "ritmo glacial" e edição instável. Ela achou Jones encantador, mas concordou com Fienberg que a temporada estava faltando um vilão. Em sua resenha para o Screen Crush, Kevin Fitzpatrick declarou: "Iron Fist precisava ser muito mais esquisita do que realmente é, semelhante a como Doutor Estranho (2016) essencialmente recontou a história de Homem de Ferro (2008) com recursos visuais e personagens de apoio excêntricos suficientes para revelar quaisquer deficiências. Iron Fist começa a mostrar sinais de vida em seu sexto episódio ... mas o esforço em chegar lá é uma pergunta muito grande, especialmente quando a grande maioria dos personagens principais [são tão] subdesenvolvidos." Fitzpatrick sentiu que Colleen Wing foi a melhor dos personagens e elogiou a atuação de Henwick.[69]

Alan Sepinwall do Uproxx sentiu dos seis primeiros episódios, "É facilmente a pior das séries da Netflix e Marvel", criticando o ritmo e o "miscasting" de Jones. Ele foi mais positivo sobre os papéis de Moss e Dawson. Sepinwall concluiu, "o maior problema com a nova séie é que ninguém envolvido parece ter qualquer tipo de exame do material. Eles estão apenas fazendo uma adaptação na maior parte fiél, mas livre de personalidade, porque alguém na Marvel decidiu, há quatro anos, que Danny tinha que estar [em The Defenders, e como resultado,] nós temos uma série que é tão sem vida que eu não tenho interesse em terminar a temporada."[70] Dan Jolin também deu 3 estrelas de 5 em sua resenha para Empire. Ele sentiu que foi benéfico Iron Fist ter sido lançada após Doutor Estranho ter introduzido ao MCU "toda a sua bagagem mística oriental", e chamou Iron Fist "uma presença fresca" em comparação com o "heroísmo melancólico e conflituoso" dos outros Defensores. Jolin criticou que Buck não tinha "nenhum senso de conexão com o assunto", como showrunners de séries anteriores da Marvel/Netflix tinha, e sentiu que a série não foi boa até o sexto episódio "que você realmente sente as origens das artes marciais" graças ao diretor episódico RZA que "finalmente dá a série um bom senso de talento ... É o suficiente para fazer você desejar que eles o tenham transformado no showrunner". Jolin concluiu: "Iron Fist dá um sabor fantástico ao recanto dos Defensores do MCU, mas precisa de um toque de kung-fu mais adequado do que o que o roteirista Buck permite."[71]

Respondendo as críticas negativas, Jones disse que "essas séries não são feitas para os críticos, são primeiramente e acima de tudo feitas para os fãs ... quando os fãs do mundo Marvel/Netflix e os fãs dos quadrinhos virem a série apenas querendo aproveitar uma série de super-herói, eles vão se agradar muito."[43]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

A temporada foi indicada para Best New Media Superhero Series no Prêmio Saturno de 2018,[72] mas perdeu para The Punisher, da própria Marvel.[73]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Otterson, Joe (21 de julho de 2017). «'Iron Fist' Renewed for Season 2 at Netflix». Variety (em inglês). Consultado em 21 de julho de 2017. Arquivado do original em 22 de julho de 2017 
  2. a b Hibberd, James (25 de fevereiro de 2016). «Game of Thrones actor Finn Jones to play Iron Fist». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 25 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 25 de fevereiro de 2016 
  3. a b Strom, Marc (17 de março de 2016). «Finn Jones to Star in the Netflix Original Series 'Marvel's Iron Fist'» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 17 de março de 2016. Cópia arquivada em 17 de março de 2016 
  4. a b Hibberd, James (1 de abril de 2016). «Marvel's Iron Fist casts The Force Awakens actress in lead role». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 1 de abril de 2016. Cópia arquivada em 1 de abril de 2016 
  5. a b c d Wagmeister, Elizabeth (18 de abril de 2016). «'90210' Alum Jessica Stroup, Tom Pelphrey Join Netflix's 'Marvel's Iron Fist' (Exclusive)». Variety (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2016. Cópia arquivada em 18 de abril de 2016 
  6. a b Polo, Susana (20 de março de 2017). «Who the heck is Iron Fist's Bakuto?». Polygon (em inglês). Consultado em 25 de março de 2017. Cópia arquivada em 25 de março de 2017 
  7. a b Fullerton, Huw (17 de março de 2017). «Meet the major villain Marvel's Iron Fist has been keeping a secret – and the Sherlock actor who's playing him». Radio Times (em inglês). Consultado em 25 de março de 2017. Cópia arquivada em 25 de março de 2017 
  8. a b c d e Damore, Meagan (8 de outubro de 2016). «NYCC: Iron Fist Cast Makes First-Ever Live Appearance» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 9 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 9 de outubro de 2016 
