Esporte Clube São João da Barra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
EC São João da Barra
Escudo do EC São João da Barra.jpg
Nome Esporte Clube São João da Barra
Fundação 31 de julho de 2009 (5 anos)
Estádio Municipal Manoel José Viana de Sá
Presidente Brasil Daniel Machado de Souza
Treinador Brasil Andrade
Patrocinador Brasil Prefeitura, SJB on line, Thoquino, Campostur/Sanjoanense
Competição Rio de Janeiro Campeonato Carioca - Série B
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Esporte Clube São João da Barra é uma agremiação esportiva da cidade de São João da Barra, no estado do Rio de Janeiro, fundada a 31 de julho de 2009.

Equipe profissional do E.C São João da Barra em 2010

História[editar | editar código-fonte]

Homônimo do São João da Barra Futebol Clube, que disputou o Campeonato Estadual da Terceira Divisão de Profissionais do Rio de Janeiro em 2007 e 2008, o Esporte Clube São João da Barra é uma agremiação recém-fundada que estreia no profissionalismo ao disputar o Campeonato Estadual da Série C em 2010.

O E.C São João da Barra entrou em campo no dia 14 de março para enfrentar a equipe do Heliópolis Atlético Clube. pela primeira rodada da Terceira Divisão do Campeonato Estadual 2010, e logo no primeiro jogo o time venceu por 6 a 1.

Na primeira fase do certame se classifica em segundo em seu grupo, atrás somente do primeiro colocado Associação Desportiva Itaboraí. O terceiro classificado da chave seria o Serra Macaense Futebol Clube, ficando eliminados Canto do Rio Football Club e Heliópolis Atlético Clube.

Daniel Machado, presidente

Na segunda fase, é o primeiro colocado, se classificando juntamente com o Serra Macaense Futebol Clube. Clube Atlético Castelo Branco e Esporte Clube Nova Cidade são eliminados.

Na terceira fase se classifica em segundo lugar, atrás somente do líder Barra Mansa Futebol Clube. Associação Desportiva Itaboraí e Esprof Atlético de Futebol e Clube são eliminados. Nas semifinais elimina o Serra Macaense Futebol Clube com uma vitória por 1 a 0 em São João da Barra e um empate sem gols em Macaé, chegando à final do campeonato e, por conseguinte, sendo promovido ao Campeonato Estadual da Série B de 2011. Na finalíssima vence em casa a equipe do Barra Mansa Futebol Clube por 1 a 0, empatando sem abertura de contagem na casa do adversário, sagrando-se campeão do certame, ao mesmo tempo em que comemorava um ano de fundação.

Em 2011, disputa o Campeonato Estadual da Série B, não conseguindo chegar à fase final, por conta de uma polêmica envolvendo a classificação por índice técnico, entrando o Teresópolis Futebol Clube em seu lugar.

Em 2012, a equipe promove boa campanha, se classifica para a fase final, mas não consegue o acesso à Série A, terminando o campeonato entre as cinco primeiras. O técnico Manuel Neto deixa a equipe no meio da competição e atrapalha o andamento da campanha. Luiz Antonio Zaluar o substituiu, porém, sem manter a mesma rotina de vitórias.

Possui as cores azul, vermelho e branco e é presidido por Daniel Machado de Souza.

Treinadores[editar | editar código-fonte]

  • Brasil Edson Souza (2013)
  • Brasil Andrade (2014)

Títulos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Fonte[editar | editar código-fonte]

  • VIANA, Eduardo. Implantação do futebol Profissional no Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Editora Cátedra, s/d.