Sociedade Esportiva Recreativa Panambi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Maio de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
S.E.R. Panambi
Escudo SER Panambi.gif
Nome Sociedade Esportiva Recreativa Panambi
Alcunhas Verde-branca do Vale
Torcedor/Adepto Panambiense
Fundação 1 de janeiro de 2004 (14 anos)
Estádio Piratini
Capacidade 3.000
Presidente Brasil Andrê Wendeschester
Treinador Brasil Maiquel Dupont
Material (d)esportivo Brasil Drággon
Competição Estadual gaúcho sub 17
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Sociedade Esportiva Recreativa Panambi, conhecida como S. E. R. Panambi ou apenas Panambi, é um clube de futebol brasileiro. Sua sede fica na cidade de Panambi, Rio Grande do Sul. Foi fundada em 1 de Janeiro de 2004. Manda seus jogos no Estádio João Marimon Júnior, com capacidade para 3.000 pessoas. Atualmente, disputa a Divisão de Acesso do Campeonato Gaúcho.

Seu primeiro troféu, veio com a base sub 19, em 2015, conquistando o vice campeonato estadual na derrota por 3 a 0 sobre o Aimoré. 2017 caiu para a 3° divisão gaúcha. Em setembro de 2017 retornou com categorias de base, na categoria sub 17. Seu primeiro amistoso foi contra a Ser Santa Rosa no estádio Piratini, onde saiu perdendo de 1 a 0 com um gol de falta de Leandro no primeiro tempo, jogador do Santa Rosa, no segundo tempo a equipe empata,após boa jogada de Gabriel Vargas, Jonas Amaral faz o gol, minutos depois Jonas faz boa jogada e Marco Fangundes sofre pênalti, convertido por Caubi Mass.


O primeiro título da equipe sub 17 veio na cidade de Cruz Alta, seu maior rival, na semifinal contra a equipe de Santo Ângelo, atacante do time das missões cai na área e o jogo prossegue, cinco minutos para a partida acabar o bandeira marca pênalti pra equipe adversária de forma equivocada, Panambi teve que correr atrás do resultado e no final do jogo Didu empatou o jogo, onde a ser Panambi de modo sofrido, saiu vitoriosia nas penalidades com o placar de 8x7. A final aconteceu contra o Atlético de ijuí,onde derrotou o time Panambiense na fase de grupos e eliminou a Ser Cruz Alta na outra semifinal, Panambi derrotou o time de ijuí por 2 a 0 com gols de Alandelon, e sagrou-se campeã do torneio, trazendo o primeiro troféu de campeão, para a cidada das máquinas.


Seu segundo título veio no Ct do Tac de Três Passos, em um quadrangular disputado contra a Ser Cesa e Campo novo, primeiro jogo derrotou Ser Cesa pelo placar de 6 x 0, e na decisão em um jogo truncando, contra o Campo Novo, derrotou por 3 a 1, com um pênalti pego pelo Andrei Malheiros, goleiro da Ser Panambi. E sagrou-se campeã pela segunda vez na sua história, trazendo o terceiro troféu para a cidade das máquinas, e o segundo troféu de campeão. Panambi leva mais três troféis pra casa com Caubi Mass, se torna o Artilheiro da competição e melhor jogador e Andrei Malheiros goleiro menos vasado.

O grande jogo contra seu maior rival chegou, em jogo truncando contra a ser Cruz Alta com chances para os dois lados, um pênalti perdido pela ser Panambi acaba no placar de 0 x 0 consagrando os goleiros, mas não passa pela metade do segudo tempo, pois deu briga.


Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.