  9. a b «David Wenham Cast in Netflix Original Series 'Marvel's Iron Fist'» (em inglês). Marvel.com. 11 de abril de 2016. Consultado em 11 de abril de 2016. Cópia arquivada em 11 de abril de 2016 
  10. a b c d e f Hornshaw, Phil; Owen, Phil (18 de março de 2017). «31 'Iron Fist' Characters, Ranked Worst to Best (Photos)» (em inglês). Yahoo!. Consultado em 25 de março de 2017. Cópia arquivada em 25 de março de 2017 
  11. Motes, Jason (17 de março de 2017). «Claire Temple Returns In This Clip From 'Iron Fist'» (em inglês). ScienceFiction.com. Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  12. a b Vejvoda, Jim (17 de março de 2017). «Marvel's Iron Fist Episode 2: "Shadow Hawk Takes Flight" Review» (em inglês). IGN. Consultado em 19 de março de 2017. Arquivado do original em 8 de maio de 2017 
  13. a b c Farokhmanesh, Megan (7 de fevereiro de 2017). «Watch Iron Fist punch his way out of trouble with magical martial arts». The Verge (em inglês). Consultado em 7 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 7 de fevereiro de 2017 
  14. a b Mango, Anthony (17 de março de 2017). «MARVEL'S IRON FIST Netflix Season 1 Review - Hits & Misses Breakdown» (em inglês). Fanboys Anonymous. Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  15. a b Paltrowitz, Darren (14 de março de 2017). «Q&A With Broadway's "Groundhog Day" Star John Sanders». Downtown Magazine NYC (em inglês). Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  16. a b Santora, Elise. «Elise Santora – Resume». EliseSantora.com (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  17. a b Strom, Marc (20 de maio de 2016). «Carrie-Anne Moss Joins Netflix Original Series 'Marvel's Iron Fist'» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 20 de maio de 2016. Cópia arquivada em 20 de maio de 2016 
  18. a b TijuanaRicks (17 de março de 2017). «You can see me as #ThembiWallace in @MarvelIronFist on @netflix out today, y'all! #crossover #Marvel #netflix #LukeCage #IronFist» (Tweet) (em inglês). Consultado em 21 de junho de 2017. Cópia arquivada em 21 de junho de 2017 – via Twitter 
  19. a b Thomas, Leah (17 de março de 2017). «The Marvel Easter Eggs In 'Iron Fist' Set Up 'The Defenders' In Big Ways». Bustle (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  20. Lieberman, David (7 de novembro de 2013). «Disney To Provide Netflix With Four Series Based On Marvel Characters». Deadline Hollywood (em inglês). Consultado em 7 de novembro de 2013. Cópia arquivada em 8 de abril de 2014 
  21. Radish, Christina (8 de abril de 2015). «DAREDEVIL Executive Producers Explain How Marvel's Darkest Venture Yet Was Created» (em inglês). Collider. Consultado em 9 de abril de 2015. Cópia arquivada em 9 de abril de 2015 
  22. Strom, Marc (7 de dezembro de 2015). «Scott Buck to Showrun the Netflix Original Series 'Marvel's Iron Fist'» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 7 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 7 de dezembro de 2015 
  23. a b Ryan, Maureen (8 de março de 2017). «TV Review: 'Marvel's Iron Fist' on Netflix». Variety (em inglês). Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 9 de março de 2017 
  24. Iron Fist Will Bring a Lighter Tone to the Marvel / Netflix Series - NYCC 2016 (Notas de mídia) (em inglês). IGN. 8 de outubro de 2016. Consultado em 10 de outubro de 2016 
  25. Golder, Dave (23 de janeiro de 2017). «Iron Fist Episode Titles Inspired By Shaolin Kung Fu Moves» (em inglês). Mym Buzz. Consultado em 29 de julho de 2018. Cópia arquivada em 18 de setembro de 2017 
  26. Dornbush, Jonathon (21 de julho de 2016). «Comic-Con 2016: Iron Fist 'Has Probably More Villains' Than Any Other Marvel/Netflix Show» (em inglês). IGN. Consultado em 22 de julho de 2016. Cópia arquivada em 23 de julho de 2016 
  27. a b Damore, Meagan (14 de outubro de 2016). «Loeb Describes Iron Fist As 'A Very Hard Look At The One Percent'» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 14 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 14 de outubro de 2016 
  28. Damore, Meagan (14 de outubro de 2016). «Carrie-Anne Moss' Jeri Hogarth Will Be 'Very Involved' in Iron Fist» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 15 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 14 de outubro de 2016 
  29. Page, Aubrey (24 de fevereiro de 2017). «'Iron Fist': Finn Jones and Jessica Henwick on Comic Influences & "Inspecting" Racial Stereotypes» (em inglês). Collider. Consultado em 24 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 24 de fevereiro de 2017 
