1+1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja 1+1 (desambiguação).
"1+1"
Single promocional de Beyoncé
do álbum 4
Lançamento 25 de maio de 2011 (2011-05-25)
Formato(s) Download digital
Gravação Studio at the Palms
(Palms, Las Vegas, Nevada)
Triangle Sound Studio
{{(Atlanta, Geórgia)}}
Gênero(s)
Duração 4:32
Gravadora(s) Columbia
Composição
Produção
Faixas de 4
"I Care"
(2)

"1+1" é uma canção da artista musical estadunidense Beyoncé, contida em seu quarto álbum de estúdio 4 (2011). Servindo como a faixa inicial do disco, foi composta e produzida pela própria com o auxílio de The-Dream e Christopher Tricky Stewart. Inicialmente intitulada "Nothing But Love", The-Dream havia composto a faixa para incluí-la em seu segundo álbum de estúdio Love vs. Money (2009). A faixa foi lançada como um single promocional em 25 de maio de 2011, através da Columbia Records.

Musicalmente, "1+1" é uma balada derivada do R&B contemporâneo e da música soul, em que Knowles expressa seu amor sem fim ao seu parceiro; as letras apresentam fortes declarações sobre o poder do relacionamento. A obra foi aclamada pela mídia especializada, a qual prezou o ênfase dos vocais de Knowles e a sua instrumentação; alguns resenhadores a compararam com obras dos cantores compatriotas Prince e Sam Cooke. Devido ao forte número de downloads digitais após seu lançamento, conseguiu registrar entrada no 82º posto da tabela canadense Canadian Hot 100 e a 57ª colocação da Billboard Hot 100. Além disso, conseguiu entrar em tabelas britânicas, portuguesas e sul-coreanas. O vídeo musical correspondente foi dirigido pela própria artista ao lado de Lauren Briet e Ed Burke, e estreou em 26 de agosto de 2011 através do E! News. O vídeo apresenta uma direção "diferente" aos trabalhos anteriores da cantora, já que não incorpora grandes rotinas de dança, e experimenta efeitos visuais psicodélicos, bem como iluminação inovadora, que dão o clipe de uma sensação cinematográfica. A produção obteve análises positivas de críticos musicais, que prezaram o seu tema estético e sexual, em que alguns afirmaram que ele seria lembrado como um dos mais emblemáticos trabalhos visuais de Knowles.

Logo após a apresentação de Knowles no American Idol, foi divulgado um vídeo que recebeu cobertura considerável de diferentes meios de comunicação. Foi filmado por Jay-Z com um celular com câmera e mostra Knowles ensaiando "1 +1" nos bastidores da atração. Como forma de divulgação, Knowles incluiu "1+1" no repertório de um show gratuito como parte da série dos concertos de verão do programa matinal Good Morning America, no especial A Night with Beyoncé transmitido pela ITV e no seu concerto de residência 4 Intimate Nights with Beyoncé, realizado no Roseland Ballroom, em Nova Iorque. Estas apresentações ao vivo receberam recepção positiva; um escritor do The Huffington Post descreveu a performance feita no American Idol como " [uma apresentação] épica e emocionalmente carregada". As cantoras compatriotas Dondria e Tiffany Evans fizeram regravações da balada com modificações líricas.

Composição[editar | editar código-fonte]

"1+1" é uma canção de R&B e soul, com influência de indie rock[1][2][3] e uso de violão e piano. Erika Brooks Adickman escreveu que a 1+1 tem semelhanças com as músicas de Alicia Keys, "If I Ain't Got You", "Schoolhouse Rock!'s" e "Three Is a Magic Number", e a comparou com os vocais de "Halo".[4]

Ao longo da música, Beyoncé canta para um amante,e "explica que a única coisa que ela tem certeza é sobre seus sentimentos por este homem". Contessa Gayles da AOL escreveu que "1+1' é como fazer amor em circunstâncias apocalípticas".[5]

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

Beyoncé estreou "1+1 " cantando uma versão ao piano no final da decima temporada do American Idol no dia 25 de maio de 2011. Usando um vestido roxo, ela cantou a música cercada pela fumaça de efeito especial e uma iluminação vermelha, durante sua performance ela declarou: "Esta é minha canção favorita".[6] No final da performance, ela ficou caiu joelhos e apertou as mãos dos fãs que estavam na sua frente.[7] Um escritor do The Huffington Post considerou a performance de Beyoncé como "épico" e "emocionalmente".[8]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Nadine Cheung da AOL Radio elogiou o tom baixo da música,o que valoriza a voz de Beyoncé.Gabi Gregg de TJ MTV disse que a música lembra as músicas do álbum Dangerously in Love[9].Brandon Soderberg da Pitchfork Media escreveu: "(...) ela realmente explora e não afeta a qualidade da música, e quando o solo de guitarra aparece, é catártico. Naquele exato momento, esta apaixonada canção da música pop atemporal se torna um clássico por si própria"[10] No dia 1 de dezembro de 2011, Pretty Much Amazing elegeu a "1+1" como a melhor canção de 2011.[11] No dia 17 de dezembro de 2011, Sean Michaels da revista The Guardian a elegeu como melhor canção do ano de 2011.[12] Em dezembro de 2011, a revista Dummy elegeu '1+1' como a melhor canção de 2011.[13]

