Maroon 5

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maroon 5
Maroon 5 em 2011
Informação geral
Origem Los Angeles, Califórnia
País  Estados Unidos
Gênero(s) Pop rock, pop, funk rock, blue-eyed soul, dance-pop
Período em atividade 1994-presente (2015)
Gravadora(s) Octone Records, J, A&M/Octone, Interscope
Página oficial www.maroon5.com
Integrantes Adam Levine
James Valentine
Mickey Madden
Matt Flynn
Jesse Carmichael
PJ Morton
Sam Farrar
Ex-integrantes Ryan Dusick

Maroon 5 (antes Kara's Flowers) é uma banda americana de pop rock que se originou em Los Angeles, Califórnia.[1] [2] [3] O grupo foi formado em 1994 com o nome de Kara's Flowers enquanto seus membros ainda estavam no ensino médio. Com um line-up de Adam Levine, Jesse Carmichael, Mickey Madden e Ryan Dusick, eles assinaram com a Reprise Records e lançaram um álbum, The Fourth World, em 1997. Depois de uma crítica morna do álbum, a banda se separou de sua gravadora, e os seus membros participaram da faculdade. Em 2001, a banda se reagrupou, acrescentando James Valentine à programação, e seguiu uma nova direção sob o nome Maroon 5.[4]

Maroon 5 assinou com Octone Records e lançou seu primeiro álbum sob o título Songs About Jane, em junho de 2002. O álbum do primeiro single, Harder to Breathe, recebeu airplay pesado, o que ajudou o álbum a estrear no número seis na Billboard 200 chart. O segundo e o terceiro singles do álbum, This Love e She Will Be Loved, atingiu o top cinco na Billboard Hot 100 chart. A banda ganhou o Grammy Award para Best New Artist (Melhor Artista Revelação) em 2005. Para os próximos anos, a banda excursionou extensivamente em todo o mundo em apoio de Songs About Jane e produziu duas gravações ao vivo: em 2004, 1.22.03.Acoustic e em 2005, Live - Friday the 13th.[5] Em 2006, o baterista, percussionista e backing vocal Ryan Dusick deixou a banda e foi substituído por Matt Flynn. A banda gravou seu segundo álbum, It Won't Be Soon Before Long, no início de 2007[6] e lançou-o alguns meses mais tarde. O álbum alcançou o número um no EUA Billboard 200 chart, e seu primeiro single, Makes Me Wonder, se tornou a primeira canção número um da banda na Billboard Hot 100.

Hands All Over, terceiro álbum de estúdio da banda, foi lançado em setembro de 2010 e atingiu o topo com o número dois na Billboard 200 chart. Em 2011, o álbum foi relançado e apoiado pelo single "Moves Like Jagger", que apresenta a cantora americana Christina Aguilera. A canção se tornou o segundo single da banda a alcançar o número um no Hot 100 chart, que já vendeu mais de 13,9 milhões de cópias no mundo todo, tornando-se um dos singles mais vendidos em todo o mundo.[7] Maroon 5 lançou o seu quarto álbum de estúdio, Overexposed, em junho de 2012. O álbum alcançou a posição número dois na Billboard chart 200. Seus primeiros dois singles, "Payphone" e "One More Night", foram ambos hits internacionais e atingiram o topo com os lugares de dois e um na parada Hot 100, respectivamente.

Desde sua estréia em 2002, a banda já vendeu mais de 10 milhões de álbuns e mais de 30,8 milhões de singles digitais nos Estados Unidos, e mais de 27 milhões de álbuns em todo o mundo.[8]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Kara's Flowers e a formação do Maroon 5 (1994–2002)[editar | editar código-fonte]

A história do Maroon 5 começou na época do colegial, em Los Angeles, na Califórnia. Os integrantes eram amigos, tinham 17 anos, e resolveram montar uma banda, inicialmente chamada de Kara's Flowers. Um ano após o seu primeiro show, em 1995, o grupo começou a ser procurado pela indústria fonográfica e, depois, assinou contrato com a Reprise Records. Com o nome Kara's Flowers, a banda lançou o seu disco de estréia, The Fourth World.

Kara's Flowers terminou seu contrato com a gravadora em 1999 e o plano A foi assim frustrado. Deixando Dusick e Madden para trás estudando em Los Angeles, Levine e Carmichael colocaram o plano B em ação nos dormitórios da faculdade de Nova York. Nos corredores, tocavam música gospel e as pessoas escutavam música que nunca tinham escutado antes, como Biggie Smalls, Missy Elliot e Jay-Z.

Reuniram-se com Madden e Dusick em Los Angeles e, com um novo pensamento musical veio o novo nome - Maroon - e, em 2001, um quinto membro: o guitarrista James Valentine. Alguns meses depois, eles trocam para Maroon 5, devido à já existência do nome anterior.