  30. Russell, Bradley (2 de março de 2017). «Netflix's Iron Fist won't be wearing his costume (or even a mask) anytime soon» (em inglês). GamesRadar. Consultado em 3 de março de 2017. Cópia arquivada em 3 de março de 2017 
  31. Di Placido, Dani (6 de março de 2017). «Marvel's 'Iron Fist' Costume Designer Talks Corporate Suits And Monk Robes». Forbes (em inglês). Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 8 de março de 2017 
  32. a b Di Placido, Dani (6 de março de 2017). «Marvel's 'Iron Fist' Costume Designer Talks Corporate Suits And Monk Robes - Page 2». Forbes (em inglês). Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 8 de março de 2017 
  33. Di Placido, Dani (6 de março de 2017). «Marvel's 'Iron Fist' Costume Designer Talks Corporate Suits And Monk Robes - Page 3». Forbes (em inglês). Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 8 de março de 2017 
  34. «Marvel's Netflix Series to Film in New York City» (em inglês). Marvel.com. 26 de fevereiro de 2014. Consultado em 26 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2014 
  35. Lovett, James (15 de dezembro de 2015). «Iron Fist Casting And Production Details Revealed» (em inglês). Comicbook.com. Consultado em 14 de abril de 2016. Cópia arquivada em 15 de abril de 2016 
  36. Li, Shirley (16 de janeiro de 2017). «The Defenders: Finn Jones previews Iron Fist, Danny's team-building role». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 16 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 16 de janeiro de 2017 
  37. «10 Cinematographers to Watch 2016: Manuel Billeter». Variety (em inglês). 20 de abril de 2016. Consultado em 30 de abril de 2016. Cópia arquivada em 30 de abril de 2016 
  38. Priola, Victoria (25 de julho de 2016). «Marvel secretly films 'Iron Fist' in Mariners Harbor». Staten Island Advance (em inglês). Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 28 de julho de 2016 
  39. Priola, Victoria (26 de setembro de 2016). «Marvel's 'Iron Fist' Netflix series filming at Snug Harbor on Staten Island». Staten Island Advance (em inglês). Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 27 de setembro de 2016 
  40. a b Kelly, Samantha Murphy (7 de dezembro de 2016). «Why Netflix's Iron Fist will look different than anything else on TV» (em inglês). CNNMoney. Consultado em 7 de dezembro de 2016 
  41. a b Massari, Christopher (7 de março de 2017). «Interview With IRON FIST Stunt Coordinator Brett Chan». ComicsVerse (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  42. Chawla, Ankita (17 de março de 2017). «'Iron Fist' TV show has lots of martial arts and then some». Scroll.in (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  43. a b c Starkey, Adam (16 de março de 2017). «Marvel Iron Fist's Finn Jones on 'white saviour' controversy and teaming up with Luke Cage in The Defenders». Metro (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  44. Hibberd, James (12 de abril de 2016). «Finn Jones talks Iron Fist (his training is insane)». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  45. Moye, Clarence (22 de março de 2017). «'Iron Fist,' 'Emerald City' Composer Trevor Morris Scores The Yellow Brick Road» (em inglês). Awards Daily. Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 22 de abril de 2017 
  46. Gallaway, Lauren (3 de maio de 2017). «Exclusive Interview with Iron Fist Composer Trevor Morris». The Marvel Report (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  47. Commandeur, Jordan (27 de março de 2017). «Breaking Down The Music Of Iron Fist: Season 1» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 27 de março de 2017. Cópia arquivada em 27 de março de 2017 
  48. Goldman, Eric (8 de outubro de 2016). «NYCC 2016: Tons Of Iron Fist Footage Shows Off Fight Scenes And More» (em inglês). IGN. Consultado em 9 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 9 de outubro de 2016 
  49. a b «Soundtrack for Marvel's 'Iron Fist' to Be Released» (em inglês). Film Music Reporter. 16 de março de 2017. Consultado em 20 de março de 2017. Cópia arquivada em 20 de março de 2017 
  50. Arora, Akhil (7 de dezembro de 2016). «'Danny Rand Is No White Saviour,' Says Marvel's Iron Fist Showrunner» (em inglês). Gadgets 360. Consultado em 8 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 8 de dezembro de 2016 
  51. a b c Commandeur, Jordan (25 de março de 2017). «Iron Fist: 15 Easter Eggs And References» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 26 de março de 2017. Cópia arquivada em 26 de março de 2017 
