Protestos na Romênia em 2017

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção se refere ou tem relação com um evento atual.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (Editado pela última vez em 11 de fevereiro de 2017.)
Protestos na Romênia em 2017
22 January Romanian protest Piata Victoriei.jpg
Manifestações em frente ao Palácio Victoria, sede do governo romeno, em 22 de janeiro de 2017
Período 18 de janeiro de 2017–presente
Local
Situação em andamento
Objetivos Retirada dos decretos do governo sobre o indulto de alguns crimes e e a alteração do Código Penal relativas ao abuso de poder
Características Manifestações
Protesto sentado
Ciberativismo

Em janeiro de 2017, dias depois de o primeiro-ministro Sorin Grindeanu ter assumido o poder na Romênia, houve manifestações em todo o país contra o sobre o indulto de determinados crimes e a alteração do Código Penal da Romênia (especialmente no que se refere ao abuso de poder) propostas pelo governo.[1][2]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Apesar das reações negativas tanto das instituições judiciais como do público, o governo recentemente aprovou, em segredo,[3] uma ordem que modifica o Código Penal e o Código de Procedimento Penal durante a noite de 31 de janeiro.[1]

Os opositores levantaram acusações de que o decreto foi destinado à descriminalização de crimes de corrupção do governo e para ajudar centenas de políticos atuais e antigos a escaparem de investigações criminais ou sentenças de prisão em curso.[4] Imediatamente após ter sido anunciado que o decreto foi aprovado, mais de 25.000 pessoas protestaram naquela noite. Os protestos aumentaram no dia seguinte para mais de 300.000 pessoas em todo o país, tornando os protestos os maiores desde a queda do comunismo.[5]

Os protestos têm continuado desde então e atingiram o seu pico em 5 de Fevereiro, quando entre 500.000 e 600.000 pessoas protestaram em todo o país, tornando-os assim o maior na história da Romênia.[6][7]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Roménia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.