Festival Eurovisão da Canção 1983

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Festival Eurovisão da Canção 1983
"'Munique 1983'"
{{{alt}}}
{{{alt2}}}
Allianz Arena e Aeroporto Internacional de Munique Franz Josef Strauß
Datas
Final 23 de Abril de 1983
Anfitrião
Local Alemanha Muenchen Kleines Stadtwappen.svg Rudi-Sedlmayer-Halle, Munique, Alemanha
Apresentador(es) Marlène Charell
Diretor Rainer Bertram
Maestro Dieter Reith
Transmissão Alemanha ARD
Abertura Marlene Charell introdução de cada acto e chamando todos os concorrentes ao palco.
Atuações nos intervalos Um número de dança definido para um medley de canções alemãs que se tornaram internacionalmente famosas, incluindo Strangers in the Night. A apresentadora, Marlene Charell, foi a bailarina principal.
Participantes
Número de entradas 20
Países estreantes Nenhum
Países de regresso França no Festival Eurovisão da Canção França
Grécia no Festival Eurovisão da Canção Grécia
Itália no Festival Eurovisão da Canção Itália
Países de saída Irlanda no Festival Eurovisão da Canção Irlanda
Votação
Sistema de voto A votação baseou-se num júri por país que atribuiu 12, 10, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2 e 1 ponto às suas 10 canções favoritas, por ordem de preferência.
Votos nulos Espanha no Festival Eurovisão da Canção Espanha
Turquia no Festival Eurovisão da Canção Turquia
Canção vencedora Luxemburgo no Festival Eurovisão da Canção Luxemburgo : Corinne Hermès, "Si La Vie Est Cadeau", 142 pontos (margem: 6 pontos)
Wiki Eurovision Heart (Infobox).svg Festival Eurovisão da Canção 1983
Último
Último
◄1982
1984►
Próximo
Próximo

O Festival Eurovisão da Canção 1983 (em inglês: Eurovision Song Contest 1983, em francês: Concours Eurovision de la chanson 1983 e em alemão: Liederwettbewerb der Eurovision 1983) foi o vigésimo-oitavo Festival Eurovisão da Canção e realizou-se a 23 de Abril de 1963, em Munique. Marlene Charell foi a apresentadora do evento, que foi ganho por Corinne Hermès representando o Luxemburgo com a canção "Si La Vie Est Cadeau", uma balada romântica. Nesta edição do festival é utilizado pela primeira vez microfones sem fio, e foi a primeira vez que as audiências ao vivo da Eurovisão excedeu a capacidade de 10.000 pessoas. O concurso deste ano foi a primeira a ser televisionada na Austrália, via canal 0/28 (agora SBS) em Sydney e Melbourne, embora este país nunca tem permissão para participar. No entanto, os vencedores anteriores do ABBA e Bucks Fizz tinha sido bem sucedido na Austrália, a que muitos europeus emigraram. Pontos nul deste ano foram compartilhadas por Espanha e Turquia. Remedios Amaya, da Espanha apresentou uma canção que era uma partida dura de gostos pop convencional e percepção da melodia e da harmonia como se fosse um flamenco, um estilo tradicionalmente ligada com a imagem internacional da Espanha. Além disso, ela cantou a sua canção descalça. Alguns oles foram ouvidos do público presente quando ela terminou seu desempenho. Entrada da Turquia, Opera, realizado por Çetin Alp e as Short Waves, poderia, por outro lado se dizer que se encaixam bem com o espírito da Eurovisão da época. No entanto, a overinterpretation do tema da canção, bem como o fato de que a letra da canção composta em sua maior parte da palavra muitas vezes repetida "opera" e nomes de conhecidos óperas e compositores, e quebra Çetin de em operística "lay lay la", solicitado escárnio extensa da canção, incluindo as habituais palavras sardônicos de comentarista da BBC Terry Wogan ("um desempenho bem discreto lá"). Apesar das músicas extras ou obscuras bandas étnicas retorta compilados - este ano ganhou em Munique Corinne Hermès com "Si la vie est cadeau" com uma canção clássica dos festivais eurovisão. Sua música tinha todos os ingredientes importantes: a voz da cantora entregou várias oitavas, a música soou dramático, o assunto permaneceu em termos gerais. Nos lugares seguintes eram peças menos conservadoras, como o israelita Ofra Haza ("Hi") ou a sueca Carola ("Främling").

Local[editar | editar código-fonte]

O Festival Eurovisão da Canção 1983 ocorreu em Munique, na Alemanha. O local destinado para o festival, foi o Rudi-Sedlmayer-Halle. Munique é uma cidade alemã, capital do estado federal da Baviera, onde anualmente festeja-se a festa da cerveja mais famosa do mundo, chamada Oktoberfest. Na qualidade de capital, Munique alberga o parlamento e governo estadual.

Munique conta atualmente cerca de 1,4 milhão de habitantes, chegando aos 2,5 se contarmos com a sua área metropolitana. É assim a maior cidade da Baviera, e a terceira maior da Alemanha, depois de Berlim e de Hamburgo. Uma das atividades de destaque na cidade e na região é o turismo. Munique também é a sede da BMW.

