Magical Mystery Tour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Magical Mystery Tour
Trilha sonora de The Beatles
Lançamento 27 de Novembro de 1967 (EUA) (LP)
8 de Dezembro de 1967 (Reino Unido) (EP)
19 de Novembro de 1976 (Reino Unido) (LP)
Gravação Abbey Road
Novembro de 1966 a Novembro 1967 (LP, CD)
Abril a Novembro de 1967 (EP)
Gênero(s) Rock Psicodélico
Duração 36:49 (LP, CD)
19:12 (EP)
Gravadora(s) Parlophone, Capitol, EMI
Produção George Martin
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de The Beatles
Último
Último
Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band
(1967)
The Beatles
(1968)
Próximo
Próximo
Singles de Magical Mystery Tour
  1. "Strawberry Fields Forever"
    Lançamento: 13 de Fevereiro de 1967
  2. "Penny Lane"
    Lançamento: 17 de Fevereiro de 1967
  3. "All You Need Is Love"
    Lançamento: 7 de Julho de 1967
  4. "Baby, You're a Rich Man"
    Lançamento: 7 de Julho de 1967
  5. "Hello, Goodbye"
    Lançamento: 24 de Novembro de 1967
  6. "I Am the Walrus"
    Lançamento: 24 de Novembro de 1967

Magical Mystery Tour é a trilha sonora do filme homônimo estreado pelos Beatles em dezembro de 1967 no canal de TV britânico BBC. Lançado no dia 27 de novembro de 1967 no formato LP (Long Play) nos EUA, e no dia 8 de dezembro de 1967 no formato EP (Extended Play) duplo na Inglaterra. O resto do mundo seguiu o formato inglês.

A história[editar | editar código-fonte]

Após o choque da morte de Brian Epstein, os quatro Beatles se reuniram no dia 1 de setembro de 1967 para traçar os rumos da banda. Decidiram seguir com o projeto "Magical Mystery Tour" e no dia 5 de setembro iniciam a gravação de I Am the Walrus. Este projeto geraria sete canções e um filme.

Com apenas seis músicas, a EMI decidiu lançá-lo no formato EP duplo, junto a um mini-livro de 28 páginas e com as letras das canções. A Capitol Records, gravadora responsável pelos lançamentos dos Beatles nos EUA, não achou conveniente este formato para o mercado americano e resolveu lançá-lo no formato LP. Para isso, concentrou todas as músicas do lançamento em EP no lado 1, e utilizou as cinco músicas lançadas durante o ano de 1967 com compacto simples no lado 2. O formato do lançamento inglês foi seguido pelo resto do mundo, inclusive no Brasil. O formato americano permaneceu inédito no mundo até novembro de 1976, quando atendendo a pedidos dos fãs foi editado na Inglaterra, e em seguida ao redor do mundo. Atualmente, este é o formato que prevalece.

A gravação[editar | editar código-fonte]

A gravação das músicas da trilha sonora do filme iniciou-se no dia 5 de setembro de 1967 com "I Am The Walrus" e estendeu-se até o dia 17 de novembro de 1967. Neste período, sete músicas foram gravadas ( as seis do EP, mais "Hello Goodbye" que junto com "I Am The Walrus" foi lançada como compacto simples no dia 24 de novembro de 1967).

As faixas dos discos[editar | editar código-fonte]

Edição LP (Long Play)[editar | editar código-fonte]

Lançado em 27 de novembro de 1967 nos EUA

Lado A

# Título Duração
1. "Magical Mystery Tour"   2:43
2. "The Fool on the Hill"   3:00
3. "Flying" (Lennon/McCartney/Harrison/Starkey) 2:16
4. "Blue Jay Way" (Harrison) 3:56
5. "Your Mother Should Know"   2:29
6. "I Am the Walrus"   4:36

Lado B

# Título Duração
1. "Hello, Goodbye"   3:30
2. "Strawberry Fields Forever"   4:10
3. "Penny Lane"   3:03
4. "Baby, You're a Rich Man"   3:03
5. "All You Need Is Love"   3:48

Edição EP (Extended Play)[editar | editar código-fonte]

Lançado em 8 de dezembro de 1967 na Inglaterra

EP 1[editar | editar código-fonte]

