Juanes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde setembro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Juanes
Juanes durante apresentação em Nova Orleans.
Informação geral
Nome completo Juan Esteban Aristizábal Vásquez[1]
Nascimento 09 de Agosto de 1972 (42 anos)[1]
Origem Medellín-Antioquia[1]
País Colômbia Colômbia[1]
Gênero(s) rock latino rock
Ocupação(ões) cantor,compositor,guitarrista e produtor.
Instrumento(s) voz, violão, guitarra, piano
Período em atividade 1987 - presente
Gravadora(s) Universal Music Group
Página oficial Site Oficial

Juan Esteban Aristizabal Vásquez[1] (Medellín, 09 de agosto de 1972)[1] conhecido como Juanes, é um cantor, compositor e saxofonista colombiano.

Carreira[editar | editar código-fonte]

O cantor, compositor e saxofonista Juanes é hoje um dos principais nomes da música latina. Vencedor de vários Grammys e reconhecido em diversos países, sua família, também de músicos, sempre o incentivaram a tocar guitarra desde pequeno. O resultado foi a formação do primeiro grupo com 17 anos, o Ekhymosis, que nasceu na Colômbia em 1989.

O grupo teve nove anos de sucesso e cinco álbuns. Nessa época, Juanes assinava como Juan Esteban e era o vocalista e o guitarrista. O fim do grupo foi a deixa para Juanes partir para uma carreira solo internacional com seu rock latino. Mudou-se para Los Angeles, nos Estados Unidos e, mesmo longe de casa, compunha temas de sua vida na Colômbia.

Dois anos depois, Juanes lança seu primeiro álbum, “Fijate bien”, que chamou a atenção da crítica. Destacaram-se três músicas do CD, “Fijate bien”, “Nada” e “Podemos Hacernos Danos”. A mistura de rock com a música colombiana fez sucesso, mas ainda estava restrita à Colômbia e alguns países vizinhos. Mesmo assim, o cantor saiu do Grammy Latino 2001 com os prêmios de melhor Artista Novo, melhor Álbum Vocal Solo e melhor Canção Rock com “Fijate bien”.

As mudanças para o segundo trabalho, “Un día normal”, foram evidentes. O rock latino ganhou mais romantismo e a aparência de Juanes perdeu um pouco da rebeldia. Com a mudança, alcançou sucesso em vários países latinos e na Europa. A consagração veio em 2003, no Grammy Latino, com cinco prêmios. A categoria principal, Gravação e Canção do Ano foi para “Es Por Ti” e, para Álbum do Ano, o CD “Un día Normal”. Na categoria Rock, Juanes levou os prêmios de Melhor Álbum Vocal de Rock e Melhor Canção de Rock, com “Mala Gente”. Esse trabalho ainda ficou cerca de 73 semanas entre os 100 mais vendidos da Billboard.

Em novembro de 2003, Juanes esteve no Brasil para divulgar seu novo trabalho. No mês seguinte foi lançado internacionalmente o primeiro DVD do cantor. Além do Grammy Latino (17), Billboard Latino (8) e MTV (9), o artista também faturou os prêmios Amigo (3), NRJ Radio Awards (2) e Lo Nuestro (6). E Juanes já avisou que esse é só o começo.

Em 2005 realizou um dueto com a cantora italiana Laura Pausini com a canção "Il mio canto libero" inserida no álbum "Io canto".

No ano de 2005, fez muito sucesso com a música "La camisa negra", ficando ainda mais conhecido, internacionalmente.

Em 10 de junho de 2010, Juanes se apresentou na Festa de Abertura da Copa do Mundo FIFA 2010, tocando La Camisa Negra. Nesse mesmo show, Juanes mostrou ao público pela primeira vez sua nova música Yerbatero, que faz parte do álbum que foi lançado no dia 6 de setembro e 2010. Ele foi acompanhado por Taboo, do grupo americano Black Eyed Peas. E em 2011 Juanes cantou a musica odio por amor nos jogos panamericanos de guardalajara

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Grammy Latino 2001
  • Prêmios de melhor Artista Novo
  • Melhor Álbum Vocal Solo
  • Melhor Canção Rock com “Fijate Bien”.
Grammy Latino 2002
  • Melhor Canção de Rock - A Dios Le Pido
Grammy Latino 2003
  • Gravação do Ano para “Es Por Ti”
  • Canção do Ano para “Es Por Ti”
  • Álbum do Ano “Un Día Normal”
  • Melhor Álbum Vocal de Rock
  • Melhor Canção de Rock, com “Mala Gente”.
Grammy Latino 2005
  • Melhor Video Musical - Volverte a ver
  • Melhor Artista Rock Vocal - Mi Sangre
  • Melhor Canção Rock - Nada Valgo sin tu amor
Grammy Latino 2008
  • Gravação do Ano para "Me Enamora"
  • Canção do Ano para "Me Enamora"
  • Álbum do Ano para "La vida... es un ratico"
  • Melhor álbum vocal pop masculino para "La vida... es un ratico"
  • Melhor videoclipe para "Me Enamora"

Em 2012 ganhou mais dois Grammy com o album MTV UNPLUGGED.

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 2000 - Fíjate Bien
  • 2002 - Un Día Normal
  • 2004 - Mi Sangre
  • 2007 - La Vida... Es un Ratico
  • 2010 - P.A.R.C.E.
  • 2012 - Juanes MTV Unplugged
  • 2014 - Loco de amor

Referências

  1. a b c d e f allmusic ((( Juanes > Biography))) (em inglês). allmusic. Página visitada em 10 de Março de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.