Lista de Melhores canções[editar | editar código-fonte]

País Crítico Nome Posição
 Estados Unidos Pretty Much Amazing[11] (por: luis tovar) 100 Best Songs of 2011 1
Dummy[13] The 52 Best Songs Of 2011 1
 Reino Unido The Guardian[12] (por: Sean Michaels) Best Songs of 2011 1

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

Download digital[14]
N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "1+1"  Beyoncé Knowles, Terius Nash, Christopher Stewart e Jackson Corey Carter 4:32

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Mesmo não sendo solicitado airplay pela sua gravadora Columbia,a música debutou na Billboard Hot 100 na 57° posição com 57,000 download digitais[15] Até dezembro de 2011, a canção vendeu mais de 194,000 mil downloads pagos nos Estados Unidos.[16]

Posições[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (2011) Melhor
Posição
 Canadá - Canadian Hot 100[17] 82
 Coreia do Sul - International Singles Charts[18] 34
 Estados Unidos - Billboard Hot 100[19] 57
 Estados Unidos - Bubbling Under R&B/Hip-Hop Singles[20] 5
 Estados Unidos - R&B/Hip-Hop Digital Songs[21] 12
Portugal Portugal - Top 30 Ring Tones[22] 14
 Reino Unido - UK Singles Chart[23] 71
 Reino Unido - R&B/Hip-Hop Chart[24] 23

Referências

  1. Corner, Lewis (26 de maio de 2011). «Beyonce releases new song '1+1'». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 27 de maio de 2011 
  2. Mansfield, Brian (25 de maio de 2011). «'Idol': Lauren sings with Carrie; Beyonce debuts a single». USA Today. Gannett Company. Consultado em 26 de maio de 2011 
  3. Rosen, Jody (28 de junho de 2011). «Beyonce - 4 - Parkwood Entertainment/Columbia». Rolling Stone. Wenner Media. Consultado em 23 de fevereiro de 2012 
  4. «Listen To Beyonce Add Up Love In "1+1"». Idolator (website). Consultado em 27 de maio de 2011 
  5. «Beyonce's '1+1' - One Sexy New Single». AOL. Consultado em 27 de maio de 2011 
  6. «Beyoncé Debuts '1+1' on 'American Idol' (Video)». Rap-Up. Consultado em 1 de junho de 2011 
  7. «Beyonce Dons Her Diva Crown On 'American Idol' Finale». MTV. Consultado em 1 de junho de 2011 
  8. «Beyonce: '1+1' Song Premiere On 'American Idol' (VIDEO)». The Huffington Post. Consultado em 1 de junho de 2011 
  9. «Beyonce, Lady Gaga and More on American Idol Finale». MTV Networks. Consultado em 27 de maio de 2011 
  10. «Playlist: Beyoncé – '1+1'». Pitchfork Media. Consultado em 31 de maio de 2011 
  11. a b «PMA's 100 Best Songs of 2011». Pretty Much Amazing. Consultado em 1 de dezembro de 2011 
  12. a b «Best albums of 2011: how Guardian critics voted». The Guardian. Guardian Media Group. Consultado em 17 de dezembro de 2011 
  13. a b «THE 52 BEST SONGS OF 2011». Dummy. Consultado em 17 de dezembro de 2011 
  14. «1+1». Amazon. Consultado em 1 de junho de 2011 
  15. «Billboard Hot 100 update.». Consultado em 1 junho de 2011 
  16. «Rihanna vs. Beyonce: Who Reigns Supreme?». Rolling Stones. 18 de dezembro de 2011. Consultado em 18 de dezembro de 2011 
  17. «Digital Songs». Billboard. Consultado em 2 de junho de 2011 
  18. «가온차트와 함께하세요». GAON. Consultado em 29 de maio de 2011 
  19. Trust, Gary (1 de junho de 2011). «'Idols' Scott McCreery & Laura Alaina Top Hot 100 Debuts, Adele Still No. 1». Billboard (em inglês). New York: Prometheus Global Media. Consultado em 2 de junho de 2011 
  20. «Bubbling Under R&B/Hip-Hop Singles». Consultado em 9 de julho de 2011 
  21. «R&B/Hip-Hop Digital Songs 2011-06-11». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em 3 de janeiro de 2012 
  22. «TOP 30 RING TONES - SEMANA 38 DE 2011». Associação Fonográfica Portuguesa. Consultado em 14 de novembro de 2011. Arquivado do original em 26 de abril de 2012 
  23. «Beyonce Album & Song Chart History». Prometheus Global Media. Consultado em 15 de dezembro de 2010 
  24. «Beyonce Album & Song Chart History». Prometheus Global Media. Consultado em 15 de dezembro de 2010