RBS TV Bagé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
RBS TV Bagé
RBS TV Bagé Ltda.
Bagé, Rio Grande do Sul
Brasil
Tipo Empresa privada
Canais
06 VHF analógico
34 UHF e 6.1 Virtual digital
Outros canais 5 (NET)
ver mais
Sede Bandeira Bage.png Bagé, RS
Rua do Acampamento, 2550 - Passo do Príncipe
MAPA
Slogan A TV nos liga
Rede RBS TV (Globo)
Fundador Maurício Sirotsky Sobrinho
Pertence a Grupo RBS
Proprietário Eduardo Sirotsky Melzer
Antigo proprietário Maurício Sirotsky Sobrinho (1977-1986)
Jayme Sirotsky (1986-1991)
Nelson Sirotsky (1991-2012)
Presidente Eduardo Sirotsky Melzer
Fundação 19 de janeiro de 1977 (39 anos)
CNPJ 87.463.535/0001-87
Prefixo ZYB 610
Nome(s) anteriore(s) TV Bagé (1977-1982)
Cobertura Cobertura - RBS TV Bagé.svg
Coord. do transmissor 31° 21' 6.6" S 54° 7' 13.2" O
Página oficial redeglobo.globo.com/rs/rbstvrs

RBS TV Bagé é uma emissora de televisão brasileira sediada em Bagé, cidade do estado do Rio Grande do Sul. Opera nos canais 6 VHF e 34 UHF digital, e é afiliada à Rede Globo. A emissora integra a RBS TV, rede de televisão do Rio Grande do Sul pertencente ao Grupo RBS.

História[editar | editar código-fonte]

Sede da emissora em 2008

A história da emissora começa em 21 de novembro de 1973, quando o Ministro das Comunicações Hygino Caetano Corsetti outorgou concessão à TV Bagé no canal 6 VHF do município. A emissora foi inaugurada pelo Ministro das Comunicações Euclides Quandt de Oliveira em 19 de janeiro de 1977.

Em 1982, a TV Bagé, juntamente com as outras emissoras da RBS TV no Rio Grande do Sul e Santa Catarina, passou a se chamar RBS TV Bagé. Em 1985, entrou no ar a sua primeira retransmissora, o canal 12 de Dom Pedrito. Mais tarde, entraram no ar as repetidoras de Pinheiro Machado e Santana do Livramento, formando a região de cobertura da RBS TV Bagé.

Em 2005, em virtude do aniversário de 40 anos da Rede Globo, a RBS TV Bagé e todas as outras emissoras da RBS TV receberam um cenário padronizado de acordo com o telejornalismo local da rede para ser usado nos blocos locais do Jornal do Almoço e do RBS Notícias. O cenário dos telejornais de Bagé conta com fotos da região reproduzidas em grandes painéis no estúdio.

Em julho de 2009, uma pesquisa do Ibope confirmou a liderança de audiência da RBS TV Bagé. Segundo a pesquisa, o Jornal do Almoço local de Bagé teve média de 71,5% de share entre os meses de abril e junho do mesmo ano[1].

Desde 14 de agosto de 2009, os telespectadores da RBS TV Bagé podem acompanhar o trabalho dos profissionais da emissora através de seu blog, no portal da RBS TV[2].

Sinal digital[editar | editar código-fonte]

Placa de inauguração da TV Bagé
Canal virtual Canal digital Proporção de tela Programação
6.1 34 UHF 1080i Programação principal da RBS TV Bagé / Globo

Em 30 de abril de 2012, o MiniCom outorgou o canal 34 UHF digital para a emissora.[3] Em 19 de fevereiro de 2014, iniciaram-se os testes para implantação, e em 24 de abril, foi oficialmente inaugurado o sinal digital da emissora.[4] A sua programação local não é produzida em alta definição, porém os demais programas da RBS TV e da Rede Globo são exibidos no formato.

Programação[editar | editar código-fonte]

Atualmente a emissora produz apenas um bloco local do Jornal do Almoço apresentado por Roberta Mércio, além dos comerciais locais. Ademais, o restante da programação é composto pelos programas gerados pela RBS TV Porto Alegre e pelos programas da Rede Globo.

Equipe[editar | editar código-fonte]

  • Roberta Mércio
  • Patrícia Porciúncula

Retransmissoras[editar | editar código-fonte]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre RBS TV Bagé
Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.