Ray Liotta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ray Liotta
Liotta em 2012.
Nome completo Raymond Allen Liotta
Nascimento 18 de dezembro de 1954 (65 anos)
Newark, Nova Jérsia
Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Ocupação Ator, produtor e dublador
Atividade 1978-presente
Cônjuge Michelle Grace (1997-2004)
Emmys
Melhor Ator Convidado em Série - Drama
2005 - ER

Raymond Allen Liotta (Newark, 18 de dezembro de 1954)[1] mais conhecido como Ray Liotta, é um ator e produtor de cinema estadunidense.[2] Liotta é mais conhecido por viver Henry Hill no clássico Os Bons Companheiros, também como Paul Krendler em Hannibal e Tommy Vercetti no jogo GTA Vice City. Ele ganhou um Emmy Award de Melhor Ator Convidado em Série Dramática, por sua participação na série ER, e foi nomeado para o Globo de Ouro de Melhor Ator Coadjuvante pelo filme Totalmente Selvagem.

Também participou do videoclipe "Bloodstream" do cantor britânico Ed Sheeran em parceria com a banda Rudimental. O clipe mostra Liotta como um músico deprimido e decadente.[3] Ele também atuou como tenente Matt Wozniak na série Shades of Blue (2016-2018).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Liotta nasceu em Newark, Nova Jersey, e foi adotado aos seis meses de idade por Mary Liotta, uma funcionária municipal nomeada,[4] e Alfred Liotta, filho de imigrantes italianos, proprietário de uma loja de peças e presidente de um clube democrata local. Ambos eram democratas. Ele tem uma irmã, Linda Liotta, que também é adotada.[5] Ele foi criado como católico, embora sua família não fosse muito religiosa.[6] Liotta disse que sabia que foi adotado desde criança.[7] Conheceu sua mãe biológica nos anos 2000 e descobriu que tem descendência escocesa, e que também tem uma irmã, um meio-irmão e cinco meias-irmãs.[8]

Ele completou o ensino médio na Union High School em 1973, em Union, Nova Jersey, onde cresceu.[9] Embora não fosse muito dedicado aos estudos, ele se destacou no ensino médio por sua atuação no futebol e no basquete. Se formou em belas artes na Universidade de Miami, em 1978.[10] Depois da faculdade, Liotta mudou-se para Nova York. Ele conseguiu um emprego como garçom no Shubert Theatre e conseguiu um agente em seis meses.[11]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Um dos primeiros papéis de Liotta foi como Joey Perrini na novela Another World; ele apareceu no programa de 1978 a 1981. Deixou o programa para tentar a sorte na indústria cinematográfica e se mudou para Los Angeles. Ele estreou no cinema em uma cena de agressão sexual com Pia Zadora, no filme The Lonely Lady, em 1983. Seu primeiro papel principal foi em Totalmente Selvagem, de 1986, que lhe rendeu sua primeira indicação ao Globo de Ouro. Em 1989, Liotta retratou o fantasma do famoso jogador de beisebol Shoeless Joe Jackson no filme Campo dos Sonhos.

Em 1990, Liotta interpretou o mafioso da vida real Henry Hill no filme de Martin Scorsese, Goodfellas.[12] Em 1992, ele atuou como policial psicopata ao lado de Kurt Russell no thriller Obsessão Fatal. Também estrelou o filme de ficção científica No Escape. Em 1996, ele estrelou o filme de ficção científica Inesquecível, onde Liotta recebeu elogios da crítica. Em 1997, participou de Cop Land, estrelado por Sylveter Stallone e Robert De Niro. Em 1998, ele recebeu elogios críticos por sua atuação em Phoenix: A Última Cartada, como jogador compulsivo.[13] No mesmo ano, Liotta interpretou o cantor Frank Sinatra no telefilme The Rat Pack, pelo qual ele recebeu uma indicação ao prêmio Screen Actors Guild. Estrelou como ele mesmo na comédia Just Shoot Me! em 2001. Em 2002, fez a voz de Tommy Vercetti no jogo de videogame Grand Theft Auto: Vice City. Em 2004, participou da série ER, interpretando Charlie Metcalf no episódio "Time of Death". Seu desempenho rendeu um Emmy de Melhor Ator Convidado em uma Série Dramática. Em 2006, Liotta estrelou a série da CBS, Smith, que foi cancelada após três episódios. Em 2004, Liotta fez sua estréia na Broadway, na peça de Match, de Stephen Belber.[14]

Em 2011, atuou no filme The Son of No One, ao lado de Al Pacino. De 2016 a 2018, Liotta co-estrelou a série Shades of Blue, ao lado de Jennifer Lopez, interpretando o tenente Matt Wozniak.[15] Em 2019, atuou no filme da Netflix Marriage Story, como Jay.[16]

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Liotta se casou com a atriz Michelle Grace em fevereiro de 1997, depois de se conhecerem no jogo de beisebol do ex-marido de Grace, Mark Grace. Eles têm uma filha, Karsen Liotta, que nasceu em 1998.[17] O casal se divorciou em 2004.[18][19]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Ray Liotta». Biography (em inglês). Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  2. «Ray Liotta». Consultado em 13 de Junho de 2012 
  3. «Ed Sheeran | Clipe de "Bloodstream" tem Ray Liotta como roqueiro decadente;». Omelete. 24 de março de 2015. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  4. «"Mary E Liotta - United States Public Records, 1970-2009"» 
  5. «Ray Liotta Biography (1955?-)». www.filmreference.com. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  6. «Ray Liotta on 'The Identical,' Being Adopted and Safety Concerns After Playing a Snitch in 'Goodfellas'». www.christianpost.com (em inglês). Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  7. «Ray Liotta Filmed 'The Identical' Because of His Own Adoption Experience». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  8. «Ray Liotta Is Glad He Met His Biological Mother - Starpulse.com». web.archive.org. 29 de outubro de 2013. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  9. «New Jersey High School Sports - NJ.com». highschoolsports.nj.com. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  10. «Biography». RAY LIOTTA CONNECTION (em inglês). 25 de outubro de 2015. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  11. «Who is Ray Liotta? Everything You Need to Know». www.thefamouspeople.com (em inglês). Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  12. «Not Your Typical Wise Guy : Why Ray Liotta had a tough time getting a deal he didn't want to refuse--a leading role in Martin Scorsese's Mafia movie, 'GoodFellas'». Los Angeles Times (em inglês). 16 de setembro de 1990. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  13. «Liotta Arises as a Winner in Hard-Hitting 'Phoenix'». Los Angeles Times (em inglês). 4 de setembro de 1998. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  14. «USATODAY.com - Langella, Liotta make almost perfect 'Match'». usatoday30.usatoday.com. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  15. AdoroCinema, Shades of Blue, consultado em 15 de janeiro de 2020 
  16. «With Netflix's Marriage Story, the world will finally know Ray Liotta, cinema's secret comedy weapon» 
  17. «Karsen Liotta bio, Career, Early life, Personal life, Net worth, Facts». Feed Weekly (em inglês). Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  18. «Michelle Grace Bio, Husband, Ray Liotta, Children, Divorce, Net Worth & Facts». Eceleb-Gossip (em inglês). 19 de setembro de 2019. Consultado em 15 de janeiro de 2020 
  19. «Ray Liotta and his ex-wife hold hands and shop for jewelry 13 years after divorcing». Wonderwall.com (em inglês). 5 de novembro de 2017. Consultado em 15 de janeiro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]