  52. Dyce, Andrew (20 de março de 2017). «Marvel's Iron Fist: Easter Eggs & Comic References» (em inglês). Screen Rant. Consultado em 26 de março de 2017. Cópia arquivada em 26 de março de 2017 
  53. Leston, Ryan (20 de março de 2017). «Every Iron Fist Easter egg, cameo, and reference you might have missed» (em inglês). GamesRadar. Consultado em 26 de março de 2017. Cópia arquivada em 26 de março de 2017 
  54. a b Bell, Crystal (24 de março de 2017). «6 Essential Iron Fist Spoilers To Know If You Have No Plans To Binge-Watch» (em inglês). MTV News. Consultado em 26 de março de 2017. Cópia arquivada em 26 de março de 2017 
  55. Gallaway, Lauren (4 de outubro de 2016). «Marvel's Iron Fist Announces Release Date» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 4 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 4 de outubro de 2016 
  56. «Marvel's Iron Fist» (em inglês). Netflix. Consultado em 7 de setembro de 2016. Cópia arquivada em 7 de setembro de 2016 
  57. Betancourt, David (7 de fevereiro de 2017). «The new 'Iron Fist' trailer gives a closer look at Marvel's final Netflix Defender». The Washington Post (em inglês). Consultado em 2 de julho de 2018. Arquivado do original em 2 de julho de 2018 
  58. Iron Fist [MarvelIronFist] (14 de março de 2017). «Got a question for the cast of #IronFist? Ask it here for a chance to have it answered tomorrow on the red carpet via @Netflix's Snapchat! 👊» (Tweet) (em inglês). Consultado em 15 de março de 2017. Cópia arquivada em 16 de março de 2017 – via Twitter 
  59. Marvel's Iron Fist (12 de março de 2017). «Hey New York City fans! You're invited to join us for the premiere event of Marvel's Iron Fist this Tuesday. Details below. Make sure to head to the fan check-in line. 👊» (em inglês). Facebook. Consultado em 13 de março de 2017 
  60. Lubin, Gus (22 de março de 2017). «'Iron Fist' Is Extremely Popular on Netflix». Inverse (em inglês). Consultado em 30 de março de 2017. Cópia arquivada em 30 de março de 2017 
  61. Holloway, Daniel (31 de março de 2017). «'Marvel's Iron Fist' Was Netflix's Most-Binged Drama Premiere». Variety (em inglês). Consultado em 31 de março de 2017. Cópia arquivada em 31 de março de 2017 
  62. Nededog, Jethro (31 de março de 2017). «People are quickly losing interest in 'Iron Fist,' Netflix's panned Marvel show». Business Insider (em inglês). Consultado em 3 de maio de 2017. Cópia arquivada em 3 de maio de 2017 
  63. Spangler, Todd (18 de agosto de 2017). «Netflix's 'Marvel's The Defenders' Poised for Binge-Viewing Pop, Data Indicates». Variety (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2017. Cópia arquivada em 20 de agosto de 2017 
  64. Spangler, Todd (20 de setembro de 2017). «Netflix 'Marvel's The Defenders' Is Least-Viewed Among Marvel Street-Hero Series in Debut Month, Study Finds». Variety (em inglês). Consultado em 20 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 20 de setembro de 2017 }
  65. «Marvel's Iron Fist: Season 1 (2017)». Rotten Tomatoes. Fandango. Consultado em 24 de setembro de 2018 
  66. «Marvel's Iron Fist: Season 1». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 24 de setembro de 2018 
  67. Fienberg, Daniel (8 de março de 2017). «'Marvel's Iron Fist': TV Review». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 9 de março de 2017 
  68. Sheffield, Rob (13 de março de 2017). «'Iron Fist': Why Netflix's New Marvel Show Is a Kick in the Head». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 13 de março de 2017. Cópia arquivada em 13 de março de 2017 
  69. Fitzpatrick, Kevin (8 de março de 2017). «'Iron Fist' Review: Like 'Batman Begins,' If Bruce Wayne Was an Idiot Man-Child» (em inglês). Screen Crush. Consultado em 9 de março de 2017. Cópia arquivada em 9 de março de 2017 
  70. Sepinwall, Alan (8 de março de 2017). «The Limp 'Iron Fist' Is The First Complete Misfire Of Netflix's Marvel Shows» (em inglês). Uproxx. Consultado em 9 de março de 2017. Cópia arquivada em 9 de março de 2017 
  71. Jolin, Dan (8 de março de 2017). «Iron Fist – Season 1, Episodes 1-6 Review». Empire (em inglês). Consultado em 10 de março de 2017. Cópia arquivada em 10 de março de 2017 
  72. McNary, Dave (15 de março de 2018). «'Black Panther,' 'Walking Dead' Rule Saturn Awards Nominations». Variety (em inglês). Consultado em 15 de março de 2018. Arquivado do original em 15 de março de 2018 
  73. Hammond, Pete (27 de junho de 2018). «'Black Panther' Tops 44th Saturn Awards With Five; 'Blade Runner 2049', 'Shape Of Water', 'Get Out' Also Score». Deadline Hollywood (em inglês). Consultado em 28 de junho de 2018. Cópia arquivada em 28 de junho de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]