Songs About Jane (2002)[editar | editar código-fonte]

A Octane Records, um novo selo independente de Nova York, contratou o grupo, e em 2001, Maroon 5 entrou em estúdio com o produtor Matt Wallace (The Replacements, Faith No More, Blues Traveler). No ano seguinte (2002), foi lançado Songs About Jane, cujo primeiro single foi "Harder to Breathe", que entrou na trilha da novela Senhora do Destino; e logo depois "She Will Be Loved".

It Won't Be Soon Before Long (2007)[editar | editar código-fonte]

Maroon 5 Live in Hong Kong 29.jpg

O segundo álbum, It Won't Be Soon Before Long, foi lançado no dia 22 de Maio de 2007. O primeiro single desse foi "Makes Me Wonder". O segundo single foi o "Wake Up Call". O terceiro foi "Won't Go Home Without You". Logo depois veio "If I Never See Your Face Again" que contou com a participação da cantora Rihanna. A música "Goodnight Goodnight" teve seu clipe lançado em Novembro de 2008 no Brasil e foi tocada em algumas rádios, mas não teve lançamento oficial nos Estados Unidos.

Hands All Over (2010-2011)[editar | editar código-fonte]

O terceiro álbum de estúdio foi lançado dia 21 de setembro de 2010.[9] [ligação inativa] Intitulado Hands All Over, o álbum seria uma mistura de pop, rock e R&B.[9] Em um dos shows da turnê Back to School que transcorreu durante o mês de Novembro de 2009, a banda tocou uma música nova chamada "Last Chance" que veio como faixa bônus na versão deluxe do álbum. A produção do sucessor de It Won't Be Soon Before Long ficou por conta de Robert John "Mutt" Lange.[9] O novo álbum contém as canções "I Can't Lie", "Out of Goodbyes", "Give a Little More", "How", "Never Gonna Leave This Bed", "Get Back In My Life", "Hands All Over", "Misery", "Don't Know Nothing", "Stutter", "Runaway" e "Just a Feeling". Seu primeiro single é "Misery", que foi lançada no dia 22 de Junho de 2010.

A banda de Nashville Lady Antebellum ajudou na faixa "Out of Goodbyes". Em "Moves Like Jagger", há uma participação da cantora Christina Aguilera. Em 2014, um cover da "Misery" foi apresentado.[quem?][quando?][onde?]

Overexposed (2012-2013)[editar | editar código-fonte]

O quarto álbum de estúdio do Maroon 5, Overexposed , foi lançado em 26 de junho de 2012. Adam Levine o descreveu como o "mais diverso e pop" da banda.[10] O álbum teve Max Martin, Benny Blanco e Ryan Tedder como os principais produtores.

Foi anunciado no início de março de 2012 que Jesse Carmichael iria passar um tempo indeterminado afastado da banda para tratar de questões pessoais e focar em seu estudo musical. A banda continua seu trabalho no quarto álbum com a ajuda de seu membro de turnê PJ Morton.[11]

V (2014-presente)[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2014, a banda lançou seu quinto álbum de estúdio, V, que vendeu mais de 164.000 cópias na sua semana de estreia nos Estados Unidos.[12] Em fevereiro de 2015 a banda entra em turnê de divulgação do álbum, começando pelos EUA e Canadá, e depois seguirão para outros países[13]

Maroon 5 no Brasil[editar | editar código-fonte]

A primeira vez no país[editar | editar código-fonte]

O Maroon 5 resolveu fazer dois pocket shows, um em São Paulo e outro no Rio de Janeiro. Sem divulgação nenhuma e com apenas um single lançado, os shows foram na verdade como uma tarde de autógrafos.

Trilhas sonoras[editar | editar código-fonte]

Além da já mencionada "This Love", que foi trilha da novela da Rede Globo Senhora do Destino, "She Will Be Loved" também entrou em trilha de novela, desta vez em na temporada de 2004 de Malhação. "Sunday Morning" se juntou à coleção de trilhas sonoras da banda, fazendo parte da novela Como Uma Onda e, mais tarde, "Must Get Out", que não foi um single comercial, mas que fechou a participação de seu álbum de estréia, Songs About Jane, em trilhas de novelas globais, esta última foi A Lua Me Disse.

O retorno ao Brasil[editar | editar código-fonte]

Em 2008, estiveram novamente no Brasil fazendo uma turnê com três shows no sudeste do país. No dia 7 de novembro, na HSBC Arena (Rio de Janeiro), fizeram o primeiro de três shows no país. No dia seguinte, sábado, dia 8, o quinteto embarcou para o Pop Rock Brasil, em Belo Horizonte. E em São Paulo, no dia 9, no Via Funchal fecharam sua passagem pelo Brasil.

A surpresa do Rock in Rio[editar | editar código-fonte]

No dia 24 de Agosto de 2011, a organização do Rock in Rio anunciou a banda Maroon 5 como a ultima confirmação da quarta edição do festival, substituindo o rapper Jay-Z que cancelou sua participação no evento alegando problemas pessoais. A banda tocou no dia 1 de Outubro, mesmo dia que se apresentaram Coldplay, Maná, Skank e Frejat. Ao final do show, apresentaram "She Will Be Loved" numa performance que durou mais de oito minutos.