Munique é uma cidade independente (kreisfreie Stadt) ou distrito urbano (Stadtkreis), ou seja, possui estatuto de distrito (Kreis). Adicionalmente, Munique é também sede do governo do distrito administrativo da "Alta Baviera" (Oberbayern em alemão) bem como do distrito territorial (Landkreis) de Munique.

Cidades grandes próximas são Zurique (Suíça), a 315 km a oeste, Praga (República Checa), a cerca de 380 km a nordeste, Viena (Áustria) a cerca de 440 km a leste, Milão (Itália) a 490 km a sul e Berlim, a cerca de 590 km a norte. Foi fundada em 1158. O número de habitantes da cidade de Munique ultrapassou por volta de 1854 o número dos cem mil, tendo nessa altura obtido o estatuto de cidade grande (Grosstadt). A cidade foi destruída pela metade durante a Segunda Guerra Mundial, porém reconstruída. Desde 1960 a cidade possui mais de um milhão de habitantes. Munique é atravessada pelo rio Isar[1] .

Formato e Visual[editar | editar código-fonte]

O palco desta edição era constituído por colunas de luzes que piscavam de forma a acompanhar a melodia de cada canção. Vislumbravam-se assim os primeiros avanços tecnológicos que incutiam ao certame e às interpretações maior brilho e vivacidade.

O conjunto desse ano foi bastante peculiar, com um muito pequeno, palco em forma de arco em torno da seção de orquestra, e um fundo grande lembrando gigantes aquecedores elétricos, que iluminavam em seqüências e combinações diferentes, dependendo da natureza e ritmo das canções.

Votação[editar | editar código-fonte]

Em cada país havia um júri que atribuiu 12, 10, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1 pontos para as dez canções mais votadas.

Participações individuais[editar | editar código-fonte]


Participantes[editar | editar código-fonte]

  Países participantes
País Título original da Canção Artista Processo Data da Selecção
Tradução em Português Idiomas de Interpretação
Áustria no Festival Eurovisão da Canção Áustria "Hurricane" Westend Österreichische Vorausscheidung 1983 17 de Março de 1983
Furacão Alemão
Alemanha no Festival Eurovisão da Canção Alemanha "Rücksicht" Hoffmann & Hoffmann Ein lied für München 1983 19 de Março de 1983
Consideração Alemão
Bélgica no Festival Eurovisão da Canção Bélgica "Rendez-vous" Pas de Deux Eurosong 1983 7 de Março de 1983
Encontro Holandês
Chipre no Festival Eurovisão da Canção Chipre "I Agapi Akoma Zi" (Η αγάπη ακόμα ζει) Stavros & Constantina Selecção Interna de 1983 -
O amor ainda vive Grego
Dinamarca no Festival Eurovisão da Canção Dinamarca "Kloden drejer" Gry Johansen Dansk Melodi Grand-Prix 1983 5 de Março de 1983
O planeta gira Dinamarquês
Espanha no Festival Eurovisão da Canção Espanha "¿Quién maneja mi barca?" Remedios Amaya Selecção Interna de 1983 -
Quem maneja a minha barca? Espanhol
Finlândia no Festival Eurovisão da Canção Finlândia "Fantasiaa" Ami Aspelund Euroviisut 1983 28 de Janeiro de 1983
Fantasia Finlandês
França no Festival Eurovisão da Canção França "Vivre" Guy Bonnet Sélection Française - Eurovision 1983 20 de Março de 1983
Viver Francês
Grécia no Festival Eurovisão da Canção Grécia "Mou Les" (Μου λες) Christie Stasinopoulou Ellinikou Telikou Tis Diagonismos Tragoudiou Eurovision 1983 18 de Março de 1983
Falas-me Grego
Holanda no Festival Eurovisão da Canção Holanda "Sing Me a Song" Bernadette Nationaal Songfestival 1983 23 de Fevereiro de 1983
Canta-me uma canção Holandês
Israel no Festival Eurovisão da Canção Israel "Hi" (חי) Ofra Haza Kdam Eurovision 1983 -
Viva Hebraico
Itália no Festival Eurovisão da Canção Itália "Per Lucia" Riccardo Fogli Festival della Canzone Italiana di Sanremo 1983 5 de Fevereiro de 1983
Para Lúcia Italiano
Jugoslávia no Festival Eurovisão da Canção Jugoslávia "Džuli" (Џули) Danijel Pjesma Eurovizije 1983 4 de Março de 1983
Júlia Servo-Croata
Luxemburgo no Festival Eurovisão da Canção Luxemburgo "Si la vie est cadeau" Corinne Hermès Selecção Interna de 1983 -
Se a vida é presente Francês
Noruega no Festival Eurovisão da Canção Noruega "Do Re Mi" Jahn Teigen Melodi Grand-Prix 1983 25 de Fevereiro de 1983
Do Re Mi Norueguês
Portugal no Festival Eurovisão da Canção Portugal "Esta balada que te dou" Armando Gama Festival RTP da Canção 1983 5 de Março de 1983
Esta balada que te dou Português
Reino Unido no Festival Eurovisão da Canção Reino Unido "I'm Never Giving Up" Sweet Dreams A song for Europe 1983 24 de Março de 1983
Nunca desisto Inglês
Suécia no Festival Eurovisão da Canção Suécia "Främling" Carola Häggkvist Melodifestivalen 1983 26 de Fevereiro de 1983
Estranho Sueco
Suíça no Festival Eurovisão da Canção Suíça "Io così non ci sto" Mariella Farré Finale Suisse 1983 26 de Março de 1983
Assim não estou de acordo Italiano
Turquia no Festival Eurovisão da Canção Turquia "Opera" Çetin Alp & the Short Waves Eurovision Şarkı Yarışması Türkiye Finali 1983 4 de Março de 1983
Ópera Turco

