Ian Holm

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde janeiro de 2008). Ajude e colabore com a tradução.
Ian Holm
CBE
Holm em Edimburgo, agosto de 2004.
Nome completo Ian Holm Cuthbert
Nascimento 12 de setembro de 1931 (86 anos)
Londres, Grande Londres,  Inglaterra
Nacionalidade britânico
Ocupação Ator
Atividade 1957–presente
Cônjuge Lynn Mary Shaw (1955–1965)
Sophie Baker (1982–1986)
Penelope Wilton (1991–2001)
Sophie de Stempel (2003–presente)
Tonys
Melhor Ator em uma Peça
1967 – The Homecoming
Prémios Screen Actors Guild
Melhor Elenco em Cinema
2004 – The Lord of the Rings: The Return of the King
Prémios BAFTA
Melhor Ator Coadjuvante
1969 – The Bofors Gun
1982 – Chariots of Fire
IMDb: (inglês)

Ian Holm Cuthbert, CBE (Goodmayes, Essex, 12 de Setembro de 1931)[1], é um ator Inglês. Holm interpretou personagens em conhecidos filmes de grande orçamento, incluindo o hobbit Bilbo Bolseiro na trilogia O Senhor dos Anéis e em O Hobbit, Sir William Withey Gull em From Hell, Padre Vito Cornelius em O Quinto Elemento e o androide Ash em Alien, O Oitavo Passageiro. Foi indicado ao Óscar, vencedor do prêmio Tony.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Holm nasceu em Goodmayes, Essex, filho temporão de pais escoceses, Jean Wilson Holm, enfermeira, e Dr. James Harvey Cuthbert, psiquiatra. Foi casado quatro vezes, sendo a terceira esposa a também atriz Penelope Wilton, com quem se casou em 1991, com quem trabalhou . Em 1991 ele se casou com sua terceira esposa, a famosa atriz , e eles apareceram juntos em The Borrowers em 1993, num filme inglês para a televisão. Eles se divorciaram em 2001.

Holm têm cinco filhos (três meninas e dois meninos com as três primeiras, das cinco esposas). Sua filha mais velha, Jessica nunca se envolveu na industria do cinema. Sarah-Jane atuou como Jenny Rodenhurst Simcok em A Bit of a Do. Barnaby Holm atuou quando criança, mas atualmente mora em Los Angeles e é dono de uma badalada casa noturna em Hollywood, enquanto Harry Holm é um excelente diretor de clips musicais. Melissa Holm é produtora de elenco.

Em 2001 ele fez tratamento contra o câncer de próstata e atualmente parece estar em remissão. Foi agraciado com o título de Comandante da Ordem do Império Britânico em 1990, e foi nomeado Cavaleiro em 1998, devido os seus serviços ao teatro.[2]


Carreira[editar | editar código-fonte]

Holm foi uma estrela consagrada do Royal Shakespeare Company antes de fazer um impacto na televisão e em filmes. Em 1965, Holm interpretou Richard III na serialização da peça Wars of the Roses da BBC, baseado na produção RSC das peças, e gradualmente fez papéis menores em filmes como Oh! What a Lovely War (1969), Nicholas and Alexandra (1971), Mary, Queen of Scots (1971) e Young Winston (1972). Em 1967, ele ganhou um Tony Award Por melhor ator coadjuvante em uma peça, por interpretar o papel de Lenny em The Homecoming de Harold Pinter.

Seu primeiro papel em um filme a ter um impacto maior foi do android traiçoeiro, Ash, no filme de Ridley Scott', Alien (1979). Seu trabalho em Chariots of Fire (1981), concedeu-lhe um premio especial no Cannes Film Festival e uma nominação por melhor ator coadjuvante no Academy Award. De volta a Inglaterra, ele ganhou um prêmio BAFTA, de melhor ator coadjuvante, por Chariots. Nos anos 80, ele teve papéis memoráveis em Time Bandits (1981), Greystoke - The Legend of Tarzan, Lord of the Apes (1984) e no filme de Terry Gilliam', Brazil (1985). Ele interpretou Lewis Carroll, autor de Alice in Wonderland na fantasia de Dennis Potter, Dreamchild (1985).

Em 1989 ele foi nominado a um prêmio BAFTA pela série de televisão Game, Set, and Match. Baseado nas novelas de Len Deighton, essa conta a história de um espião da inteligência (Holm) que descobre que a sua própria esposa é uma espiã inimiga. Ele continuou a interpretar Shakespeare, e apareceu com Kenneth Branagh no filme Henry V (1989) e como Polonius no filme de Mel Gibson', Hamlet (1990).

Ele aumentou seu perfil em 1997 com dois papéis proeminentes, como o estressado mas gentil padre Vito Cornelius em The Fifth Element e o atormentado advogado em The Sweet Hereafter. Em 2001 ele estrelou em From Hell como o physician Sir William Withey Gull. No mesmo ano ele apareceu como Bilbo Baggins no blockbuster The Lord of the Rings: The Fellowship of the Ring, tendo anteriormente atuado como o sobrinho de Bilbo, Frodo Baggins na 1981 BBC Radio adaptation de O Senhor dos Anéis. Ele apareceu na trilogia The Lord of the Rings: The Return of the King (2003), e por cada um ele dividiu um prêmio SAG por Melhor Performance de um Elenco em um Filme.

Ele já foi nominado a um Emmy Award duas vezes, por um PBS broadcast of a National Theatre production of King Lear, em 1999; e por um papel coadjuvante no filme da HBO, The Last of the Blonde Bombshells ao lado de Judi Dench, em 2001. Holm já emprestou sua voz para muitos documentários e comerciais na televisão britanica.

Holm é um ator favorito de Terry Gilliam, tendo aparecido em Time Bandits e Brazil. Holm é também favorito de Harold Pinter.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

{Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. http://www.filmreference.com/film/41/Ian-Holm.html Página acessada em 20 de janeiro de 2016.
  2. http://www.biografias.es/famosos/ian-holm.html Página acessada em 20 de janeiro de 2016.