A quarta passagem pelo país[editar | editar código-fonte]

O grupo teve mais uma passagem pelo Brasil em 2012, fazendo três shows (Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo, respectivamente, nos dias 24, 25 e 26 de agosto). Na época, a Polícia Federal estava em greve e isso acabou influenciando no show em Curitiba no espaço Expotrade. O show estava programado para as 21:30, mas acabou atrasando por mais de três horas por conta da retenção dos equipamentos da banda na Receita Federal em São Paulo. Por conta disso houve confusões e desespero por parte de alguns fãs.[14] Já no Rio de Janeiro, os ingressos se esgotaram em apenas três dias.[15] O show fez parte do Live Music Rocks e contou com a participação da banda Keane. E em São Paulo, 30 mil pessoas lotaram a Arena Anhembi, o que fez o vocalista, Adam Levine, agradecer os fãs por terem esgotado todas as entradas: "Nunca em nossa carreira nós vendemos 30 mil ingressos para um único show!".[16]

Membros da banda[editar | editar código-fonte]

Linha do tempo

Ex-membro

Ryan Dusick – bateria, percussão, backing vocals (1994–2006)

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

2004
  • Billboard Music Awards — Artista Digital do Ano
  • MTV Europe Music Awards — Melhor Banda Revelação.
  • MTV Video Music Awards — Melhor Banda Revelação com "This Love
  • MTV Video Music Awards Latin America(VMALA) — Melhor Banda de Rock, Internacional
  • MTV Video Music Awards Latin America — Melhor Banda Revelação, Internacional
  • New Music Weekly Awards — AC40 Grupo ou dupla do ano
  • Teen Choice Awards — Canção de rock com "This Love"
  • Teen Choice Awards — Choice Banda Revelação
  • World Music Awards — Melhor Grupo Revelação
2005
  • Grammy Awards — Melhor Artista Revelação
  • Groovevolt Music and Fashion Award — Melhor Colaboração, Grupo ou Dupla com "She Will Be loved"
  • NRJ Radio — Melhor Canção Internacional com "This Love".
2006
2008
  • Grammy Awards — Melhor Performance Pop de Grupo ou Dupla com "Makes Me Wonder"[18]
2011
2012

Turnês[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Up close with Maroon 5- Facebook and Twitter competition to give patron meeting with Rock band Jamaica Gleaner (2 de janeiro de 2011). Visitado em 17 de julho de 2011.
  2. Maroon 5 American Rock Band | New Singer Biography Newcelebritybiography.com. Visitado em 17 de julho de 2011.
  3. Maroon 5 (The Best Band) Bestuff.com. Visitado em 17 de julho de 2011.
  4. Leahey, Andrew. Kara's Flowers AllMusic. Rovi Corporation. Visitado em 31 de julho de 2012.
  5. Leahey, Andrew. Maroon 5 AllMusic. Rovi Corporation. Visitado em 31 de julho de 2012.
  6. Moss, Corey (6 de março de 2007). Maroon 5 Back With 'Harder' Album After Adam Levine Gets Sick Of Partying MTV Music. Visitado em 25 de julho de 2007.
  7. Bruno Mars claims 2 best-selling digital songs of 2011 Music Week. Visitado em 8 de março de 2012.
  8. RIAA - Recording Industry Association of America - June 05, 2015 http://www.riaa.com.
  9. a b c Maroon 5 está de volta: Nova música em junho e lançamento do álbum em setembro (em inglês) Popline (10-05-2010). Visitado em 10-05-2010.
  10. Exclusive: Maroon 5 to Release 'Overexposed' Album in June Rolling Stone (26-03-2012). Visitado em 26-03-2012.
  11. Band Announcement - Jesse Carmichael Maroon 5 (09-03-2012). Visitado em 26-03-2012.
  12. Maroon 5 Tops Billboard 200 With V Billboard (14 de setembro de 2014).
  13. Maroon 5 announce 2015 World Tour Maroon 5.com (2 de setembro de 2014).
  14. Marcelo Furtado. Atraso e confusão no Maroon 5 Gazeta do Povo.
  15. Página não encontrada Virgula.
  16. G1 - Maroon 5 mostra força de pop redondo em show esgotado em SP - notícias em Música Música.
  17. Moss, Corey (February 24, 2006). They Just Won A Grammy, So Why Do Maroon 5 Feel Like Losers? MTV. Visitado em July 25 de 2007.
  18. Moss, Corey (February 24, 2006). They Just Won A Grammy, So Why Do Maroon 5 Feel Like Losers? MTV. Visitado em July 25 de 2007.
  19. Moss, Corey (November 21, 2011). Veja a lista de vencedores do American Music Awards 2011 Popline. Visitado em Dezember 25 de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Maroon 5