Festival[editar | editar código-fonte]

# País Idioma Artista Canção Tradução para Português Pontuação Lugar
01 França no Festival Eurovisão da Canção França Francês Guy Bonnet "Vivre" Viver 56
02 Noruega no Festival Eurovisão da Canção Noruega Norueguês Jahn Teigen "Do Re Mi" Do Re Mi 53
03 Reino Unido no Festival Eurovisão da Canção Reino Unido Inglês Sweet Dreams "I'm Never Giving Up" Nunca desisto 79
04 Suécia no Festival Eurovisão da Canção Suécia Sueco Carola Häggkvist "Främling" Estranho 126
05 Itália no Festival Eurovisão da Canção Itália Italiano Riccardo Fogli "Per Lucia" Para Lúcia 41 11º
06 Turquia no Festival Eurovisão da Canção Turquia Turco Çetin Alp & the Short Waves "Opera" Ópera 0 19º
07 Espanha no Festival Eurovisão da Canção Espanha Espanhol Remedios Amaya "¿Quién maneja mi barca?" Quem maneja a minha barca? 0 19º
08 Suíça no Festival Eurovisão da Canção Suíça Italiano Mariella Farré "Io così non ci sto" Assim não estou de acordo 28 15º
09 Finlândia no Festival Eurovisão da Canção Finlândia Finlandês Ami Aspelund "Fantasiaa" Fantasia 41 11º
10 Grécia no Festival Eurovisão da Canção Grécia Grego Christie Stasinopoulou "Mou Les" (Μου λες) Falas-me 32 14º
11 Holanda no Festival Eurovisão da Canção Holanda Holandês Bernadette "Sing Me a Song" Canta-me uma canção 66
12 Jugoslávia no Festival Eurovisão da Canção Jugoslávia Servo-Croata Danijel "Džuli" (Џули) Júlia 125
13 Chipre no Festival Eurovisão da Canção Chipre Grego Stavros & Constantina "I Agapi Akoma Zi" (Η αγάπη ακόμα ζει) O amor ainda vive 26 16º
14 Alemanha no Festival Eurovisão da Canção Alemanha Alemão Hoffmann & Hoffmann "Rücksicht" Consideração 94
15 Dinamarca no Festival Eurovisão da Canção Dinamarca Dinamarquês Gry Johansen "Kloden drejer" O planeta gira 16 17º
16 Israel no Festival Eurovisão da Canção Israel Hebraico Ofra Haza "Hi" (חי) Viva 136
17 Portugal no Festival Eurovisão da Canção Portugal Português Armando Gama "Esta balada que te dou" Esta balada que te dou 33 13º
18 Áustria no Festival Eurovisão da Canção Áustria Alemão Westend "Hurricane" Furacão 53
19 Bélgica no Festival Eurovisão da Canção Bélgica Holandês Pas de Deux "Rendez-vous" Encontro 13 18º
20 Luxemburgo no Festival Eurovisão da Canção Luxemburgo Francês Corinne Hermès "Si la vie est cadeau" Se a vida é presente 142

Mapa[editar | editar código-fonte]

  Vencedor
  2º classificado
  3º classificado

Artistas repetentes[editar | editar código-fonte]

Logo na segunda edição do festival, alguns artistas eram repetentes na sua experiência Eurovisiva. Em 1983, os repetentes foram:

País (1983) Foto Artista Ano Anterior País Representado Canção Tradução Pontuação Classificação
França no Festival Eurovisão da Canção França Eurovision Song Contest 1970 - Guy Bonnet.jpg Guy Bonnet ESC 1970 França "Marie-Blanche" Maria-Branca 8
Noruega no Festival Eurovisão da Canção Noruega Jahn Teigen Roberts Martin D-18 DSCN1745-cvsm-2.jpg Jahn Teigen ESC 1978 Noruega "Mil etter mil" Milha após milha 0 20º
ESC 1982 Noruega "Adieu" Adeus 40 12º

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Os mapas presentes neste artigo, respeitam as fronteiras geográficas estabelecidas na altura em que o festival ocorreu.

Referências

  1. hometips4u.com Worldnews.hometips4u.com. Página visitada em 24 de maio de 2012.