Gijs van Lennep

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gijs van Lennep em 1971

Gijsbert (Gijs) van Lennep (Aerdenhout, 16 de Março de 1942) é um ex-piloto automobilístico e nobre neerlandês.

Ele iniciou sua carreira como piloto de Fórmula V. Mais tarde, ele foi incluído no Racing Team Holland.

Em 1967, Van Lennep obteve a sua primeira vitória na Suécia com a DAF na Fórmula 3. Neste mesmo ano, ele correu para a Porsche. Em 1971 ele venceu as 24 Horas de Le Mans junto com Helmut Marko. Com esta vitória ele ainda detém o recorde de distância. Em média, eles correram a mais de 222 km/h (inclusive paragens pit). Van Lennep participou de quatro temporadas da Fórmula 1. Ele correu para Surtees, Iso-Marlboro e Alferes. Em 1971, ele participou do Grande Prêmio da Holanda, no circuito de Zandvoort com um Surtees e terminou em oitavo lugar. No fim deste ano ele correu para a equipe da fábrica, mas não conseguiu finalizar.

Em 1972, ele não correu na Fórmula 1, mas tornou-se campeão europeu de Fórmula 5000. Através do patrocinador Marlboro, ele correu para o time Iso Marlboro de Frank Williams, com o qual obteve um ponto em Zandvoort. Isto marcou a primeiro ponto para a equipe Williams em um GP. No mesmo ano ele venceu o Targa Florio. Em 1974 ele correu para a equipe Iso. Em 1975 ele substituiu Roelof Wunderink na equipe Ensign por três corridas. Em Nürburgring ele obteve um outro ponto. Com isto, ele se tornou o segundo piloto de Fórmula 1 neerlandês de maior sucesso, logo atrás de Carel Godin de Beaufort.

Van Lennep correndo em Nürburgring

Em 1976, ele venceu as 24 Horas de Le Mans pela segunda vez, desta vez com o piloto belga Jacky Ickx. Em 1999, ele foi eleito o "melhor piloto neerlandês de automobilismo do século" por um júri especializado.[1]

Referências