Alexandre Serfiotis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alexandre Serfiotis
Deputado federal pelo Rio de Janeiro
Período 1 de fevereiro de 2015 até a atualidade
Dados pessoais
Nascimento 29 de novembro de 1975
Porto Real, Rio de Janeiro
Partido PMDB
Profissão Médico

Alexandre Augustus Serfiotis ou simplesmente Alexandre Serfiotis (Porto Real, 29 de novembro de 1975) é um médico e político brasileiro, filiado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Foi eleito deputado federal em 2014.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

É formado em Medicina pela Universidade Iguaçu e pós-graduado em cardiologia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio).[1] Antes de se filiar ao PMDB se filiou ao Partido Social Democrático (PSD).[2]

Foi eleito deputado federal em 2014, para a 55.ª legislatura (2015-2019), pelo PSD. Posteriormente, mudou de partido, indo para o PMDB.

Como deputado federal, votou a favor da admissibilidade do processo de impeachment de Dilma Rousseff.[3] Já durante o Governo Michel Temer, votou a favor da PEC do Teto dos Gastos Públicos.[3] Em abril de 2017 foi favorável à Reforma Trabalhista.[3][4] Em agosto de 2017 esteve ausente na votação do recebimento da denúncia contra o presidente Michel Temer, no processo em que se pedia abertura de investigação, e que poderia lhe afastar da presidência da república.[5][3]

Referências

  1. a b «ALEXANDRE SERFIOTIS - PMDB/RJ». Câmara dos Deputados. Consultado em 4 de dezembro de 2016 
  2. «Legislatura 2015 a 2018». Meu Congresso Nacional. Consultado em 4 de dezembro de 2016 
  3. a b c d G1 (2 de agosto de 2017). «Veja como deputados votaram no impeachment de Dilma, na PEC 241, na reforma trabalhista e na denúncia contra Temer». Consultado em 11 de outubro de 2017 
  4. Redação (27 de abril de 2017). «Reforma trabalhista: como votaram os deputados». Consultado em 18 de setembro de 2017 
  5. Carta Capital (3 de agosto de 2017). «Como votou cada deputado sobre a denúncia contra Temer». Consultado em 18 de setembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]