Lado A

# Título Duração
1. "Magical Mystery Tour"   2:51
2. "Your Mother Should Know"   2:29

Lado B

# Título Duração
1. "I Am the Walrus"   4:36

EP 2[editar | editar código-fonte]

Lado A

# Título Duração
1. "The Fool on the Hill"   3:00
2. "Flying" (Lennon/McCartney/Harrison/Starkey) 2:16

Lado B

# Título Duração
1. "Blue Jay Way" (Harrison) 3:56

Sobre as canções[editar | editar código-fonte]

  • "The Fool on the Hill" foi composta por Paul McCartney, e fala sobre um homem que é considerado bobo pelos outros. Segundo Alistair Taylor, um amigo de Paul, que o acompanhava durante uma manhã em Primrose Hill andando com sua cadela Martha, Paul notou que Martha havia desaparecido então ele olhou a sua volta e viu um homem de casaco de chuva, ao achar Martha o homem lhe falou sobre a vista da montanha, Paul então olhou a sua volta e ao olhar para o homem novamente ele havia desaparecido misteriosamente assim como havia aparecido.
  • Paul também escreveu "Hello Goodbye", que foi o lado A do compacto que trazia "I Am The Walrus" no lado B. John, depois da separação do grupo, disse que se sentia desconfortável porque suas melhores músicas foram lado B de músicas que o mesmo considerava sem muito valor, como neste caso.
  • "I Am the Walrus" foi escrita por John durante uma viagem de ácido. Com letra sem sentido, foi feita para confundir pessoas que tentavam analisar suas músicas. Ao estilo psicodélico, tem um ritmo inspirado em uma sirene policial.
  • "All You Need is Love" foi escrita por John, foi apresentada na primeira produção transmitida ao vivo via sátélite (programa Our World) em 25 de junho de 1967. A transmissão foi feita para 26 países e atingiu 350 milhões de espectadores. Segundo George Martin a música era uma mensagem dos Beatles ao mundo que dizia que o "amor é tudo". Participaram do coro da música astros como Mick Jagger e Keith Richards (Rolling Stones), Marianne Faithfull, Eric Clapton, Keith Moon (The Who) e Graham Nash além de Mike McCartney (irmão de Paul), Jane Asher (namorada de Paul), Pattie Harrison (mulher de George) entre outros.
  • "Flying" é um instrumental e foi a primeira música composta pelos quatro integrantes a ser gravada. A segunda seria "Dig It" do álbum Let It Be. Se chamaria inicialmente "Aerial Tour Instrumental".
  • "Baby, You're a Rich Man" foi a primeira a não ser gravada nos estúdios da Abbey Road. Tem duas partes, uma escrita por John e outra por Paul que depois viraram uma música só.
  • "Blue Jay Way", George escreveu esta música enquanto esperava seu amigo Derek Taylor chegar em uma casa que ele, George, queria alugar na Los Angeles Street e que se chamava Blue Jay Way.
  • Embora tenham sido gravadas para o álbum anterior, Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band (gravadas no final de 1966), as músicas "Penny Lane" e "Strawberry Fields Forever" entraram para o álbum Magical Mystery Tour. George Martin, o produtor dos Beatles, disse que este foi o melhor compacto feito pelos Beatles. "Penny Lane" é uma composição de Paul e fala sobre uma região de Liverpool, que era próxima a Menlove Avenue, local onde John cresceu, na casa de sua tia Mimi. John sempre destacava este fato: "Eu fui o único Beatle a morar em Penny Lane.". David Manson tocou trumpete na música, os Beatles lançaram um filme promocional da música que não foi filmado em Liverpool mas sim em Londres. "Strawberry Fields Forever" é uma música de John no mais alto estilo psicodélico. Também traz um tema que remete a Liverpool, se referindo ao orfanato "Strawberry Fields", onde a tia de John costumava levá-lo para festivais de verão quando ele era pequeno [carece de fontes?].

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Turner, Steve. A Hard Day's Write: The Stories Behind Every Beatles' Song, Harper, New York: 1994 ISBN 0-06-095065-X
  • Lewisohn, Mark. The Complete Beatles Recording Sessions: The Official Story of the Abbey Road Years, Hamlyn Publishing Group Limited, London: 1988, ISBN 0-600-55798-7
  • Miles, Barry. Paul McCartney - Many Years From Now. Secker & Warburg, 1997. Page: 357. ISBN 0-436-28022-1

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de The Beatles é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.