Campanha presidencial de Aécio Neves em 2014

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox question.svg
Esta página ou seção carece de contexto (desde maio de 2017).

Este artigo (ou seção) não possui um contexto definido, ou seja, não explica de forma clara e direta o tema que aborda. Se souber algo sobre o assunto edite a página/seção e explique de forma mais clara e objetiva o tema abordado.

Campanha presidencial de Aécio Neves em 2014
Campanha Eleição presidencial no Brasil em 2014
Candidatos Aécio Neves
Presidente
Aloysio Nunes
Vice-presidente
Partido PSDB
Em coligação com PMN, SD, DEM, PEN, PTN, PTB, PTC, PTdoB[1]
Pessoas-chave Paulo Vasconcelos (marqueteiro)
José Agripino Maia (coordenador-geral)
Slogan Aécio 45, Muda Brasil

Aécio Neves, senador por Minas Gerais, foi oficializado candidato da coligação Muda Brasil em 14 de junho de 2014.

No primeiro turno, recebeu 34,8 milhões de votos (33,5% dos votos válidos),[2] classificando-se em segundo lugar, superando a candidata Marina Silva e disputando o segundo turno com Dilma Rousseff. No segundo turno, foi derrotado, recebendo 51 milhões de votos (48,3% dos votos válidos), contra 54,5 milhões de votos (51,6%) de sua adversária.[3]

Campanha[editar | editar código-fonte]

Sua candidatura foi oficializada em 14 de junho de 2014, em convenção do PSDB em Brasília.

Sua candidatura teve apoio de Ronaldo Fenômeno, Wanessa, Zezé Di Camargo, Luciano, Marcus Buaiz e de outros.

Banner da campanha de aécio

Referências

  1. Aécio (PSDB/45)
  2. «Apuração para presidente 2014». UOL. Consultado em 6 de outubro de 2014 
  3. «Apuração para presidente 2014». UOL. Consultado em 27 de outubro de 2014 
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.