Guerra Franco-Indígena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Guerra Franco-Indígena
Parte da(o) Guerra dos Sete Anos.
French and Indian War map.png
Mapa de locais de operações do noroeste francês.
Data 1754 a 1763
Local América do Norte.
Desfecho Vitória britânica
Tratado de Paris
Mudanças
territoriais
Nova França, a leste do rio Mississipi, é cedida para a Grã-Bretanha, com excepção de São Pedro e Miquelon; Louisiana cedida à Espanha;
Combatentes
Royal Standard of the King of France.svg Reino da França
Nova França
Nativos Aliados:
Abenaki
Algonquin
Caughnawaga Mohawk
Lenape
Mi'kmaq
Ojibwa
Ottawa
Shawnee
Wyandot
Flag of Spain.svg Império Espanhol
Flag of the United Kingdom.svg Grã-Bretanha
British-Red-Ensign-1707.svg América Britânica
Nativos Aliados:
Confederação Iroquesa
Catawba
Cherokee(até 1758)
Principais líderes
Marquis de Vaudreuil
Baron Dieskau
Louis-Joseph de Montcalm
Chevalier de Lévis François-Charles de Bourlamaque
Edward Braddock
William Shirley
Lord Loudoun
James Abercrombie
Jeffrey Amherst
Edward Boscawen
Forças
10.000 soldados, 7.900 milícia e 2.200 nativos (1759) 42.000 soldados e milícias
Vítimas
Pelo menos 5.700 mortos, feridos ou capturados. Pelo menos 11.100 mortos, feridos ou capturados.
Ataque francês em St. John's, em Terra Nova, em 1762.
Fortes britânicos e franceses no condade de Ohio entre 1753/1758.

A Guerra Franco-Indígena é o nome dado ao conflito ocorrido entre 1754 e 1763 entre os britânicos e os franceses, na suas colônias na América do Norte, tendo sido um dos teatros da Guerra dos Sete Anos. Ambos os lados possuíam povos nativos americanos como aliados. Os algonquinos e os hurões se aliaram com os franceses, enquanto os iroqueses se aliaram com os britânicos.

Por volta de 1756, a França alcançou uma superioridade militar local e seus fortes localizados em lugares estratégicos evitaram a expansão britânica na região. Contudo, o segredo da vitória colonial era o controle das linhas de comunicação e, por conseguinte, o poder naval. A eclosão da Guerra dos Sete Anos na Europa transformou a luta local. Enquanto a França via-se limitada por seus compromissos continentais, a Grã-Bretanha tomava o controle do Atlântico e isolava as forças francesas na América do Norte.

A ocupação da ilha de Minorca, então possessão britânica, pelos franceses, em 1756, provocou o bloqueio inglês às costas da França em Toulon e Brest, o que deixou indefeso o Canadá francês diante dos ataques lançados pelos ingleses às colônias ao sul do rio São Lourenço.

Em julho de 1757, o primeiro-ministro Pitt, o Velho, subiu ao poder na Grã-bretanha e conduziu a guerra com habilidade e vigor. Precisando de reforços, Louisbourg caiu em 1758. O ano de 1759 foi de vitórias britânicas - Wolfe capturou Québec, Ferdinando derrotou o exército francês em Minden e Hawke destruiu a frota francesa na baía de Quiberon. Com a ocupação de Montreal, em 1760, depois das vitórias navais britânicas da Baía de Quiberon e Lagos, todas as possessões francesas no Canadá passaram às mãos dos britânicos. O almirante Boscawen atacou com sucesso as Índias Ocidentais francesas.

Em 1761, a Espanha entrou na guerra e Pitt renunciou. A França assinara com a Espanha o chamado "pacto de família", pelo qual os britânicos perderam acesso aos portos de Portugal, o que provocou a invasão de Cuba pela Inglaterra e a ocupação de Manila, nas Índias Ocidentais.

Tratado de Paris[editar | editar código-fonte]

O Tratado de Paris, firmado em 1763, regulou finalmente as disputas marítimas e coloniais. A guerra resultou na perda de todas as possessões francesas na América do Norte com exceção de Saint Pierre e Miquelon. A Grã-Bretanha obteve todo o Canadá, parte da Louisiana, Flórida, as ilhas das Antilhas (São Vicente, Tobago, Granada e Granadinas), São Luís, além do reconhecimento de todas as suas conquistas nas Índias Ocidentais. A Espanha obteve o controle da outra parte da Louisiana, em compensação pela perda da Flórida para os britânicos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Guerra Franco-Indígena
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.